Tradução Brasileira (2010) (TB)
4

Oração da noite de confiança em Deus

Ao cantor-mor, com instrumentos de cordas. Salmo de Davi

41Quando eu

4.1
Sl 18.6
clamar,
4.1
Sl 3.4
17.6
responde-me,

Deus da minha justiça.

(Na angústia,

4.1
Sl 18.18-19
tens-me dado folga).

4.1
Sl 25.16
Compadece-te de mim e
4.1
Sl 17.6
39.12
ouve a minha oração.

2Até quando, varões ilustres, tornareis a

4.2
Sl 3.3
minha glória em
4.2
Sl 69.7-10,19-20
desonra?

Amareis

4.2
Sl 12.2
31.6
a vaidade, buscareis
4.2
Sl 31.18
a mentira? (Selá)

3Sabei, porém, que Jeová

4.3
Sl 135.4
distingue aquele que é
4.3
Sl 31.23
50.5
79.2
piedoso;

Jeová

4.3
Sl 6.8-9
17.6
ouvirá, quando eu clamar a ele.

4

4.4
Sl 99.1
Tremei e não
4.4
Sl 119.11
Ef 4.26
pequeis;

4.4
Sl 77.6
consultai, no leito, com o vosso coração e sossegai. (Selá)

5Oferecei

4.5
Sl 51.19
Dt 33.19
sacrifícios de justiça

4.5
Sl 37.3,5
62.8
e confiai em Jeová.

6Muitos há que dizem:

4.6
Jó 7.7
Jó 9.25
Quem nos mostrará algum bem?

4.6
Nm 6.26
Sl 80.3,7,19
Levanta, Jeová, sobre nós a luz do teu rosto.

7Puseste no meu coração mais

4.7
Sl 97.11-12
alegria

que a deles,

4.7
Sl 119.14,72
quando o trigo e o mosto lhes abundam.

8Em paz, me

4.8
Jó 11.19
3.5
deitarei e dormirei num instante,

porque só tu, Jeová, fazes que eu

4.8
Dt 12.10
16.9
habite em segurança.

5

Davi ora para que lhe seja concedida proteção contra os ímpios

Ao cantor-mor, para flautas. Salmo de Davi

51

5.1
Sl 54.2
Dá ouvidos, Jeová, às minhas palavras,

atende ao

5.1
Sl 104.34
murmúrio dos meus lábios.

2Escuta,

5.2
Sl 84.3
Rei meu, Deus meu,
5.2
Sl 140.6
a voz do meu clamor,

pois a ti é que oro.

3Ouvirás de manhã a minha voz, Jeová;

5.3
Sl 88.13
de manhã te apresentarei a minha oração
5.3
Sl 130.5
e ficarei de vigia.

4Pois tu não és Deus que

5.4
Sl 11.5
34.16
se compraza na maldade;

5.4
Sl 92.15
o mau não poderá assistir contigo.

5Não

5.5
Sl 1.5
poderão permanecer à tua vista os
5.5
Sl 73.3
75.4
arrogantes;

5.5
Sl 11.5
45.7
aborreces todos os que obram a iniquidade.

6

5.6
Sl 52.4-5
Destruirás os que proferem mentiras;

ao

5.6
Sl 55.23
sanguinário e ao fraudulento, Jeová abomina.

7Quanto a mim, porém,

5.7
Sl 69.13
pela abundância da tua bondade, entrarei na tua casa;

no

5.7
Sl 115.11,13
temor que te é devido,
5.7
Sl 138.2
inclinar-me-ei para o teu templo.

8

5.8
Sl 31.3
Guia-me, Jeová,
5.8
Sl 31.1
na tua retidão, por
5.8
Sl 27.11
causa dos meus inimigos;

aplaina diante de mim o teu caminho.

9Pois, na boca deles, não

5.9
Sl 52.3
há fidelidade.

O seu

5.9
Sl 7.14
interior é todo crimes;

a sua

5.9
Rm 3.13
garganta é um sepulcro aberto;

lisonjeiam com a sua língua.

10Toma-lhes contas, ó Deus;

que

5.10
Sl 9.16
caiam por seus mesmos planos!

5.10
Sl 36.12
Lança-os fora por suas muitas transgressões,

porque eles

5.10
Sl 107.10-11
se rebelaram contra ti.

11

5.11
Sl 33.1
64.10
Regozijem-se, porém, todos os que em ti
5.11
Sl 2.12
confiam;

folguem de júbilo para sempre, porque tu

5.11
Sl 12.7
os defendes.

Exultem em ti também os que

5.11
Sl 69.36
amam o teu nome.

12Pois tu

5.12
Sl 29.11
abençoarás o justo;

5.12
Sl 32.7,10
cercá-lo-ás, Jeová, de favor, como dum pavês.

6

Davi recorre à misericórdia de Deus

Ao cantor-mor, com instrumentos de corda afinados em seminite. Salmo de Davi

61Jeová, não me

6.1
Sl 38.1
118.18
repreendas na tua ira,

nem me castigues no teu furor.

2Compadece-te de mim, Jeová, porque eu me sinto

6.2
Sl 102.4,11
abatido;

6.2
Sl 41.4
147.3
sara-me, Jeová, porque os
6.2
Sl 22.14
31.10
meus ossos estão perturbados.

3A minha

6.3
Sl 88.3
Jo 12.27
alma está também em extremo perturbada;

mas tu, Jeová,

6.3
Sl 90.13
até quando?

4Volta-te, Jeová,

6.4
Sl 17.13
livra a minha alma.

Salva-me por amor da tua bondade.

5Pois,

6.5
Sl 30.9
88.10,12
115.17
Ec 9.10
Is 38.18
na morte, não há recordação de ti;

no Sheol, quem te dará louvor?

6Estou

6.6
Sl 69.3
cansado do meu gemido;

todas as noites faço nadar a minha cama;

inundo de

6.6
Sl 42.3
lágrimas o meu leito.

7A minha

6.7
Sl 31.9
38.10
vista de mágoa desfalece,

tem-se envelhecido por causa de todos os meus adversários.

8

6.8
Sl 119.115
Apartai-vos de mim, todos os que obrais a iniquidade,

porque Jeová

6.8
Sl 28.6
já ouviu a voz do meu pranto.

9Jeová

6.9
Sl 116.1
já ouviu a minha súplica,

Jeová

6.9
Sl 66.19-20
receberá a minha oração.

10Todos os meus inimigos serão

6.10
Sl 71.24
envergonhados e, em extremo, perturbados;

tornarão atrás e serão envergonhados

6.10
Sl 73.19
num momento.