Tradução Brasileira (2010) (TB)
26

Davi recorre a Deus, confiando na sua própria integridade

Salmo de Davi

261

26.1
Sl 7.8
Julga-me, Jeová, porque eu
26.1
Pv 20.7
tenho andado na minha integridade;

em Jeová

26.1
Sl 13.5
tenho confiado
26.1
Hb 10.23
sem vacilar.

2

26.2
Sl 139.23
Examina-me, Jeová, e experimenta-me;

26.2
Sl 7.9
põe à prova os meus rins e o meu coração.

3Pois a tua

26.3
Sl 48.9
benignidade está diante dos meus olhos,

e tenho

26.3
Sl 86.11
andado na tua verdade.

4Não me

26.4
Sl 1.1
tenho sentado com homens falsos,

nem terei relações

26.4
Sl 28.3
com dissimuladores.

5

26.5
Sl 31.6
139.21
Odeio o ajuntamento dos malfazejos

e com iníquos não me sentarei.

6

26.6
Sl 73.13
Em inocência lavarei as minhas mãos;

assim, Jeová,

26.6
Sl 43.3-4
me acercarei do teu altar,

7para fazer

26.7
Sl 9.1
ouvir-se a voz de ação de graças

e narrar todas as tuas maravilhas.

8

26.8
Sl 27.4
Amo, Jeová, a habitação da tua casa

e o lugar

26.8
Sl 24.7
onde assiste a tua glória.

9Não leves a minha alma juntamente com os pecadores,

nem a minha vida

26.9
Sl 139.19
com os sanguinários,

10em cujas mãos

26.10
Sl 37.7
há crimes,

e cuja direita está cheia de

26.10
Sl 15.5
peitas.

11Quanto a mim, porém,

26.11
Sl 26.1
andarei na minha integridade;

26.11
Sl 44.26
69.18
resgata-me e compadece-te de mim.

12O meu pé está firme

26.12
Sl 27.11
em terreno plano;

26.12
Sl 22.22
nas congregações, bendirei a Jeová.

27

Confiança em Deus e anelo pela sua presença

Salmo de Davi

271Jeová é a minha

27.1
Sl 18.28
Is 60.20
Mq 7.8
luz e a
27.1
Sl 62.7
118.14
Êx 15.2
Is 33.2
Jn 2.9
minha salvação; de quem me recearei?

Jeová é a

27.1
Sl 28.8
fortaleza da minha vida; de
27.1
Sl 118.6
quem terei medo?

2Quando malfeitores se chegaram a mim para

27.2
Sl 14.4
comerem as minhas carnes,

eles, meus opressores e inimigos,

27.2
Sl 9.3
tropeçaram e caíram.

3Ainda que

27.3
Sl 3.6
se acampe contra mim um exército,

não se receará o meu coração;

embora se levante contra mim a guerra,

ainda assim

27.3
Jó 4.6
conservarei eu a minha confiança.

4Uma coisa pedi a Jeová e a buscarei:

que

27.4
Sl 23.6
habite eu na Casa de Jeová todos os dias da minha vida,

para contemplar

27.4
Sl 90.17
a formosura de Jeová

e

27.4
Sl 18.6
estudar no seu templo.

5Pois,

27.5
Sl 50.15
no dia da adversidade, me
27.5
Sl 31.20
ocultará no seu pavilhão;

no recôndito do seu tabernáculo,

27.5
Sl 17.8
me esconderá;

sobre uma rocha

27.5
Sl 40.2
me elevará.

6E, agora, será elevada

27.6
Sl 3.3
a minha cabeça acima dos meus inimigos que me cercam;

e, no seu tabernáculo, oferecerei

27.6
Sl 107.22
sacrifícios de júbilo;

27.6
Sl 13.6
cantarei, sim, cantarei louvores a Jeová.

7

27.7
Sl 4.3
61.1
Ouve, Jeová, quando eu, com a minha voz, clamar;

compadece-te também de mim e

27.7
Sl 13.3
responde-me.

8Quando disseste:

27.8
Sl 105.4
Am 5.6
Buscai o meu rosto, a ti te disse o meu coração:

O teu rosto, Jeová,

27.8
Sl 34.4
buscarei.

9

27.9
Sl 69.17
Não escondas de mim o teu rosto;

não rejeites com

27.9
Sl 6.1
ira o teu servo.

Tu tens sido o

27.9
Sl 40.17
meu auxílio;

27.9
Sl 94.14
não me enjeites, nem me
27.9
Sl 37.28
desampares,

Ó Deus da minha salvação.

10Pois, meu pai

27.10
Is 49.15
e minha mãe me abandonaram,

27.10
Is 40.11
Mas Jeová me acolherá.

11

27.11
Sl 25.4
86.11
Ensina-me, Jeová, o teu caminho

e conduze-me

27.11
Sl 5.8
26.12
por uma vereda plana, por causa dos que me espreitam.

12Não me

27.12
Sl 41.2
entregues à vontade dos meus adversários

porque contra mim se levantam

27.12
Sl 35.11
Dt 19.18
Mt 26.60
falsas testemunhas e os que
27.12
At 9.1
respiram crueldade.

13Oh! Se eu não houvera crido

27.13
Sl 31.19
que veria a bondade de Jeová

na

27.13
Sl 52.5
116.9
142.5
Jó 28.13
Is 38.11
Jr 11.19
terra dos viventes!

14

27.14
Sl 25.3
37.34
40.1
62.5
130.5
Pv 20.22
Is 25.9
Espera tu por Jeová.

27.14
Sl 31.24
Tem bom ânimo, e fortifique-se o teu coração;

sim, espera tu por Jeová.

28

Davi roga a Deus que o auxilie e louva a Deus porque ouviu as suas súplicas

Salmo de Davi

281A ti, Jeová, clamarei.

28.1
Sl 18.2
Rocha minha, não sejas surdo para comigo;

não suceda que,

28.1
Sl 35.22
39.12
83.1
ficando tu em silêncio a meu respeito,

eu me torne semelhante

28.1
Sl 88.4
143.7
Pv 1.12
aos que descem à cova.

2Ouve a

28.2
Sl 140.6
voz das minhas súplicas, quando a ti clamar por socorro,

28.2
Sl 134.2
141.2
Lm 2.19
1Tm 2.8
quando levantar as minhas mãos
28.2
Sl 5.7
138.2
para o teu
28.2
1Rs 6.5
santo oráculo.

3

28.3
Sl 26.9
Não me arrastes juntamente com os iníquos

e com os que obram a iniquidade,

28.3
Sl 12.2
55.21
62.4
Jr 9.8
os quais falam de paz com o seu próximo,

mas têm em seus corações a maldade.

4Dá-lhes

28.4
Sl 62.12
2Tm 4.14
segundo a sua obra e segundo a maldade dos seus feitos;

dá-lhes segundo o que fizeram as suas mãos.

Retribui-lhes o que eles merecem.

5Porquanto não

28.5
Is 5.12
prestam atenção às obras de Jeová,

nem ao que ele fez com as suas mãos.

Derrubá-los-á e não os reedificará.

6Bendito seja Jeová, porque

28.6
Sl 28.2
ouviu a voz das minhas súplicas!

7Jeová é a

28.7
Sl 59.17
minha força e o
28.7
Sl 3.3
meu escudo;

nele

28.7
Sl 13.5
112.7
tem confiado o meu coração, e sou ajudado.

Por isso,

28.7
Sl 16.9
exulta o meu coração,

e, com o

28.7
Sl 40.3
69.30
meu cântico, o louvarei.

8Jeová é a

28.8
Sl 89.17
força do seu povo,

é uma

28.8
Sl 27.1
140.7
fortaleza salvadora para o seu ungido.

9

28.9
Sl 106.47
Salva o teu povo e abençoa a
28.9
Sl 33.12
106.40
Dt 9.29
32.9
1Rs 8.51
tua herança;

28.9
Sl 80.1
pastoreia-os e
28.9
Dt 1.31
Is 40.11
46.3
63.9
exalta-os para sempre.