Tradução Brasileira (2010) (TB)
1

Ameaças contra Israel e Judá

11Palavra de Jeová que veio a

1.1
Jr 26.18
Miqueias,
1.1
Mq 1.14
morastita, nos dias de
1.1
2Rs 15.5,7,32-38
2Cr 27.1-9
Is 1.1
Os 1.1
Jotão,
1.1
2Rs 16.1-20
2Cr 28.1-27
Is 1.1
7.1-12
Os 1.1
Acaz e
1.1
2Rs 18.1-21
2Cr 27.1-9
Is 1.1
36.1—39.8
Os 1.1
Ezequias, reis de Judá, a qual ele viu sobre Samaria e Jerusalém.

2Ouvi, todos os povos;

1.2
Jr 6.19
22.29
escutai, ó terra e tudo o que nela há; e seja
1.2
Sl 50.7
testemunha contra vós o Senhor Jeová, o Senhor, desde o seu santo templo. 3Pois eis que Jeová
1.3
Is 26.21
está a sair do seu lugar; ele descerá e
1.3
Am 4.13
pisará os altos da terra. 4
1.4
Sl 97.5
Is 64.1-2
Na 1.5
Os montes se derreterão debaixo dele, e os vales se fenderão, como a cera diante do fogo, como as águas que se precipitam por um declive. 5Por causa da transgressão de Jacó, sucede tudo isso e por causa dos pecados da casa de Israel. Qual é a transgressão de Jacó? Não é
1.5
Is 7.9
28.1
Am 8.14
Samaria? E quais são
1.5
2Cr 34.3-4
os altos de Judá? Não é Jerusalém? 6Por isso, de Samaria farei
1.6
Mq 3.12
um montão de pedras no campo
1.6
Jr 31.5
Am 5.11
e plantações de vinhas;
1.6
Lm 4.1
farei rebolar as suas pedras para o vale e
1.6
Ez 13.14
descobrirei os seus fundamentos. 7Todas as suas
1.7
Dt 9.21
2Cr 34.7
imagens esculpidas serão feitas em pedaços, e todos os seus
1.7
Dt 23.18
Is 23.17
salários serão queimados a fogo; quanto a todos os seus ídolos, deles farei uma desolação; porque pelo salário de prostituta os tem ajuntado, e para o salário de prostituta voltarão.

8Por isso, prantearei e uivarei, andarei

1.8
Is 32.11
despojado e nu; farei lamentação como
1.8
Is 13.21-22
de chacais e pranto como de avestruzes. 9Pois as suas
1.9
Jr 30.12,15
feridas são incuráveis; o mal já chegou até Judá; estende-se até a
1.9
Mq 1.12
Is 3.26
porta do meu povo, até Jerusalém. 10
1.10
2Sm 1.20
Não o deis a saber em Gate, em Aco não choreis; em Bete-Le-Afra, revolvo-me em pó. 11Passa, ó moradora de Safir, em vergonhosa
1.11
Ez 23.29
nudez; a moradora de
1.11
Js 15.37
Zaanã não saiu para fora; o pranto de Bete-Ezel tirará de vós o lugar em que está assente. 12Pois a moradora de Marote
1.12
Is 59.9-11
Jr 14.19
espera ansiosamente pelo bem; porque de Jeová desceu o mal até a
1.12
Mq 1.9
porta de Jerusalém. 13
1.13
Am 2.14
Põe ao carro o cavalo ligeiro, ó moradora de
1.13
Js 10.3
2Rs 14.19
Is 36.2
Laquis; ela tornou-se o princípio do pecado para a filha de Sião, porque em ti se acharam as
1.13
Mq 1.5
transgressões de Israel. 14Portanto darás a
1.14
Mq 1.1
Moresete-Gate
1.14
2Rs 16.8
presentes de despedida; as casas
1.14
Js 15.44
de Aczibe se tornarão
1.14
Jr 15.18
em engano para os reis de Israel. 15Ainda trarei a ti, ó moradora de
1.15
Js 15.44
Maressa, aquele que
1.15
Mq 5.2
te possuirá; a glória de Israel chegará até
1.15
Js 12.14
15.35
2Sm 23.13
Adulão. 16Faze-te
1.16
Is 22.12
calva e rapa a tua cabeça pelos filhos das tuas delícias; alarga a tua calva como a águia, porque eles
1.16
Am 7.11,17
foram de ti para o cativeiro.

2

Ai dos opressores gananciosos

21Ai dos que

2.1
Sl 36.4
Is 32.7
Na 1.11
maquinam a iniquidade e planejam o mal nas suas camas!
2.1
Os 7.6-7
Quando raiar o dia, põem-na por obra, porque está
2.1
Gn 31.29
Dt 28.32
Pv 3.27
no poder da sua mão. 2
2.2
Jr 22.17
Am 8.4
Cobiçam campos
2.2
Is 5.8
e apoderam-se deles; cobiçam casas e arrebatam-nas; eles
2.2
1Rs 21.1-15
oprimem um homem e sua casa, a saber, um homem e sua herança. 3Portanto, assim diz Jeová: Eis que contra
2.3
Jr 8.3
Am 3.1-2
esta família
2.3
Dt 28.48
Jr 18.11
maquino um mal, de que
2.3
Lm 1.14
5.5
não retirareis as vossas cervizes, e não andareis
2.3
Is 2.11-12
arrogantemente; pois é este
2.3
Am 5.13
um tempo mau. 4Naquele dia,
2.4
Hc 2.6
far-se-á contra vós uma parábola,
2.4
Mq 1.8
Jr 9.10,17-21
e se pranteará um pranto lastimoso, e se dirá: Estamos de todo
2.4
Is 6.11
24.3
Jr 4.13
despojados; ele troca a porção do meu povo; como ele a remove de mim! Aos rebeldes
2.4
Jr 6.12
8.10
reparte os nossos campos. 5Portanto, tu não terás quem
2.5
Nm 34.13,16-29
Js 18.4,10
meça com cordel uma porção na congregação de Jeová.

6

2.6
Is 30.10
Am 2.12
7.16
Não profetizeis, assim profetizam eles. A estes tais
2.6
Mq 3.6
Is 29.10
não profetizarão;
2.6
Mq 6.16
não cessarão os opróbrios. 7Acaso, dir-se-á, ó casa de Jacó: Está
2.7
Is 50.2
59.1
estreitado o Espírito de Jeová? São estes os seus feitos? Porventura, não são as minhas palavras
2.7
Sl 119.65,68,116
Jr 15.16
salutares ao que
2.7
Sl 15.2
84.11
anda retamente? 8Mas, recentemente, o meu povo se tem levantado
2.8
Jr 12.8
como inimigo; de sobre a vestidura
2.8
Mq 3.2-3
7.2-3
arrancais o manto aos que passam
2.8
Sl 120.6-7
em segurança como homens contrários à guerra. 9As mulheres do meu povo, vós as
2.9
Jr 10.20
lançais das suas casas agradáveis; de seus filhinhos tirais para sempre
2.9
Ez 39.21
Hc 2.14
a minha glória. 10
2.10
Lv 18.25,28-29
Lm 4.14-15
Levantai-vos e ide-vos embora, pois este não é o
2.10
Dt 12.9
vosso lugar de descanso; ide-vos por causa da
2.10
Sl 106.38
imundícia que traz destruição, sim, destruição enorme. 11Se um homem, seguindo o vento e a
2.11
Jr 5.13,31
falsidade, mentir, dizendo: Eu te profetizarei de
2.11
Is 28.7
vinho e de bebida forte; será este tal o profeta
2.11
Is 30.10-11
deste povo.

12Certamente,

2.12
Mq 4.6-7
te ajuntarei todo, ó Jacó; certamente, congregarei
2.12
Mq 5.7-8
7.18
o restante de Israel; pô-los-ei juntos como ovelhas no curral, como rebanho no meio do seu pasto; farão grande estrondo por causa
2.12
Jr 33.22
da multidão de homens. 13O que abre o caminho subiu adiante deles, romperam, e passaram pela porta, e por ela saíram; o seu rei passou adiante deles,
2.13
Mq 5.4
e Jeová em frente deles.