Tradução Brasileira (2010) (TB)
1

O amor de Jeová por Jacó

11

1.1
Is 13.1
Na 1.1
Hc 1.1
Zc 9.1
Oráculo da palavra de Jeová a Israel, por intervenção de Malaquias.

2Eu vos tenho

1.2
Dt 4.37
23.5
Is 41.8-9
Jr 31.3
amado, diz Jeová. Contudo, vós dizeis:
1.2
Ml 1.7
Ml 2.14,17
3.7-8,13
Em que nos tens amado? Acaso não era Esaú irmão de Jacó? — diz Jeová. Contudo,
1.2
Rm 9.13
amei a Jacó, 3e aborreci a Esaú,
1.3
Jr 49.16-18
Ez 35.8,15
e fiz dos seus montes uma desolação, e dei a sua herança aos chacais do deserto. 4Portanto, Edom diz: Temos sido
1.4
Jr 5.17
arruinados, mas
1.4
Is 9.9-10
voltaremos e edificaremos os lugares desolados. Assim diz Jeová dos Exércitos: Eles
1.4
Am 3.15
5.11
6.11
edificarão; eu, porém, demolirei; e chamar-lhes-ão Termo de Impiedade e Povo contra o qual Jeová está indignado
1.4
Is 34.5,10
Ez 35.9
Ob 10
para sempre. 5Os vossos olhos o verão, e vós direis:
1.5
Sl 35.27
Mq 5.4
Magnificado seja Jeová sobre o termo de Israel.

6O filho

1.6
Êx 20.12
Pv 30.11,17
honra a seu pai, e o servo, a seu amo; se eu, pois,
1.6
Ml 2.10
Dt 1.31
Is 1.2
Jr 3.4
sou pai, onde está a minha honra? E, se sou amo, onde está o
1.6
Ml 3.5
temor de mim? — diz Jeová dos Exércitos a vós,
1.6
Ml 2.1-9
Sf 3.4
ó sacerdotes, que desprezais o meu nome. Vós dizeis: Em que temos desprezado o teu nome? 7Ofereceis sobre o meu altar
1.7
Lv 21.6,8
pão
1.7
Ml 1.8,13
profano e dizeis: Em que te havemos profanado? Nisto que dizeis:
1.7
Ml 1.12
A mesa de Jeová é desprezível. 8Quando oferecerdes em sacrifício um animal
1.8
Dt 15.21
cego, isso não é mau? E, quando oferecerdes o que é coxo e doente, isso não é mau? Apresenta-o, pois, ao teu governador; acaso, terá ele agrado em ti? Ou aceitará ele a tua pessoa? — diz Jeová dos Exércitos. 9Agora,
1.9
Jr 27.18
Jl 2.12-14
suplicai o favor de Deus, para que se compadeça de nós (isso tem sido feito por vossas mãos). Acaso,
1.9
Am 5.22
aceitará ele qualquer um de vós? — diz Jeová dos Exércitos. 10Oxalá que entre vós houvesse um só que
1.10
Is 1.13
fechasse as portas, para que não acendêsseis debalde fogo sobre o meu altar! Não tenho prazer em vós, diz Jeová dos Exércitos, nem
1.10
Jr 14.10,12
Os 5.6
aceitarei da vossa mão oferta alguma. 11Pois, desde o
1.11
Is 45.6
nascente do sol até o poente do mesmo, é grande entre os gentios o meu nome; e em todo o lugar se oferece ao meu nome
1.11
Is 60.6
incenso e uma oblação pura; porque o meu nome é
1.11
Is 12.4-5
54.5
Jr 10.6-7
grande entre os gentios, diz Jeová dos Exércitos. 12Mas vós
1.12
Ml 1.7
o profanais, nisto que dizeis: A mesa de Jeová está profanada, e o seu fruto, isto é, a sua comida, é desprezível. 13Dizeis também: Eis que de
1.13
Is 43.22
canseira é! E tende-lo desprezado, diz Jeová dos Exércitos; e tendes trazido o que foi
1.13
Lv 6.4
Is 61.8
roubado,
1.13
Ml 1.8
e o coxo, e o doente; assim, trazeis a oferta.
1.13
Ml 1.10
Aceitaria eu isso da vossa mão? — diz Jeová. 14Mas maldito seja o enganador que tem no seu rebanho um animal macho, e vota, e sacrifica a Jeová o que
1.14
Lv 22.18-20
At 5.1-4
tem mácula, pois eu sou um grande
1.14
Zc 14.9
rei, diz Jeová dos Exércitos, e o meu nome é
1.14
Sf 2.11
terrível entre os gentios.

2

Repreensão dos sacerdotes ímpios

21Agora, para vós,

2.1
Ml 2.7-8
Ml 1.6
ó sacerdotes, é este mandamento. 2Se
2.2
Lv 26.14-15
Dt 28.15
não ouvirdes e se não aplicardes o vosso coração a dar glória ao meu nome, diz Jeová dos Exércitos, enviarei sobre vós
2.2
Dt 28.16-20
a maldição e amaldiçoarei as vossas bênçãos; já as tenho
2.2
Ml 3.9
amaldiçoado, porque não aplicais a isso o vosso coração. 3Eis que
2.3
Lv 26.16
Dt 28.38
reprovarei a semente por causa de vós
2.3
Na 3.6
e atirar-vos-ei à cara com o esterco, sim, com o esterco
2.3
Êx 29.14
dos vossos sacrifícios; e juntamente com ele sereis levados. 4Sabereis que vos enviei este mandamento, para que
2.4
Nm 3.45
18.21
a minha aliança fosse com Levi, diz Jeová dos Exércitos. 5A minha aliança com ele foi de vida e de
2.5
Nm 25.12
paz; eu lhas dei para que me temesse,
2.5
Nm 25.7-8,13
e ele me temeu e teve medo do meu nome. 6A
2.6
Sl 119.142,151,160
lei da verdade esteve na sua boca, e a injustiça não se achou nos seus lábios; ele andou
2.6
Dt 33.8-9
Sl 37.37
comigo em paz e em equidade e da iniquidade
2.6
Jr 23.22
apartou a muitos. 7Pois os lábios do sacerdote devem guardar
2.7
Lv 10.11
Ne 8.7
a ciência, e da sua boca devem os homens
2.7
Nm 27.21
Dt 17.8-11
procurar a lei; porque ele é o mensageiro de Jeová dos Exércitos. 8Mas vós vos tendes
2.8
Ml 3.7
desviado do caminho; e tendes feito a muitos
2.8
Jr 18.15
tropeçar na lei; tendes
2.8
Ez 44.10
corrompido a aliança de Levi, diz Jeová dos Exércitos. 9Portanto, também eu vos tenho feito
2.9
Ml 1.7,12
desprezíveis e
2.9
Ez 7.26
vis diante de todo o povo, assim como vós não tendes observado os meus caminhos, mas vos tendes deixado levar de
2.9
Dt 1.17
Mq 3.11
respeitos humanos na lei.

Os casamentos com mulheres estranhas e o divórcio são ilícitos

10Não temos todos nós

2.10
Is 63.16
64.8
Jr 31.9
um mesmo pai? Não nos criou um mesmo Deus? Por que nos havemos
2.10
Jr 9.4-5
aleivosamente, cada um com seu irmão, profanando a
2.10
Êx 19.4-6
24.3,7,8
aliança de nossos pais? 11Judá se tem havido
2.11
Jr 3.7-9
aleivosamente; e uma abominação se comete em Israel e em Jerusalém; porque Judá tem
2.11
Ed 9.1-2
profanado a santidade de Jeová, a qual ele ama, e se casou com a filha dum deus estranho. 12No caso do homem que fizer isso,
2.12
Ez 24.21
Os 9.12
Jeová exterminará das tendas de Jacó o que vela, e o que responde, e o
2.12
Ml 1.10,13
que faz ofertas a Jeová dos Exércitos. 13Ainda fazeis mais isto: cobris de lágrimas, de choro e de gemidos o altar de Jeová, de sorte que ele
2.13
Jr 11.14
14.12
não olha mais para a oferta, nem a aceitará com prazer da vossa mão. 14Todavia dizeis: Por quê? Porque Jeová tem sido testemunha entre ti e a mulher da tua mocidade, contra a qual te hás havido
2.14
Ml 3.5
Jr 9.2
aleivosamente, sendo ela a tua companheira e a mulher da tua aliança. 15Não fez ele
2.15
Gn 2.24
Mt 19.4-5
somente um, ainda que lhe sobrava o espírito? E por que somente esse um? Ele buscava
2.15
Rt 4.12
1Sm 2.20
uma semente pia. Portanto, guardai o vosso espírito, e não se haja alguém
2.15
Êx 20.14
Lv 20.10
aleivosamente contra a mulher da sua mocidade. 16Pois aborreço
2.16
Dt 24.1
Mt 5.31
19.6-8
o divórcio, diz Jeová, Deus de Israel, e aquele que cobre de
2.16
Sl 73.6
Is 59.6
violência os seus vestidos, diz Jeová dos Exércitos. Portanto, guardai o vosso espírito, para que não vos hajais aleivosamente.

17Tendes

2.17
Is 43.22,24
enfadado a Jeová com as vossas palavras. Todavia dizeis: Em que o temos enfadado? Nisto que dizeis:
2.17
Is 5.20
Sf 1.12
Todo o que faz o mal é bom aos olhos de Jeová, e nestes tais ele
2.17
Jó 9.24
se deleita; ou onde está o Deus do
2.17
Is 5.19
Jr 17.15
juízo?