Tradução Brasileira (2010) (TB)
11

O juízo de Deus contra os chefes do povo

111Demais, o Espírito

11.1
Ez 11.24
Ez 3.12,14
8.3
43.5
levantou-me e levou-me à
11.1
Ez 10.19
43.4
porta oriental da Casa de Jeová, a qual olha para o oriente. Eis que estavam à entrada da porta
11.1
Ez 8.16
vinte e cinco homens, e vi no meio deles a Jaazanias, filho de Azur, e a
11.1
Ez 11.13
Pelatias, filho de Benaías, príncipes do povo. 2E disse-me: Filho do homem, estes são os homens que maquinam iniquidade, e que
11.2
Sl 2.1-2
52.2
Is 30.1
Jr 5.5
Mq 2.1
dão perversos conselhos nesta cidade, 3e que dizem: O tempo não está próximo de edificar casas; esta
11.3
Ez 11.7,11
Ez 24.3,6
Jr 1.13
cidade é a caldeira, e nós somos a carne. 4Portanto,
11.4
Ez 3.4,17
profetiza contra eles, filho do homem, profetiza.

5O Espírito de Jeová

11.5
Ez 3.24
8.1
caiu sobre mim, e Jeová me disse: Fala:
11.5
Ez 2.4-5,7
Assim diz Jeová: Isto é o que dissestes, casa de Israel; pois
11.5
Jr 11.20
17.10
eu conheço
11.5
Ez 38.10
as coisas que vos entram na mente. 6
11.6
Ez 7.23
22.2-6,9,12,27
Is 1.15
Jr 7.9
Multiplicastes os vossos mortos nesta cidade e enchestes de mortos as suas ruas. 7Portanto, assim diz o Senhor Jeová: Os vossos
11.7
Ez 24.3-13
Mq 3.2-3
mortos que deitastes no meio dela, esses são a carne,
11.7
Ez 11.3,11
e esta cidade é a caldeira; e eu
11.7
Ez 11.9
2Rs 25.18-22
Jr 52.24-27
vos tirarei do meio dela. 8Tivestes medo da espada,
11.8
Jó 3.25
Is 24.17-18
e farei vir sobre vós a espada, diz o Senhor Jeová. 9Tirar-vos-ei do meio dela, e vos entregarei nas mãos de
11.9
Dt 28.36,49-50
Sl 106.41
estrangeiros,
11.9
Ez 5.8
16.41
e exercerei juízos entre vós. 10
11.10
Jr 52.9-10
Caireis à espada;
11.10
2Rs 14.25
nos confins de Israel, vos julgarei, e sabereis que eu sou Jeová. 11Esta cidade
11.11
Ez 11.3,7
Ez 24.3,6
não será a vossa caldeira, nem vós sereis a carne no meio dela; nos confins de Israel, vos julgarei, 12e sabereis que eu sou Jeová. Pois
11.12
Ez 11.21
não tendes andado nos meus estatutos, nem
11.12
Ez 18.8-9
executado os meus juízos, porém tendes feito conforme as ordenanças
11.12
Ez 8.10,14,16
das nações que estão ao redor de vós.

13Ao tempo em que eu profetizava, morreu

11.13
Ez 11.1
Pelatias, filho de Benaías. Então, caí com o rosto em terra, clamei em alta voz e disse:
11.13
Ez 9.8
Ah! Senhor Jeová! Darás cabo por completo do resto de Israel?

Promessa da restauração e renovação de Israel

14Veio a mim a palavra de Jeová, dizendo: 15Filho do homem, teus irmãos, sim teus irmãos, os homens do teu parentesco e toda a casa de Israel, todos eles são aqueles a quem os habitantes de Jerusalém disseram: Apartai-vos para longe de Jeová;

11.15
Ez 33.24
a nós nos é dada esta terra para a possuirmos. 16Portanto, dize: Assim diz o Senhor Jeová: Ainda que os removi para longe entre as nações e os espalhei entre os países, todavia, lhes servirei de
11.16
Is 8.14
Jr 29.7,11
santuário por um pouco de tempo nos países para onde foram. 17Portanto, dize: Assim diz o Senhor Jeová:
11.17
Ez 20.41-42
28.25
Is 11.11-16
Jr 3.12,18
24.5
Ajuntar-vos-ei dos povos, e vos congregarei do meio dos países para onde tendes sido espalhados, e vos darei a terra de Israel. 18Entrarão nela
11.18
Ez 37.23
e tirarão dela todas as suas
11.18
Ez 5.11
7.20
coisas detestáveis e todas as suas abominações. 19
11.19
Ez 18.31
36.26
Jr 24.7
32.39
Dar-lhes-ei um só coração e porei dentro deles um novo espírito; tirarei da sua carne o
11.19
Zc 7.12
Rm 2.4-5
coração de pedra e lhes darei um
11.19
2Co 3.3
coração de carne, 20para que
11.20
Ez 36.27
Sl 105.45
andem nos meus estatutos, e guardem as minhas ordenações, e as cumpram. Eles serão
11.20
Ez 14.11
o meu povo, e eu serei o seu Deus. 21Mas, quanto àqueles cujo coração anda após o coração das suas
11.21
Ez 11.18
Jr 16.18
coisas detestáveis e das suas abominações,
11.21
Ez 9.10
16.43
farei recair nas suas cabeças o seu caminho, diz o Senhor Jeová.

22Então, os querubins

11.22
Ez 10.19
levantaram as suas asas, estando as rodas ao lado deles; e a glória do Deus de Israel estava em cima, sobre eles. 23
11.23
Ez 8.4
A glória de Jeová subiu do meio da cidade
11.23
Zc 14.4
e pôs-se sobre o monte que está ao oriente da cidade. 24
11.24
Ez 11.1
Ez 8.3
37.1
2Co 12.2-4
O Espírito levantou-me e levou-me na visão, pelo Espírito de Deus, para
11.24
Ez 1.1,3
Caldeia, para os do cativeiro.
11.24
At 10.16
Assim, se retirou de mim a visão que eu tinha tido. 25Então,
11.25
Ez 2.7
3.4,17,27
falei aos do cativeiro todas as coisas que Jeová me mostrara.

12

A mudança para fora do muro é o símbolo do cativeiro e da dispersão

121A palavra de Jeová também veio a mim, dizendo: 2Filho do homem, tu habitas

12.2
Is 6.5
no meio da
12.2
Ez 2.7-8
Sl 78.40
Is 1.23
casa rebelde, que
12.2
Jr 5.21
Mt 13.13-14
Jo 9.39-41
tem olhos para ver e não vê, que tem ouvidos para ouvir e não ouve, porque casa rebelde é. 3Portanto, tu, filho do homem, prepara-te trastes para
12.3
Ez 12.11
mudar de país e, de dia, muda à vista deles; e mudarás do teu lugar para outro lugar à vista deles.
12.3
Jr 26.3
36.3,7
Lc 20.13
2Tm 2.25
Pode ser que considerem, ainda que é casa rebelde. 4À vista deles, tirarás, de dia, os teus trastes, como trastes de quem se muda; e sairás,
12.4
Ez 12.12
2Rs 25.4
Jr 39.4
de tarde, à vista deles, como quem sai para o cativeiro. 5Faze para ti, à vista deles, uma abertura na parede e, por ela sairás, levando uma trouxa. 6À vista deles, a carregarás aos ombros e a transportarás nas trevas;
12.6
Ez 12.12-13
1Sm 28.8
cobrirás o teu rosto, para que não vejas o chão. Pois te pus
12.6
Ez 12.11
Ez 4.3
24.24
Is 8.18
20.3
para sinal à casa de Israel.

7Eu

12.7
Ez 24.18
37.7,10
fiz assim como se me ordenou:
12.7
Ez 12.3-6
tirei para fora, de dia, os meus trastes, como trastes de quem se muda; e, de tarde, fiz com a mão uma abertura na parede. Nas trevas, saí, levando uma trouxa, e a carreguei aos ombros, à vista deles.

8Pela manhã, veio a mim a palavra de Jeová, dizendo: 9Filho do homem, não te perguntou a casa de Israel,

12.9
Ez 12.1-3
Ez 2.5-8
casa rebelde:
12.9
Ez 17.12
20.49
24.19
Que fazes tu? 10Dize-lhes: Assim diz o Senhor Jeová: Esta
12.10
Ez 12.3-8
2Rs 9.25
Is 13.1
trouxa diz respeito ao príncipe em Jerusalém e a toda a casa de Israel, que está no meio dela. 11Dize: Eu sou o vosso
12.11
Ez 12.6
sinal. Como fiz, assim se lhes fará;
12.11
Ez 12.3
Jr 15.2
52.15,28-30
irão para o exílio, para o cativeiro. 12O
12.12
Ez 12.6
2Rs 25.4
Jr 39.4
52.7
príncipe que está no meio deles levará uma trouxa aos ombros, nas trevas, e sairá. Farão uma abertura na parede, para saírem por ela, levando trouxas; ele cobrirá o seu rosto, porque com os seus olhos não verá o chão. 13Também estenderei sobre ele a
12.13
Ez 17.20
19.8
Is 24.17-18
Os 7.12
minha rede, e ele será apanhado no meu laço. Levá-lo-ei para Babilônia, para a terra dos caldeus; contudo,
12.13
Jr 39.7
52.11
não a verá, ainda que lá morrerá. 14A todos os ventos
12.14
Ez 5.2
17.21
2Rs 25.4-5
espalharei todos os que estão ao redor dele para o ajudarem, e bem assim todas as suas tropas; e desembainharei a espada após eles. 15
12.15
Ez 12.16,20
Ez 6.7,14
Saberão que eu sou Jeová, quando eu os dispersar entre as nações e os espalhar entre os países. 16Mas deles deixarei ficar uns poucos salvos
12.16
Ez 7.15
14.21
da espada, da fome e da peste, para que
12.16
Ez 14.22
36.20
publiquem todas as suas abominações entre as nações para onde forem.
12.16
Jr 22.8-9
Saberão que eu sou Jeová.

17Demais, a palavra de Jeová veio a mim, dizendo: 18Filho do homem, come o teu pão com estremecimento, e bebe a tua água com tremor e com ansiedade, 19e dize ao povo da terra: Assim diz o Senhor Jeová acerca dos habitantes de Jerusalém, na terra de Israel:

12.19
Ez 4.16
Comerão com ansiedade o seu pão e beberão
12.19
Ez 23.33
com espanto a sua água, para que a terra dela seja
12.19
Ez 6.6-7,14
Jr 10.22
Mq 7.13
Zc 7.14
despida de tudo quanto há nela, por causa da violência de todos os que nela habitam. 20
12.20
Ez 5.14
Is 3.26
Jr 4.7
As cidades que são habitadas, ficarão devastadas,
12.20
Ez 36.3
Is 7.23-24
Jr 25.9
e a terra tornar-se-á uma desolação; e sabereis que eu sou Jeová.

Profecia contra os falsos profetas

21A palavra de Jeová veio a mim, dizendo: 22Filho do homem, que

12.22
Ez 16.44
18.2-3
provérbio é este que vós tendes na terra de Israel: Prolongados
12.22
Ez 12.27
Ez 11.3
Jr 5.12
Am 6.3
2Pe 3.4
são os dias,
12.22
Ez 7.26
e falha toda a visão? 23Portanto, dize-lhes: Assim diz o Senhor Jeová:
12.23
Ez 18.3
Farei cessar esse provérbio, e não será mais usado em Israel como provérbio; porém dize-lhes: Os dias estão
12.23
Ez 12.25,28
Jl 2.1
Sf 1.14
próximos e o cumprimento de toda visão. 24Não haverá mais visão, nem
12.24
Ez 13.6,23
Jr 14.13-16
Zc 13.2-4
adivinhação lisonjeira no meio da casa de Israel. 25Eu sou Jeová; falarei,
12.25
Ez 12.28
Ez 6.10
Nm 14.28-34
Is 14.24
e a palavra que eu proferir será cumprida e não será por mais tempo diferida. Pois
12.25
Jr 16.9
Hc 1.5
em vossos dias,
12.25
Ez 12.2
ó casa rebelde, falarei a palavra e a cumprirei, diz o Senhor Jeová.

26Veio a mim de novo a palavra de Jeová, dizendo: 27Filho do homem, eis que dizem os da casa de Israel: A visão que este tem é para

12.27
Ez 12.22
Dn 10.14
muitos dias no futuro, e ele profetiza de tempos que estão mui longe. 28Portanto, dize-lhes: Nenhuma das minhas palavras será
12.28
Ez 12.25
Jr 4.7
Mt 24.48-50
diferida daqui em diante, porém a palavra que eu proferir será cumprida, diz o Senhor Jeová.

13

131Veio a mim a palavra de Jeová, dizendo: 2Filho do homem, profetiza contra os

13.2
Ez 22.25,28
Is 9.15
Jr 37.19
profetas de Israel que profetizam
13.2
Ez 13.17
Jr 14.14
23.16,26
do seu coração:
13.2
Is 1.10
Am 7.16
Ouvi a palavra de Jeová. 3Assim diz o Senhor Jeová:
13.3
Lm 2.14
Os 9.7
Zc 11.15
Ai dos profetas insensatos, que seguem o seu próprio espírito
13.3
Jr 23.28-32
e não viram nada! 4Os teus profetas, ó Israel, têm sido como raposas nos lugares desertos. 5
13.5
Ez 22.30
Sl 106.23
Jr 23.22
Não subistes às
13.5
Is 58.12
brechas, nem fizestes uma cerca em defesa da casa de Israel, para estardes firmes na batalha no
13.5
Ez 7.19
Is 13.6,9
dia de Jeová. 6Viram vaidade e
13.6
Ez 22.28
Jr 29.8
adivinhação mentirosa os que dizem: Jeová diz, quando Jeová os não enviou.
13.6
Jr 28.15
37.19
Fizeram que os homens esperassem fosse cumprida a palavra. 7
13.7
Ez 22.28
Acaso, não tivestes visão de vaidade e não falastes adivinhação mentirosa, porquanto dizeis: Jeová diz, sendo que eu não falei?

8Portanto, assim diz o Senhor Jeová: Porque tendes falado

13.8
Ez 21.29
vaidade e visto mentiras, por isso, eis que eu sou
13.8
Ez 5.8
21.3
Na 2.13
contra vós, diz o Senhor Jeová. 9A minha mão será contra
13.9
Jr 20.3-6
28.15-17
os profetas que veem vaidade e que adivinham mentiras; não estarão no concílio do meu povo,
13.9
Sl 69.28
87.6
Jr 17.13
Dn 12.1
nem serão escritos nos registros da casa de Israel,
13.9
Ez 20.38
nem entrarão na terra de Israel. Sabereis que eu sou o Senhor Jeová. 10Porquanto, sim, porquanto
13.10
Jr 23.32
50.6
seduziram o meu povo, dizendo:
13.10
Jr 8.11
14.13
Paz,
13.10
Ez 13.16
Ez 7.25
e não há paz, e quando se edifica uma parede, eis que eles
13.10
Ez 22.28
a rebocam de argamassa magra, 11dize aos que a rebocam de argamassa magra
13.11
Ez 13.14
que cairá. Haverá uma
13.11
Ez 38.22
chuva de inundação; vós, ó grandes pedras de saraiva, caireis, e
13.11
Ez 13.13
Ez 1.4
Sl 11.6
18.13-14
Is 28.2
Na 1.3,7,8
um vento tempestuoso a fenderá. 12Eis que quando tiver caído a parede, não se vos dirá: Onde está o reboco com que a rebocastes? 13Portanto, assim diz o Senhor Jeová: Fendê-la-ei no meu furor com
13.13
Ez 13.11
um vento impetuoso; e, na minha ira, haverá uma chuva de inundação e grandes
13.13
Êx 9.24-25
Sl 18.12-13
Is 30.30
Ap 11.19
16.21
pedras de saraiva com furor, para a consumir. 14Assim, demolirei a parede que rebocastes de argamassa magra e darei com ela por terra, de sorte que seja descoberto
13.14
Mq 1.6
Hc 3.13
o seu fundamento. Ela cairá, e vós sereis
13.14
Jr 6.15
14.15
consumidos no meio dela;
13.14
Ez 13.9
e sabereis que eu sou Jeová. 15Assim, cumprirei o meu furor contra a parede e contra os que a rebocaram de argamassa magra e vos direi: Já não há parede, nem existem os que a rebocaram, 16a saber, os profetas de Israel que profetizam acerca de Jerusalém e para ela
13.16
Ez 13.10
Jr 6.14
8.11
têm visões de paz,
13.16
Is 57.21
quando não há paz, diz o Senhor Jeová.

Ai das falsas profetizas

17Tu, filho do homem, volta o teu rosto contra as filhas do teu povo

13.17
Jz 4.4
2Rs 22.14
Lc 2.36
At 21.9
que profetizam
13.17
Ez 13.2
Ap 2.20
do seu coração; e profetiza contra elas, 18dizendo: Assim diz o Senhor Jeová: Ai das mulheres que cosem almofadas para todos os cotovelos e fazem lenços para as cabeças de pessoas de toda estatura, a fim de caçarem
13.18
Ez 22.25
almas! Acaso, caçareis as almas do meu povo, e conservareis em vida almas para vosso proveito? 19
13.19
Ez 20.39
22.26
Profanastes-me entre o meu povo por
13.19
1Sm 2.16-17
Pv 28.21
Mq 3.5,11
Rm 16.18
1Pe 5.2
punhados de cevada e por pedaços de pão, para
13.19
Ez 13.22
fazerdes morrer as almas que não devem morrer e para
13.19
Jr 23.14,17
conservardes em vida as almas que não devem viver, mentindo ao meu povo, que escuta mentiras.

20Pelo que assim diz o Senhor Deus: Eis que eu sou

13.20
Ez 13.17
contra as vossas almofadas com as quais vós ali caçais as almas como a pássaros e as arrancarei dos vossos braços; soltarei as almas, sim, as almas que vós caçais como pássaros. 21Também rasgarei os vossos lenços e
13.21
Sl 91.3
124.7
livrarei das vossas mãos o meu povo, e não ficarão mais nas vossas mãos para serem caçados. Sabereis que eu sou Jeová. 22Pois com mentiras
13.22
Am 5.12
fizestes entristecer o coração do justo, a quem eu não entristeci;
13.22
Jr 23.14
34.16,22
e fortalecestes as mãos do ímpio, para que
13.22
Ez 18.21,27,30-32
33.14-16
não volte do seu mau caminho e seja conservado em vida. 23Por isso, não tornareis mais a ver
13.23
Ez 13.6
Ez 12.24
Mq 3.6
Zc 13.3
a vaidade, nem adivinhar adivinhações;
13.23
Ez 13.21
Ez 34.10
livrarei das vossas mãos o meu povo,
13.23
Ez 13.9,21
e sabereis que eu sou Jeová.