Tradução Brasileira (2010) (TB)
2

A jornada desde Cades até Zerede

21Então,

2.1
Nm 21.4
voltamos e partimos para o deserto pelo caminho do mar Vermelho, como Jeová me falou; e muitos dias rodeamos o
2.1
Dt 1.2
monte Seir. 2Jeová disse: 3Assaz tendes andado em roda deste monte; voltai-vos para o norte. 4
2.4
Nm 20.14-21
Ordena ao povo, dizendo: Vós ides passar pelo território de vossos irmãos, filhos de Esaú, que habitam em Seir.
2.4
Êx 15.15
Terão medo de vós; portanto, guardai-vos bem. 5Não os provoqueis, porque não vos darei da sua terra nem sequer o que pisar a planta dum pé; pois a Esaú dei o monte Seir por possessão. 6Comprareis deles por dinheiro comida para comerdes e também deles comprareis água para beberdes. 7Pois Jeová, teu Deus, te há abençoado em toda a obra das tuas mãos; conheceu o teu caminho por
2.7
Dt 1.19
este grande deserto;
2.7
Dt 2.14
Nm 14.33-34
32.13
estes quarenta anos Jeová, teu Deus, tem estado contigo; nada te há faltado. 8Assim passamos de nossos irmãos, filhos de Esaú, que habitam em Seir, do caminho da
2.8
Dt 1.1
Arabá, de Elate e de Eziom-Geber.

Tendo voltado, passamos pelo caminho do deserto de Moabe. 9Então, Jeová me disse: Não molestes a Moabe, nem lhe faças guerra, porque não te darei da sua terra por possessão; pois dei

2.9
Dt 2.18,29
Nm 21.15,28
Ar em possessão
2.9
Gn 19.36-37
aos filhos de Ló 10(Os emins dantes habitavam nela, povo grande, numeroso e alto, como os anaquins. 11Também eles são considerados
2.11
Dt 2.20
Gn 14.5
refains, como os anaquins; porém os moabitas lhes chamam emins. 12Os
2.12
Dt 2.22
horeus também habitavam dantes em Seir, mas os filhos de Esaú os desapossaram; e, tendo-os destruído diante de si, habitavam no lugar deles,
2.12
Nm 21.25,35
assim como Israel fez à terra da sua possessão que Jeová lhes deu.). 13Levantai-vos, agora, e passai a torrente de Zerede. Passamos, pois, a torrente de Zerede. 14Os dias em que caminhamos de Cades-Barneia até termos passado a torrente de Zerede foram
2.14
Dt 2.7
trinta e oito anos; até que se extinguiu do meio do arraial
2.14
Nm 14.29-35
26.64-65
Sl 106.26
1Co 10.5
toda a geração dos homens de guerra, como Jeová lhes havia jurado. 15
2.15
Jd 5
Também a mão de Jeová foi contra eles, para os fazer perecer do meio do arraial, até serem extintos.

A travessia de Ar e Arnom

16Quando

2.16
Dt 2.14
todos os homens de guerra foram extintos pela morte dentre o povo, 17disse-me Jeová: 18Tu vais passar, hoje, o território de Moabe, a saber,
2.18
Dt 2.9
Ar. 19Quando chegares defronte dos filhos de Amom, não os molestes, nem lhes faças guerra; porque não te darei da terra dos filhos de Amom por possessão, pois a dei em possessão aos
2.19
Dt 2.9
filhos de Ló 20(Esta também é considerada terra de
2.20
Dt 2.11
refains. Nela habitavam dantes refains, mas os amonitas lhes chamam zanzumins, 21povo grande, e numeroso, e alto, como os anaquins; Jeová os destruiu diante dos amonitas; e estes, tendo-os desapossado, habitavam no lugar deles; 22assim como fez pelos filhos de Esaú, que habitam em Seir, quando de diante deles destruiu os
2.22
Dt 2.12
horeus. Os filhos de Esaú, tendo-os desapossado, habitaram no lugar deles até este dia; 23e os
2.23
Js 13.3
avins, que habitavam em vilas até Gaza, foram destruídos pelos
2.23
Gn 10.14
1Cr 1.12
caftorins que saíram de
2.23
Jr 47.4
Am 9.7
Caftor e habitaram no lugar deles.). 24Levantai-vos, parti e passai a torrente de Arnom; eis que entreguei nas tuas mãos a Seom, o amorreu, rei de Hesbom, e a sua terra; entra a desapossá-lo e faze-lhe a guerra. 25Hoje, começarei a meter o
2.25
Dt 11.25
Êx 23.27
Js 2.9
terror e o medo de ti aos povos que estão debaixo de todo o céu, de sorte que, ao ouvirdes a tua fama,
2.25
Êx 15.14-16
tremam e se angustiem por causa de ti.

Conquista de Hesbom e de Basã

26

2.26
Nm 21.21-32
Então, do deserto de Quedemote, enviei mensageiros a Seom, rei de Hesbom, com palavras de paz, dizendo: 27Deixa-me passar pela tua terra; apenas pela estrada real irei; não me desviarei nem para a direita nem para a esquerda. 28Vender-me-ás por dinheiro a comida, para que eu coma; e dar-me-ás por dinheiro a água, para que eu beba. Tão somente deixa-me passar a pé; 29assim como me fizeram os filhos de Esaú, que habitam em Seir, e os moabitas, que habitam em
2.29
Dt 2.9
Ar; até que eu passe o Jordão e entre na terra que Jeová, nosso Deus, nos está dando. 30Mas Seom, rei de Hesbom, não nos quis deixar passar por sua terra, porque Jeová, teu Deus, lhe endureceu o espírito e lhe fez obstinado o coração, para to entregar nas mãos, como hoje se vê. 31Disse-me, pois, Jeová: Eis que comecei a entregar-te Seom e a sua terra; entra a desapossá-lo, para que recebas por herança a sua terra. 32Então, Seom nos saiu ao encontro, ele e todo o seu povo, para nos dar batalha em Jaza. 33Jeová, nosso Deus, no-lo entregou, e ferimo-lo, a ele, e a seus filhos, e a todo o seu povo. 34Tomamos-lhes, nesse tempo, todas as cidades, e fizemos
2.34
Dt 3.6
perecer totalmente os homens de cada cidade com as mulheres e os pequeninos, e não deixamos sobrevivente algum; 35
2.35
Dt 3.7
somente o gado, guardamo-lo por presa para nós, juntamente com o despojo das cidades que havíamos tomado. 36
2.36
Dt 3.12
4.48
Desde Aroer, que está à beira da torrente de Arnom, e, desde a cidade que está no vale da torrente até Gileade, não houve cidade tão alta que não pudéssemos tomá-la; tudo no-lo entregou Jeová, nosso Deus; 37
2.37
Dt 2.19
somente à terra dos filhos de Amom, a ela não chegaste, a saber, a toda a banda da torrente de Jaboque, e às cidades da região montanhosa, e a tudo o que Jeová, nosso Deus, nos proibiu.

3

31

3.1
Nm 21.33-35
Tendo voltado, tomamos o caminho de Basã; e Ogue, rei de Basã, saiu-nos ao encontro, ele e todo o seu povo, para nos dar batalha em Edrei. 2Disse-me Jeová: Não o temas, porque entreguei a ele, e a todo o seu povo, e a sua terra nas tuas mãos; far-lhe-ás a ele como fizeste a Seom, rei dos amorreus, que habitava em Hesbom. 3Jeová, nosso Deus, nos entregou nas mãos também a Ogue, rei de Basã, e a todo o seu povo; ferimo-lo, até que não lhe ficou nenhum sobrevivente. 4Nesse tempo, tomamos-lhe todas as cidades; não houve cidade que não lhe tomássemos: sessenta cidades, toda a região de
3.4
Dt 3.13-14
1Rs 4.13
Argobe, o reino de Ogue, em Basã. 5Todas estas eram cidades fortificadas, com altos muros, portas e ferrolhos, além de muitíssimas cidades da gente do campo. 6Totalmente as destruímos, como fizemos a Seom, rei de Hesbom, fazendo
3.6
Dt 2.34
perecer por completo em cada cidade os homens com as mulheres e os pequeninos. 7
3.7
Dt 2.35
Mas todo o gado e o despojo das cidades, guardamo-los por presa para nós. 8Nesse tempo,
3.8
Nm 32.33
Js 12.1-7
13.8-12
tomamos a terra das mãos dos dois reis dos amorreus, que estavam além do Jordão, desde a torrente de Arnom até o monte Hermom 9(os sidônios chamam a
3.9
Dt 4.48
Js 11.17
Sl 42.6
133.3
Hermom
3.9
Sl 29.6
Siriom, e os amorreus chamam-lhe Senir), 10a saber, todas as cidades do planalto e todo o país de Gileade e de Basã, até Salcá e Edrei, cidades do reino de Ogue, em Basã 11(Só Ogue, rei de Basã, ficou do resto dos
3.11
Dt 2.11,20
refains; eis que o seu leito era leito de ferro; não está, porventura, em
3.11
2Sm 11.1
12.26
Jr 49.2
Rabá dos filhos de Amom? Tinha nove cúbitos de comprido e quatro cúbitos de largo, segundo o cúbito de um homem.).

Possessão das tribos transjordânicas

12Nesse tempo, entramos de posse desta terra. Desde

3.12
Dt 2.36
Aroer, que está junto do vale da torrente de Arnom, e a metade da região montanhosa de
3.12
Nm 32.32-38
Js 13.8-13
Gileade, com as suas cidades, dei aos rubenitas e aos gaditas; 13dei o restante de Gileade e todo o país de Basã, reino de Ogue, à meia tribo de Manassés, isto é, toda a região de Argobe, todo o país de Basã (Este se chama o país dos refains. 14
3.14
Nm 32.41
1Cr 2.22
Jair, filho de Manassés, tomou toda a região de Argobe, até os confins dos gesuritas e dos maacatitas, e chamou-lhes, isto é, a Basã, pelo seu nome, Havote-Jair, até este dia.). 15A Maquir,
3.15
Nm 32.40
dei Gileade. 16Aos rubenitas e aos gaditas, dei desde Gileade até a torrente de Arnom, cujo meio serve de termo, e até a torrente de Jaboque, termo dos filhos de Amom; 17a Arabá também, com o Jordão por termo, desde
3.17
Nm 34.11
Js 13.27
Quinerete até o mar da Arabá, o mar Salgado, pelas faldas de Pisga, para o Oriente.

18Nesse tempo, vos ordenei, dizendo: Jeová, vosso Deus, deu-vos esta terra para a possuirdes;

3.18
Nm 32.20
Js 4.12-13
passareis armados, todos os homens valentes, diante de vossos irmãos, os filhos de Israel. 19Porém vossas mulheres, e vossos pequeninos, e o vosso gado (pois sei que tendes
3.19
Êx 12.38
muito gado) ficarão nas vossas cidades que vos dei; 20até que Jeová dê descanso a vossos irmãos, como a vós, e eles também possuam a terra que Jeová, vosso Deus, lhes está dando além do Jordão.
3.20
Js 22.4
Então, voltareis, cada um à sua possessão, que vos dei. 21Também dei ordem a Josué, nesse tempo, dizendo: Os teus olhos são os que viram tudo o que Jeová, vosso Deus, tem feito a esses dois reis; assim fará Jeová a todos os reinos a que tu estás passando. 22Não tereis medo deles, porque Jeová, vosso Deus,
3.22
Dt 1.30
é o que peleja por vós.

Moisés proibido de atravessar o Jordão

23Roguei a Jeová, nesse tempo, dizendo: 24Ó Senhor Jeová, tu começaste a mostrar ao teu servo a tua grandeza e a tua mão poderosa; pois que Deus há no céu ou na terra que possa fazer segundo as tuas obras e segundo os teus grandes feitos? 25Deixa-me passar a ver a boa terra que está além do Jordão, essa excelente região montanhosa, e o Líbano. 26

3.26
Dt 1.37
Mas Jeová agastou-se comigo por vossa causa e não me ouviu. Disse-me Jeová: Basta; não me fales mais nisso. 27Sobe ao cume do
3.27
Nm 23.14
27.12
Pisga, levanta os olhos para o ocidente, para o norte, para o sul e para o oriente e contempla com os teus olhos;
3.27
Dt 1.37
porque não passarás este Jordão. 28
3.28
Dt 31.3,7,8,23
Nm 27.18
Mas manda a Josué, e anima-o, e fortalece-o,
3.28
Dt 1.38
porque ele passará adiante deste povo e fará que recebam por herança a terra que verás. 29Assim, ficamos no vale defronte de
3.29
Dt 4.46
34.6
Nm 25.1-3
Bete-Peor.

4

Moisés exorta o povo à obediência

41Agora, ó Israel, ouve os estatutos e os juízos que

4.1
Dt 1.3
eu vos ensino, para os cumprirdes, a fim
4.1
Dt 5.33
8.1
16.20
30.16,19
de que vivais, e entreis, e possuais a terra que Jeová, Deus de vossos pais, vos está dando. 2
4.2
Dt 12.32
Não acrescentareis à palavra que
4.2
Dt 4.5,14,40
eu vos mando, nem dela diminuireis, para que guardeis os mandamentos de Jeová, vosso Deus, que eu vos mando. 3
4.3
Nm 25.1-9
Os vossos olhos viram o que Jeová fez em Baal-Peor; porque, no tocante a todos os homens que seguiram a Baal-Peor, os exterminou Jeová, vosso Deus, do meio de ti. 4Mas vós que vos unistes a Jeová, vosso Deus, todos estais vivos hoje. 5Eis que vos ensinei estatutos e juízos,
4.5
Lv 26.46
27.34
assim como Jeová, meu Deus, me ordenou, para que assim os observeis no meio da terra na qual estais entrando para a possuirdes. 6Observai-os e cumpri-os, porque
4.6
Dt 30.19-20
32.46-47
isso é a vossa sabedoria e o vosso entendimento, à vista dos povos que, ouvindo todos esses estatutos, dirão: Certamente, esta grande nação é povo sábio e entendido! 7Pois que grande nação há que tenha deuses
4.7
Sl 148.14
tão perto de si, como o é Jeová, nosso Deus,
4.7
Sl 34.18
85.9
todas as vezes que o invocamos? 8Que grande nação há que tenha
4.8
Sl 89.14
97.2
119.144,160,172
estatutos e juízos tão justos, como toda esta lei que hoje vos proponho?

9Tão somente

4.9
Dt 4.23
Dt 6.12
8.11,14,19
guarda-te a ti mesmo, e guarda bem a tua alma, e não te esqueças das coisas que os teus olhos viram. Elas se não apaguem do teu coração
4.9
Dt 6.2
12.1
16.3
todos os dias da tua vida, porém
4.9
Dt 4.10
6.7,20-25
11.19
32.46
fá-las saber aos teus filhos e aos filhos de teus filhos. 10Não te esqueças do dia em que estiveste perante Jeová, teu Deus, em Horebe, quando Jeová me disse: Ajunta-me o povo, e fá-los-ei ouvir as minhas palavras,
4.10
Dt 14.23
17.19
31.12-13
para que aprenda a temer-me todos os dias que viver na terra e para que
4.10
Dt 4.9
ensine a seus filhos. 11Então, vós chegastes e estivestes ao pé do monte;
4.11
Êx 19.18
Hb 12.18-19
o monte ardia em fogo até o meio do céu, e havia trevas, nuvem e escuridão. 12Jeová vos falou do meio do fogo; vós ouvistes o som de palavras, porém não vistes forma alguma; tão somente houve uma voz. 13Ele declarou-vos a sua aliança, que vos ordenou que guardásseis, isto é, os
4.13
Dt 10.4
Êx 34.28
dez mandamentos; e os
4.13
Êx 31.18
34.1-28
escreveu em duas tábuas de pedra. 14A mim me ordenou Jeová, nesse tempo, que eu vos ensinasse os estatutos e os juízos, para que os cumprísseis na terra à qual estais passando para a possuirdes.

15Guardai-vos a vós mesmos cuidadosamente. Não vistes forma alguma no dia em que Jeová vos falou, em Horebe, do meio do fogo, 16para que não

4.16
Dt 4.25
9.12
31.29
vos corrompais e
4.16
Dt 5.8-9
vos façais alguma imagem esculpida na forma de uma estátua, semelhança de homem ou de mulher, 17semelhança de qualquer animal que há sobre a terra, semelhança de qualquer ave que voa no céu, 18semelhança de qualquer réptil que se arrasta sobre a terra, semelhança de qualquer peixe que há nas águas debaixo da terra. 19Guarda-te, não levantes os olhos para o céu e, vendo o sol, a lua e as estrelas, a saber, todo o exército do céu,
4.19
Dt 13.5,10
não sejas seduzido, não os adores e não lhes dês culto, as quais coisas Jeová, teu Deus, criou para todos os povos debaixo de todo o céu. 20Porém Jeová vos tomou e vos tirou da
4.20
1Rs 8.51
Jr 11.4
fornalha de ferro do Egito, para ter um povo que fosse a sua herança, como hoje se vê. 21
4.21
Dt 1.37
Jeová irou-se contra mim por vossa causa e jurou que eu não passaria o Jordão e não entraria na boa terra que Jeová, teu Deus, te está dando por herança; 22mas
4.22
Nm 27.13-14
eu tenho de morrer nesta terra, não posso passar o Jordão. Porém vós passareis e possuireis essa boa terra. 23Guardai-vos a vós mesmos,
4.23
Dt 4.9
não vos esqueçais da aliança de Jeová, vosso Deus, que fez convosco e não
4.23
Dt 4.16
vos façais alguma imagem esculpida na forma de alguma coisa que Jeová, teu Deus, te proibiu. 24Pois Jeová, teu Deus, é um
4.24
Dt 9.3
Êx 24.17
Hb 12.29
fogo consumidor,
4.24
Dt 5.9
6.15
um Deus zeloso.

25Se gerardes filhos e filhos de filhos, e vos envelhecerdes na terra, e

4.25
Dt 4.16
vos corromperdes, e
4.25
Dt 4.23
fizerdes alguma imagem esculpida na forma de alguma coisa, e praticardes o que é mau aos olhos de Jeová, vosso Deus, para o provocardes à ira, 26
4.26
Dt 30.19
31.28
32.1
chamo, hoje, por testemunha contra vós, o céu e a terra, que bem cedo
4.26
Dt 7.4
8.19-20
perecereis inteiramente da terra à qual estais passando o Jordão para a possuirdes. Não prolongareis os vossos dias nela, mas sereis por completo exterminados. 27Jeová
4.27
Dt 28.64
29.28
vos espalhará entre os povos, e sereis deixados poucos em número entre as nações a que Jeová vos conduzirá. 28Lá servireis a deuses, obra de mãos de homens,
4.28
Dt 28.36,64
29.17
madeira e pedra,
4.28
Sl 115.4-8
que não veem, nem ouvem, nem comem, nem cheiram. 29
4.29
Dt 30.1-3,10
Mas de lá buscarás a Jeová, teu Deus, e o acharás, contanto que o procures
4.29
Dt 6.5
10.12
de todo o teu coração e de toda a tua alma. 30Quando
4.30
Sl 18.6
59.16
107.6,13
estiveres em tribulação, e todas estas coisas te sobrevierem, então, nos últimos dias, te tornarás a Jeová, teu Deus, e ouvirás a sua voz. 31Porque Jeová, teu Deus, é um
4.31
Êx 34.6
Deus misericordioso,
4.31
Dt 31.6,8
1Cr 28.20
Js 1.5
Hb 13.5
não te deixará sucumbir,
4.31
Jr 30.11
nem te destruirá,
4.31
Lv 26.45
nem se esquecerá da aliança que jurou a teus pais.

32Agora,

4.32
Dt 32.7
pergunta aos tempos passados que te precederam, desde
4.32
Gn 1.27
Is 45.12
o dia em que Deus criou o homem sobre a terra e
4.32
Dt 28.64
desde uma extremidade do céu até a outra, se aconteceu jamais coisa semelhante a esta grande coisa ou se jamais se ouviu coisa semelhante? 33
4.33
Dt 5.24,26
Êx 20.22
Ouviu, porventura, um povo a voz de um deus falar do meio do fogo, como tu a ouviste, e ficou vivo? 34
4.34
Dt 33.29
Êx 14.30
Tem algum deus tentado ir e tomar para si uma nação do meio de outra nação,
4.34
Dt 7.19
por meio de provas, e de milagres, e de portentos, e de guerra, e de
4.34
Dt 5.15
6.21
Sl 136.12
mão poderosa, e de braço estendido, e de grandes espantos, segundo tudo o que fez por vós Jeová, vosso Deus, no Egito, diante dos vossos olhos? 35A ti te foi mostrado, de maneira que soubesses que Jeová é Deus e
4.35
Dt 4.39
Êx 8.10
9.14
Mc 12.32
que não há outro senão ele. 36
4.36
Dt 4.33
8.5
Ne 9.13
Hb 12.25
Do céu te fez ouvir a sua voz, para te instruir, e sobre a terra te fez ver o seu grande fogo; ouviste as suas palavras do meio do fogo. 37
4.37
Dt 7.7-8
10.15
33.3
Porque amou a teus pais, e escolheu a sua semente depois deles, e te tirou do Egito com
4.37
Êx 33.14
Is 63.9
a sua presença e com o seu grande poder, 38para desapossar de diante de ti nações maiores e mais fortes do que tu, para te introduzir e para
4.38
Nm 32.4
34.14-15
te dar a sua terra por herança, como hoje se vê. 39Sabe, pois, hoje, e considera que Jeová é Deus em cima no céu e embaixo sobre a terra;
4.39
Dt 4.35
não há nenhum outro. 40
4.40
Dt 4.2
Sl 105.45
Guarda os seus estatutos e os seus juízos que eu hoje vos mando, para que
4.40
Dt 5.16,29,33
te vá bem a ti, e a teus filhos depois de ti e para
4.40
Dt 32.47
Êx 23.26
que prolongues os teus dias sobre a terra que Jeová, teu Deus, te está dando, para todo o sempre.

Moisés designa três das cidades de refúgio

41Então,

4.41
Dt 19.2-13
Nm 35.6
Js 20.7-9
destinou Moisés três cidades além do Jordão para o nascente do sol, 42a fim de que ali se refugiasse o homicida que matasse sem intenção ao seu próximo, a quem dantes não tinha odiado; e para que, refugiando-se numa dessas cidades, vivesse: 43a Bezer, no deserto, no planalto, para os rubenitas; a Ramote, em Gileade, para os gaditas; e a Golã, em Basã, para os manassitas.

44Esta é a lei que Moisés propôs aos filhos de Israel. 45Estes são os testemunhos, e os estatutos, e os juízos que Moisés falou aos filhos de Israel, quando saíram do Egito, 46além do Jordão, no vale

4.46
Dt 3.29
defronte de Bete-Peor, na terra de
4.46
Nm 21.21-25
Seom, rei dos amorreus, que habitava em Hesbom, a quem Moisés e os filhos de Israel derrotaram, quando saíram do Egito, 47e tomaram a terra dele em possessão, como também a terra de Ogue, rei de Basã, sendo estes os dois reis que estavam além do Jordão para o nascente do sol; 48desde
4.48
Dt 2.36
Aroer, que está à beira do vale da torrente de Arnom, até o
4.48
Dt 3.9
monte Sião (este é Hermom), 49e toda a Arabá, além do Jordão, para o oriente, até o mar da Arabá, pelas faldas de Pisga.