Tradução Brasileira (2010) (TB)

Os deveres dos servos

61

6.1
Tt 2.9
1Pe 2.18Ef 6.5
Todos os servos que estão debaixo do jugo estimem a seus senhores como dignos de toda honra, a fim de
6.1
Tt 2.5
que o nome de Deus e a doutrina não sejam blasfemados. 2Aqueles que têm senhores crentes não os desprezem, porque são
6.2
cp.
irmãos; antes, os sirvam melhor, porque os que se aproveitam do seu trabalho são crentes e amigos.
6.2
vd.
Ensina e recomenda essas coisas.

Admoestações

3Se alguém

6.3
vd.
ensina doutrina diversa e não aceita as
6.3
cp.
sãs palavras de nosso Senhor Jesus Cristo e a doutrina
6.3
Tt 1.1
segundo a piedade, 4este é
6.4
vd.
cheio de orgulho e nada sabe, mas delira acerca de
6.4
vd.
questões e
6.4
2Tm 2.14At 18.15
contendas de palavras, das quais se originam invejas, brigas, calúnias, suspeitas injustas 5e discussões intermináveis da parte
6.5
2Tm 3.8Tt 1.15
de pessoas perversas de entendimento, privadas da verdade,
6.5
cp.
julgando que a piedade é um mero interesse. 6
6.6
1Tm 6.6-10Lc 12.15-21
A piedade, com o
6.6
Fp 4.11Hb 13.5
contentamento, é
6.6
1Tm 4.8
grande lucro, 7porque
6.7
Jó 1.21
Ec 5.15
nada trouxemos para este mundo, nem nada podemos levar dele; 8
6.8
Pv 30.8
tendo alimento e vestuário, deveremos ficar satisfeitos com isso. 9
6.9
Pv 15.27
23.4
28.20
1Tm 6.17Lc 12.15-21
Os que querem tornar-se ricos caem em tentação, e em
6.9
vd.
laço, e em muitos desejos insensatos e nocivos, os quais arrastam os homens à ruína e à perdição. 10Pois
6.10
1Tm 6.91Tm 3.3Cl 3.5
o amor do dinheiro é
6.10
cp.
raiz de todos os males; e alguns, cobiçando-o,
6.10
cp.
se desviaram da fé e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.

Um apelo

11Tu, porém,

6.11
2Tm 3.17
ó homem de Deus,
6.11
cp.
foge dessas coisas; segue a justiça, a piedade,
6.11
vd.
a fé,
6.11
2Tm 3.10
o amor, a perseverança, a mansidão. 12
6.12
vd.
Peleja a boa peleja da
6.12
vd.
fé;
6.12
vd.
apodera-te da vida eterna,
6.12
Cl 3.15
para a qual foste chamado, tendo feito uma boa
6.12
vd.
confissão diante de
6.12
2Tm 2.21Tm 4.14
muitas testemunhas. 13
6.13
vd.
Eu te exorto, diante de Deus, que dá vida a todas as coisas, e diante de
6.13
1Tm 1.12,15
2.5Gl 3.26
Jesus Cristo, que
6.13
Jo 18.37Mt 27.2
perante Pôncio Pilatos fez sua
6.13
vd.
boa confissão, 14que guardes este mandamento sem mácula nem repreensão, até
6.14
vd.
a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo; 15a qual,
6.15
vd.
no tempo próprio, mostrará
6.15
cp.
o bem-aventurado e
6.15
vd.
único Soberano,
6.15
Ap 19.16
17.14Dt 10.17
o Rei dos reis e
6.15
Sl 136.3
o Senhor dos senhores, 16
6.16
1Tm 1.17
aquele que só possui a imortalidade
6.16
Sl 104.2
1Jo 1.5Tg 1.17
e que habita em luz inacessível,
6.16
vd.
a quem nenhum dos homens tem visto, nem pode ver;
6.16
cp.
ao qual seja dada honra e poder eterno. Amém.

Acerca dos ricos

17Exorta os ricos

6.17
2Tm 4.10
Tt 2.12Mt 12.32
deste mundo a
6.17
Sl 62.10
Lc 12.20
1Tm 6.9Rm 11.20
que não sejam orgulhosos, nem
6.17
vd.
esperem na incerteza das riquezas, mas em Deus,
6.17
At 14.17
que nos concede abundantemente todas as coisas para delas gozarmos; 18que pratiquem o bem, que se enriqueçam de
6.18
vd.
boas obras,
6.18
cp.
que sejam generosos e liberais, 19
6.19
vd.
entesourando para si um fundamento sólido para o futuro, a fim de que
6.19
vd.
se apoderem da vida que é realmente vida.

Conclusão e a bênção

20Ó

6.20
vd.
Timóteo, guarda
6.20
2Tm 1.12,14
o que te foi confiado, evitando as conversas vãs e
6.20
2Tm 2.161Tm 1.9
profanas e as objeções de uma falsa ciência, 21a qual, tendo alguns professado,
6.21
cp.
se desviaram
6.21
vd.
da fé.

6.21
vd.
A graça seja convosco.