Almeida Revista e Corrigida (1969) (RC69)
3

Davi confia em Deus na sua adversidade

Salmo de Davi, quando fugiu de diante da face de Absalão seu filho

31SENHOR, como se têm

3.1:
2Sm 15.12
16.15
multiplicado os meus adversários! São muitos os que se levantam contra mim. 2Muitos dizem da minha alma: Não salvação
3.2:
2Sm 16.8
para ele em Deus. (Selá.) 3Mas tu, Senhor, és um escudo
3.3:
Gn 15.1
para mim, a minha glória, e o que exalta a minha cabeça. 4Com a minha voz clamei ao Senhor, ele ouviu-me desde o seu santo monte. (Selá.) 5Eu me deitei e dormi;
3.5:
Lv 26.6
Pv 3.24
acordei, porque o Senhor me sustentou. 6Não terei medo de dez milhares de pessoas que se puseram contra mim ao meu redor. 7Levanta-te, Senhor; salva-me, Deus meu, pois
3.7:
Jó 16.10
29.17
Lm 3.30
feriste a todos os meus inimigos nos queixos; quebraste os dentes aos ímpios. 8A salvação vem
3.8:
Pv 21.31
Is 43.11
Jr 3.23
Os 13.4
Ap 7.10
19.1
do Senhor; sobre o teu povo seja a tua bênção. (Selá.)