Almeida Revista e Corrigida (1969) (RC69)
8

Ai é tomada e destruída

81ENTÃO disse o Senhor a Josué: Não temas,

8.1:
Dt 1.21
7.18
31.8
Js 1.9
6.2
e não te espantes: toma contigo toda a gente de guerra, e levanta-te, sobe a Ai: olha que te tenho dado na tua mão o rei de Ai, e o seu povo, e a sua cidade, e a sua terra. 2Farás pois a Ai, e a seu rei, como fizeste a Jericó,
8.2:
Dt 20.14
Js 6.21
e a seu rei: salvo que para vós saqueareis os seus despojos, e o seu gado: põe emboscadas à cidade, por detrás dela. 3Então Josué levantou-se, e toda a gente de guerra, para subir contra Ai: e escolheu Josué trinta mil homens valentes e valorosos, e enviou-os de noite, 4E deu-lhes ordem, dizendo: Olhai, poreis emboscadas
8.4:
Jz 20.29
à cidade, por detrás da cidade; não vos alongueis muito da cidade: e todos vós estareis apercebidos. 5Porém eu e todo o povo que está comigo nos achegaremos à cidade: e será que, quando nos saírem ao encontro, como dantes,
8.5:
Jz 20.32
fugiremos diante deles. 6Deixai-os pois sair atrás de nós, até que os tiremos da cidade; porque dirão: Fogem diante de nós como dantes. Assim fugiremos diante deles. 7Então saireis vós da emboscada, e tomareis a cidade: porque o Senhor vosso Deus vo-la dará na vossa mão. 8E será que, tomando vós a cidade, poreis a cidade a fogo; conforme à palavra do Senhor fareis; olhai
8.8:
2Sm 13.28
que vo-lo tenho mandado. 9Assim Josué os enviou, e eles se foram à emboscada; e ficaram entre Betel e Ai, ao ocidente de Ai: porém Josué passou aquela noite no meio do povo. 10E levantou-se Josué de madrugada, e contou o povo: e subiram ele e os anciãos de Israel diante do povo contra Ai. 11Subiu também toda
8.11:
Js 8.5
a gente de guerra, que estava com ele, e chegaram-se, e vieram em frente da cidade: e alojaram-se da banda do norte de Ai; e havia um vale entre ele e Ai. 12Tomou também alguns cinco mil homens, e pô-los entre Betel e Ai em emboscada, ao ocidente da cidade. 13E puseram o povo, todo o arraial que estava ao norte da cidade, e a sua emboscada ao ocidente da cidade: e foi Josué aquela noite ao meio do vale. 14E sucedeu que, vendo-o o rei de Ai, se apressaram, e se levantaram de madrugada, e os homens da cidade saíram ao encontro de Israel ao combate, ele e todo o seu povo, ao tempo assinalado, perante as campinas: porque ele não sabia,
8.14:
Jz 20.34
Ec 9.12
que se lhe houvesse posto emboscada de trás da cidade. 15Josué pois e todo o Israel se houveram como feridos diante deles, e fugiram
8.15:
Jz 20.36
pelo caminho do deserto. 16Pelo que todo o povo, que estava na cidade, foi convocado para os seguir: e seguiram a Josué e foram atraídos da cidade. 17E nem um só homem ficou em Ai, nem em Betel, que não saísse após Israel: e deixaram a cidade aberta, e seguiram a Israel. 18Então o Senhor disse a Josué: Estende a lança que tens na tua mão, para Ai, porque a darei na tua mão. E Josué estendeu a lança, que estava na sua mão, para a cidade. 19Então a emboscada se levantou do seu lugar apressadamente, e correram, estendendo ele a sua mão, e vieram à cidade, e a tomaram: e apressaram-se, e puseram a cidade a fogo. 20E virando-se os homens de Ai para trás, olharam, e eis que o fumo da cidade subia ao céu, e não tiveram lugar para fugirem para uma parte nem outra: porque o povo, que fugia para o deserto, se tornou contra os que os seguiam. 21E vendo Josué e todo o Israel que a emboscada tomara a cidade, e que o fumo da cidade subia, tornaram, e feriram os homens de Ai. 22Também aqueles da cidade lhes saíram ao encontro, e assim ficaram no meio dos israelitas, uns de uma, e outros de outra parte: e feriram-nos, até que nenhum deles ficou,
8.22:
Dt 7.2
que escapasse. 23Porém ao rei de Ai tomaram vivo, e o trouxeram a Josué. 24E sucedeu que, acabando os israelitas de matar todos os moradores de Ai no campo, no deserto onde os tinham seguido, e havendo todos caído ao fio da espada até todos serem consumidos, todo o Israel se tornou a Ai, e a puseram a fio de espada. 25E todos os que caíram aquele dia, assim homens como mulheres, foram doze mil: todos moradores de Ai. 26Porque Josué não retirou a sua mão, que estendera com a lança, até destruir totalmente a todos os moradores de Ai. 27Tão somente
8.27:
Nm 31.22,26
Js 8.2
os israelitas saquearam para si o gado e os despojos da cidade, conforme à palavra do Senhor, que tinha ordenado a Josué. 28Queimou pois Josué a Ai: e a tornou num montão
8.28:
Dt 13.16
perpétuo, em assolamento, até ao dia de hoje. 29E ao rei de Ai enforcou num madeiro, até à tarde: e
8.29:
Dt 21.23
Js 10.26-27
Sl 107.40
ao pôr do sol ordenou Josué, que o seu corpo se tirasse do madeiro; e o lançaram à porta da cidade, e levantaram sobre ele um grande montão
8.29:
Js 7.26
10.27
de pedras, até ao dia de hoje.

Josué edifica um altar, escreve a lei em pedras e lê-a

30Então Josué edificou um altar ao Senhor Deus de Israel,

8.30:
Dt 27.4-5
no monte de Ebal, 31Como Moisés, servo do Senhor, ordenou aos filhos de Israel, conforme ao que está escrito no
8.31:
Êx 20.25
Dt 27.5-6
livro da lei de Moisés, a saber: um altar de pedras inteiras,
8.31:
Êx 20.24
sobre o qual se não movera ferro: e ofereceram sobre ele holocaustos ao Senhor, e sacrificaram sacrifícios pacíficos. 32Também escreveu
8.32:
Dt 27.2,8
ali em pedras uma cópia da lei de Moisés, que já tinha escrito diante dos filhos de Israel, 33E todo o Israel, com os seus anciãos, e os seus príncipes, e os seus juízes, estavam duma e outra banda da arca, perante os sacerdotes levitas, que levavam a
8.33:
Dt 31.9,12,25
arca do concerto do Senhor, assim estrangeiros como naturais; metade deles em frente do monte Gerizim, e a outra metade em frente do monte Ebal: como
8.33:
Dt 11.29
27.12
Moisés, servo do Senhor, ordenara, para abençoar primeiramente o povo de Israel. 34E depois leu
8.34:
Dt 28.2,15,45
29.20-21
30.19
31.11
Ne 8.3
em alta voz todas as palavras da lei, a bênção e a maldição, conforme a tudo o que está escrito no livro da lei. 35Palavra nenhuma houve, de tudo o que Moisés ordenara, que Josué não lesse perante toda a congregação de Israel, e das mulheres e
8.35:
Dt 31.12
Js 8.33
dos meninos, e dos estrangeiros, que andavam no meio deles.

9

Os gibeonitas enganam Josué, que faz com eles uma aliança

91E SUCEDEU que, ouvindo isto todos os reis, que estavam daquém do Jordão, nas montanhas, e nas campinas, em toda a costa do grande

9.1:
Êx 3.17
23.23
Nm 34.6
mar, em frente do Líbano, os heteus, e os amorreus, os cananeus, os ferezeus, os heveus, e os jebuseus, 2Se ajuntaram
9.2:
Sl 83.4,6
eles de comum acordo, para pelejar contra Josué e contra Israel. 3E
9.3:
Js 6.27
10.2
2Sm 21.1
os moradores de Gibeom ouvindo o que Josué fizera com Jericó e com Ai, 4Usaram também de astúcia, e foram e se fingiram embaixadores: e tomaram sacos velhos sobre os seus jumentos, e odres de vinho velhos, e rotos, e remendados; 5E nos seus pés sapatos velhos e remendados, e vestidos velhos sobre si: e todo o pão que traziam para o caminho era seco e bolorento. 6E vieram a
9.6:
Js 5.10
Josué, ao arraial, a Gilgal, e lhe disseram a ele e aos homens de Israel: Vimos duma terra distante; fazei pois agora concerto
9.6:
Êx 23.32
Dt 7.2
20.16
Js 11.19
Jz 2.2
conosco. 7E os homens de Israel responderam aos heveus: Porventura habitais no meio de nós; como pois faremos concerto convosco? 8Então disseram a Josué: Nós somos
9.8:
Dt 20.11
2Rs 10.5
teus servos. E disse-lhes Josué: Quem sois vós, e donde vindes? 9E lhe responderam: Teus servos vieram duma terra mui distante, por causa do
9.9:
Êx 15.14
Dt 20.15
Js 2.10
nome do Senhor teu Deus: porquanto ouvimos a sua fama, e tudo quanto fez no Egito; 10E tudo quanto
9.10:
Nm 21.24,33
fez aos dois reis dos amorreus, que estavam dalém do Jordão, a Seom rei de Hesbom, e a Ogue, rei de Basã, que estava em Astarote. 11Pelo que nossos anciãos e todos os moradores da nossa terra nos falaram, dizendo: Tomai convosco em vossas mãos provisão para o caminho, e ide-lhes ao encontro: e dizei-lhes: Nós somos vossos servos; fazei pois agora concerto conosco. 12Este nosso pão tomamos quente das nossas casas para nossa provisão, no dia em que saímos para vir a vós: e ei-lo aqui agora já seco e bolorento: 13E estes odres, que enchemos de vinho, eram novos, ei-los aqui já rotos: e estes nossos vestidos e nossos sapatos já se têm envelhecido, por causa do mui longo caminho. 14Então aqueles homens tomaram da sua provisão: e não
9.14:
Nm 27.21
Jz 1.1
1Sm 22.10
23.10-11
30.8
2Sm 2.1
5.19
Is 30.1-2
pediram conselho à boca do Senhor. 15E Josué fez paz com eles, e
9.15:
Js 11.19
2Sm 21.2
fez um concerto com eles, que lhes daria a vida: e os príncipes da congregação lhes prestaram juramento. 16E sucedeu que, ao fim de três dias, depois de fazerem concerto com eles, ouviram que eram seus vizinhos, e que moravam no meio deles. 17Porque, partindo os filhos de Israel, chegaram às suas cidades ao terceiro dia: e suas cidades eram
9.17:
Js 18.25-26,28
Ed 2.25
Gibeom, e Cefira, e Beerote, e Quiriate-Jearim. 18E os filhos de Israel os não feriram; porquanto
9.18:
Sl 15.4
Ec 5.12
os príncipes da congregação lhes juraram pelo Senhor Deus de Israel: pelo que toda a congregação murmurava contra os príncipes. 19Então todos os príncipes disseram a toda a congregação: Nós juramos-lhes pelo Senhor Deus de Israel: pelo que não podemos tocar-lhes. 20Isto, porém, lhes faremos: dar-lhes-emos a vida; para que não haja grande ira
9.20:
2Sm 21.1-2,6
Ez 17.13,15,18-19
Zc 5.3-4
Ml 3.5
sobre nós, por causa do juramento que já lhes temos jurado. 21Disseram-lhes pois os príncipes: Vivam, e sejam rachadores de lenha
9.21:
Dt 29.21
Js 9.15
e tiradores de água para toda a congregação, como os príncipes lhes têm dito. 22E Josué os chamou, e falou-lhes dizendo: Por que nos enganastes, dizendo: Mui longe
9.22:
Js 9.6,9,16
de vós habitamos, morando vós no meio de nós? 23Agora pois sereis malditos:
9.23:
Gn 9.25
Js 9.11,27
e dentre vós não deixará de haver servos, nem rachadores de lenha, nem tiradores de água, para a casa do meu Deus. 24Então responderam a Josué, e disseram: Porquanto com certeza foi anunciado aos teus servos que o Senhor teu Deus ordenou a
9.24:
Êx 23.32
Dt 7.1-2
Moisés, seu servo, que vos desse toda esta terra, e destruísse todos os moradores da terra diante de vós, tememos muito por
9.24:
Êx 15.14
nossas vidas por causa de vós; por isso fizemos assim. 25E eis que agora estamos
9.25:
Gn 16.6
na tua mão: faze aquilo que te pareça bom e reto que se nos faça. 26Assim pois lhes fez: e livrou-os das mãos dos filhos de Israel, e não os mataram. 27E, naquele dia, Josué os deu como rachadores de lenha,
9.27:
Js 9.21,23
e tiradores de água para a congregação e para o altar do Senhor
9.27:
Dt 12.5
até ao dia de hoje, no lugar que escolhesse.

10

Gibeom é sitiada por cinco reis

101E SUCEDEU que, ouvindo Adonizedeque, rei de Jerusalém, que Josué tomara a Ai, e a tinha destruído totalmente e fizera a Ai e ao seu rei como tinha feito

10.1:
Js 6.21
8.22,26,28
9.15
a Jericó e ao seu rei, e que os moradores de Gibeom fizeram paz com os israelitas, e estavam no meio deles, 2Temeram
10.2:
Êx 15.14-16
Dt 11.25
muito; porque Gibeom era uma cidade grande como uma das cidades reais, e ainda maior do que Ai, e todos os seus homens valentes. 3Pelo que Adonizedeque, rei de Jerusalém, enviou a Hoão, rei de Hebrom, e a Pirã, rei de Jarmute, e a Jafia, rei de Laquis, e a Debir, rei de Eglom, dizendo: 4Subi a mim, e ajudai-me e firamos a Gibeom: porquanto
10.4:
Js 9.15
10.1
fez paz com Josué e com os filhos de Israel. 5Então se ajuntaram, e subiram cinco reis dos amorreus, o rei de Jerusalém, o rei de Hebrom, o rei de Jarmute, o rei de Laquis, o rei de Eglom, eles e todos os seus exércitos: e sitiaram
10.5:
Js 9.2
a Gibeom e pelejaram contra ela.

Josué socorre a Gibeom

6Enviaram pois os homens de Gibeom a Josué

10.6:
Js 5.10
9.6
ao arraial de Gilgal, dizendo: Não retires as tuas mãos de teus servos; sobe apressadamente a nós, e livra-nos, e ajuda-nos, porquanto todos os reis dos amorreus, que habitam na montanha, se ajuntaram contra nós. 7Então subiu Josué de Gilgal, ele e toda a gente
10.7:
Js 8.1
de guerra com ele, e todos os valentes e valorosos. 8E o Senhor disse a Josué: Não os temas,
10.8:
Js 1.5
11.6
Jz 4.14
porque os tenho dado na tua mão: nenhum deles parará diante de ti. 9E Josué lhes sobreveio de repente, porque toda a noite veio subindo desde Gilgal. 10E o Senhor os conturbou
10.10:
Js 15.35
16.3,5
Jz 4.15
1Sm 7.10,12
Sl 18.15
Is 28.21
diante de Israel, e os feriu de grande ferida em Gibeom: e seguiu-os pelo caminho que sobe a Betorom, e os feriu até Azeca e a Maquedá. 11E sucedeu que, fugindo eles diante de Israel à descida de Betorom, o Senhor lançou
10.11:
Sl 18.14,16
77.17
Is 30.30
Ap 16.21
sobre eles, do céu, grandes pedras até Azeca, e morreram: e foram muitos mais os que morreram das pedras da saraiva do que os que os filhos de Israel mataram à espada.

O sol e a lua são detidos

12Então Josué falou ao Senhor, no dia em que o Senhor deu os amorreus na mão dos filhos de Israel, e disse aos olhos dos israelitas: Sol, detém-te em Gibeom, e tu

10.12:
Jz 12.12
Is 28.21
Hc 3.11
lua, no vale de Ajalom. 13E o sol se deteve, e a lua parou, até que o povo se vingou de seus inimigos. Isto não está
10.13:
2Sm 1.18
escrito no livro do 10.13: Hebr. JasherReto? O sol pois se deteve no meio do céu, e não se apressou a pôr-se, quase um dia inteiro: 14E não houve dia
10.14:
Dt 1.30
Js 10.42
23.3
Is 38.8
semelhante a este, nem antes nem depois dele, ouvindo o Senhor assim a voz dum homem: porque o Senhor pelejava por Israel. 15E tornou-se
10.15:
Js 10.43
Josué, e todo o Israel com ele, ao arraial, a Gilgal.

Josué prende os cinco reis e mata-os

16Aqueles cinco reis, porém, fugiram, e se esconderam numa cova em Maquedá. 17E foi anunciado a Josué, dizendo: Acharam-se os cinco reis escondidos numa cova em Maquedá. 18Disse pois Josué: Arrojai grandes pedras à boca da cova, e ponde sobre ela homens que os guardem: 19Porém vós não vos detenhais; segui os vossos inimigos, e feri os que ficaram atrás: não os deixeis entrar nas suas cidades, porque o Senhor vosso Deus já vo-los deu na vossa mão. 20E sucedeu que, acabando Josué e os filhos de Israel, de os ferir a grande ferida, até consumi-los, e que os que ficaram deles se retiraram às cidades fortes, 21Todo o povo se tornou em paz a Josué, ao arraial em Maquedá: não havendo ninguém que movesse a sua língua

10.21:
Êx 11.7
contra os filhos de Israel. 22Depois disse Josué: Abri a boca da cova, e trazei-me aqueles cinco reis para fora da cova. 23Fizeram pois assim, e trouxeram-lhe aqueles cinco reis para fora da cova: o rei de Jerusalém, o rei de Hebrom, o rei de Jarmute, o rei de Laquis, e o rei de Eglom. 24E sucedeu que, trazendo aqueles reis a Josué, Josué chamou todos os homens de Israel, e disse aos capitães da gente de guerra, que com eles foram: Chegai, ponde os vossos
10.24:
Sl 107.40
110.5
149.8
Is 26.5-6
Ml 4.3
pés sobre os pescoços destes reis. E chegaram, e puseram os seus pés sobre os seus pescoços. 25Então Josué lhes disse: Não temais, nem vos espanteis:
10.25:
Dt 3.21
7.19
31.6,8
Js 1.9
esforçai-vos e animai-vos; porque assim fará o Senhor a todos os vossos inimigos, contra os quais pelejardes. 26E, depois disto, Josué os feriu, e os matou, e os pendurou em cinco madeiros: e ficaram enforcados
10.26:
Js 8.29
nos madeiros até à tarde. 27E sucedeu que, ao tempo do pôr do sol, deu Josué ordem que os tirassem
10.27:
Dt 21.23
Js 8.29
dos madeiros: e lançaram-nos na cova onde se esconderam: e puseram grandes pedras à boca da cova, que ainda ali estão até ao mesmo dia de hoje.

Josué vence mais sete reis

28E naquele mesmo dia tomou Josué a Maquedá, feriu-a a fio de espada, e destruiu o seu rei, a eles, e a toda a alma que nela havia; nada deixou de resto: e fez ao rei de Maquedá como

10.28:
Js 6.21
fizera ao rei de Jericó. 29Então Josué e todo o Israel com ele passou de Maquedá a Libna, e pelejou contra Libna; 30E também o Senhor a deu na mão de Israel, a ela e a seu rei, e a feriu a fio de espada, a ela e a toda a alma que nela havia; nada deixou de resto: e fez ao seu rei como fizera ao rei de Jericó. 31Então Josué, e todo o Israel com ele, passou de Libna a Laquis: e a sitiou, e pelejou contra ela; 32E o Senhor deu a Laquis na mão de Israel, e tomou-a no dia seguinte, e a feriu a fio de espada, a ela, e a toda a alma que nela havia, conforme a tudo o que fizera a Libna. 33Então Horão, rei de Gezer, subiu a ajudar a Laquis: porém Josué o feriu, a ele e ao seu povo, até que nenhum lhe deixou de resto. 34E Josué, e todo o Israel com ele, passou de Laquis a Eglom: e a sitiaram, e pelejaram contra ela; 35E no mesmo dia a tomaram, e a feriram, a fio de espada; e a toda a alma, que nela havia, destruiu totalmente no mesmo dia: conforme a tudo o que fizera a Laquis. 36Depois Josué, e todo o Israel com ele, subiu de Eglom a
10.36:
Js 14.13
15.13
Jz 1.10
Hebrom, e pelejaram contra ela; 37E a tomaram, e a feriram ao fio de espada, assim ao seu rei como a todas as suas cidades, e a toda a alma, que nelas havia; a ninguém deixou com vida, conforme a tudo o que fizera a Eglom: e a destruiu totalmente, a ela e a toda a alma que nela havia. 38Então Josué e todo o Israel com ele, tornou a Debir,
10.38:
Js 15.15
Jz 1.11
e pelejou contra ela; 39E tomou-a com o seu rei, e a todas as suas cidades, e as feriram a fio de espada, e a toda a alma que nelas havia destruíram totalmente; nada deixou de resto: como fizera a Hebrom, assim fez a Debir e ao seu rei, e como fizera a Libna e ao seu rei. 40Assim feriu Josué toda aquela terra, as montanhas, o sul, e as campinas, e as descidas das águas, e a todos os seus reis; nada deixou de resto: mas tudo o que tinha fôlego destruiu, como ordenara o
10.40:
Dt 20.16-17
Senhor Deus de Israel. 41E Josué os feriu desde Cades-Barneia, e até Gaza:
10.41:
Gn 10.19
Js 11.16
como também toda a terra de Gósen, e até Gibeom. 42E duma vez tomou Josué todos estes reis, e as suas terras: porquanto o
10.42:
Js 10.14
Senhor Deus de Israel pelejava por Israel. 43Então Josué, e todo o Israel com ele, se tornou ao arraial em Gilgal.