Nova Tradução na Linguagem de Hoje (2000) (NTLH)
89

Louvor ao Todo-Poderoso

Poesia de Etã, o ezraíta.

89, título
1Rs 4.31

891Ó Senhor Deus, eu sempre cantarei

a respeito do teu amor

e anunciarei a tua fidelidade

a todas as gerações.

2Sei que o teu amor dura para sempre

e que a tua fidelidade é tão firme

como o céu.

3Tu disseste:

“Eu escolhi o meu servo Davi,

fiz uma aliança com ele

e lhe prometi isto:

4‘Um dos seus descendentes

sempre reinará;

eu farei com que eles sempre sejam reis

depois de você.’ ”

89.4
2Sm 7.12-16
1Cr 17.11-14
Sl 132.11
At 2.30

5Ó Senhor, os céus cantam

as maravilhas que fazes,

e, reunidos, os anjos cantam

a tua fidelidade.

6Não há no céu ninguém como tu,

ó Senhor!

Entre os seres celestiais

não há nenhum igual a ti.

7Tu és respeitado na assembleia deles,

és temido por todos os que estão

ao teu redor.

8Ó Senhor, Deus Todo-Poderoso,

não há ninguém que tenha tanto poder

como tu!

Em todas as coisas, tu és fiel,

ó Senhor!

9Tu dominas o Mar89.9 Ver Jó 9.8, nota. poderoso,

tu acalmas as suas ondas furiosas.

10Esmagaste o monstro Raabe89.10 O monstro Raabe era um poderoso monstro lendário da desordem e do mal (ver Jó 9.13, nota). O salmista usa a imagem poética da vitória de Deus sobre esse monstro para mostrar que Deus tem todo o poder. e o mataste;

com a tua grande força,

derrotaste os teus inimigos.

11O céu é teu, e a terra é tua;

tu criaste o mundo

e tudo o que nele existe.

12Tu fizeste o Norte e o Sul.

Os montes Tabor e Hermom te louvam

com alegria.

13Como és poderoso!

Como é grande a tua força!

14A honestidade e a justiça

são as bases do teu reinado.

Tu és fiel e amoroso

em tudo o que fazes.

15Feliz o povo que te adora com canções

e que vive na luz da tua presença!

16Por causa de ti, eles se alegram

o dia todo

e te louvam porque és bondoso.

A promessa de Deus a Davi

17Tu, ó Deus, és o nosso poder glorioso;

por tua bondade, nos fazes vencer,

18pois escolhes o nosso protetor.

Foste tu, Senhor, o Santo Deus de Israel,

que nos deste o nosso rei.

19Há muito tempo, numa visão,

tu disseste aos teus servos fiéis:

“Eu ajudei um soldado famoso;

dei a autoridade a um homem

que escolhi do meio do povo.

20Escolhi o meu servo Davi para ser rei,

ungindo-o com azeite sagrado.

89.20 a
1Sm 13.14
At 13.22

21A minha força estará sempre com ele,

o meu poder o tornará forte.

22Os seus inimigos nunca o vencerão,

os maus não o derrotarão.

23Eu acabarei com os seus inimigos

e matarei todos os que o odeiam.

24Sempre serei fiel a Davi e o amarei,

e, por causa do meu poder,

ele sempre vencerá.

25Estenderei o seu reinado

desde o mar Mediterrâneo

até o rio Eufrates.

26Então ele me dirá:

‘Tu és o meu pai e o meu Deus;

tu és a rocha que me salva.’

27Eu lhe darei os direitos

de filho mais velho,

farei com que ele seja o maior

de todos os reis do mundo.

89.27
Ap 1.5

28Eu sempre o amarei,

e a minha aliança com ele ficará firme.

29Depois dele os seus descendentes

sempre serão reis

e reinarão enquanto o céu existir.

30“Mas, se os seus descendentes

desobedecerem à minha lei,

se não viverem de acordo

com os meus ensinamentos,

31se desprezarem as minhas ordens

e não guardarem os meus mandamentos,

32então eu os castigarei

pelos seus pecados,

eu os farei sofrer

por causa dos seus erros.

33Porém não deixarei de amar a Davi,

mas cumprirei a promessa que lhe fiz.

34Não quebrarei a aliança

que fiz com ele,

nem deixarei de cumprir

nenhuma das minhas promessas.

35“De uma vez por todas,

jurei pelo meu santo nome

que nunca mentiria a Davi.

36Ele sempre terá descendentes,

e, enquanto o sol brilhar,

eu protegerei o seu reinado.

37Esse reinado durará como a lua,

aquela fiel testemunha

que está no céu.”

A derrota do rei

38Mas agora, ó Deus, tu estás irado

com o rei que escolheste;

tu o abandonaste e o rejeitaste.

39Quebraste a aliança

que fizeste com o teu servo

e jogaste a sua coroa no chão.

40Derrubaste as muralhas da sua cidade

e arrasaste as suas fortalezas.

41Os que passam roubam

tudo o que ele tem,

e os seus vizinhos zombam dele.

42Deste a vitória aos seus inimigos

e fizeste com que eles

ficassem felizes.

43Tu tornaste inúteis as armas do rei

e deixaste que ele fosse derrotado

na batalha.

44Tiraste a sua autoridade de rei

e derrubaste o seu trono.

45Tu fizeste com que ele envelhecesse

antes do tempo

e o cobriste de humilhação.

Pedido de libertação

46Até quando te esconderás,

ó Senhor Deus?

Será para sempre?

Até quando a tua ira queimará

como fogo?

47Lembra como é curta a minha vida;

lembra que todas as pessoas que criaste

vão morrer um dia.

48Quem pode continuar vivo

e nunca morrer?

Quem pode escapar da sepultura?

49Ó Senhor, onde estão

as antigas provas do teu amor?

Onde estão os juramentos

que fizeste a Davi?

50Lembra que eu, teu servo,

estou sendo insultado

e suporto todas as ofensas dos pagãos.

51Ó Senhor, como os teus inimigos

falam mal do rei que escolheste!

Aonde ele vai, eles o insultam.

52Louvemos o Senhor Deus para sempre!

Amém! Amém!

90

Quarto livro

Salmos 90—106

Deus e os seres humanos

Oração de Moisés, homem de Deus.

901Senhor, tu sempre tens sido o nosso refúgio.

2Antes de formares os montes

e de começares a criar a terra

e o Universo,

tu és Deus eternamente, no passado,

no presente e no futuro.

3Tu dizes aos seres humanos

que voltem a ser o que eram antes;

tu fazes com que novamente virem pó.

4Diante de ti, mil anos

são como um dia,

como o dia de ontem, que já passou;

são como uma hora noturna

que passa depressa.

90.4
2Pe 3.8

5Tu acabas com a vida das pessoas;

elas não duram mais do que um sonho.

São como a erva que brota de manhã,

6que cresce e abre em flor

e de tarde seca e morre.

7Nós somos destruídos pela tua ira,

e o teu furor nos deixa apavorados.

8Tu pões as nossas maldades

diante de ti

e, com a tua luz, examinas

os nossos pecados secretos.

9De repente, os nossos dias são cortados

pela tua ira;

a nossa vida termina como um sopro.

10Só vivemos uns setenta anos,

e os mais fortes chegam aos oitenta,

mas esses anos só trazem canseira

e aflições.

A vida passa logo, e nós desaparecemos.

11Quem já sentiu o grande poder

da tua ira?

Quem conhece o medo

que o teu furor produz?

12Faze com que saibamos como são poucos

os dias da nossa vida

para que tenhamos um coração sábio.

13Olha de novo para nós, ó Senhor Deus!

Até quando vai durar a tua ira?

Tem compaixão dos teus servos.

14Alimenta-nos de manhã com o teu amor,

até ficarmos satisfeitos,

para que cantemos e nos alegremos

a vida inteira.

15Dá-nos agora muita felicidade

assim como nos deste muita tristeza

no passado,

naqueles anos em que tivemos aflições.

16Que os teus servos vejam

as grandes coisas que fazes!

E que os nossos descendentes vejam

o teu glorioso poder!

17Derrama sobre nós as tuas bênçãos,

ó Senhor, nosso Deus!

Dá-nos sucesso em tudo o que fizermos;

sim, dá-nos sucesso em tudo.

91

Deus, o nosso protetor

911A pessoa que procura segurança

no Deus Altíssimo

e se abriga na sombra protetora

do Todo-Poderoso

2pode dizer a ele:

“Ó Senhor Deus, tu és o meu defensor

e o meu protetor.

Tu és o meu Deus; eu confio em ti.”

3Deus livrará você de perigos escondidos

e de doenças mortais.

4Ele o cobrirá com as suas asas,

e debaixo delas você estará seguro.

A fidelidade de Deus o protegerá

como um escudo.

5Você não terá medo dos perigos da noite

nem de assaltos durante o dia.

6Não terá medo da peste

que se espalha na escuridão

nem dos males que matam ao meio-dia.

7Ainda que mil pessoas sejam mortas

ao seu lado,

e dez mil, ao seu redor,

você não sofrerá nada.

8Você olhará e verá

como os maus são castigados.

9Você fez do Senhor Deus o seu protetor

e, do Altíssimo, o seu defensor;

10por isso, nenhum desastre

lhe acontecerá,

e a violência não chegará

perto da sua casa.

11Deus mandará que os anjos dele

cuidem de você

para protegê-lo

aonde quer que você for.

91.11
Mt 4.6
Lc 4.10

12Eles vão segurá-lo com as suas mãos,

para que nem mesmo os seus pés

sejam feridos nas pedras.

91.12
Mt 4.6
Lc 4.11

13Com os pés você esmagará leões

e cobras,

leões ferozes e serpentes venenosas.

91.13
Lc 10.19

14Deus diz: “Eu salvarei

aqueles que me amam

e protegerei os que reconhecem

que eu sou Deus, o Senhor.

15Quando eles me chamarem,

eu responderei

e estarei com eles

nas horas de aflição.

Eu os livrarei

e farei com que sejam respeitados.

16Como recompensa, eu lhes darei

vida longa

e mostrarei que sou o seu Salvador.”