Nova Tradução na Linguagem de Hoje (2000) (NTLH)
84

Saudades da casa de Deus

Salmo do grupo de Corá. Ao regente do coro — com a melodia de “Os Lagares”.

841Como eu amo o teu Templo,

ó Senhor Todo-Poderoso!

2Como eu gostaria de estar ali!

Tenho saudade dos pátios do Templo

de Deus, o Senhor.

Com todo o meu ser, canto com alegria

ao Deus vivo.

3Ó Senhor Todo-Poderoso,

meu Rei e meu Deus,

perto dos teus altares

os pardais constroem o seu ninho,

e as andorinhas fazem a sua casa,

onde cuidam dos seus filhotes.

4Felizes são os que moram na tua casa,

sempre cantando louvores a ti!

5Felizes são aqueles que de ti

recebem forças

e que desejam andar pelas estradas

que levam ao monte Sião!

6Quando eles passam

pelo Vale das Lágrimas,

ele fica cheio de fontes de água,

e as primeiras chuvas

o cobrem de bênçãos.

7Enquanto vão indo, a força deles

vai aumentando;

eles verão o Deus dos deuses em Sião.

8Escuta a minha oração,

ó Senhor, Deus Todo-Poderoso!

Ouve-me, ó Deus de Jacó!

9Ó Deus, abençoa o nosso protetor,

o rei que tu escolheste!

10É melhor passar um dia no teu Templo

do que mil dias em qualquer outro lugar.

Eu gostaria mais de ficar

no portão de entrada

da casa do meu Deus

do que morar nas casas dos maus.

11O Senhor Deus é a nossa luz

e o nosso escudo.

Ele ama e honra

os que fazem o que é certo

e lhes dá tudo o que é bom.

12Ó Senhor Todo-Poderoso,

como são felizes

aqueles que confiam em ti!

85

Prosperidade e justiça

Salmo do grupo de Corá. Ao regente do coro.

851Ó Senhor Deus, tu tens sido bom

para a tua terra;

fizeste com que Israel prosperasse

outra vez.

2Perdoaste todos os pecados do teu povo

e não olhaste para as suas maldades.

3Acalmaste todo o teu furor

e deixaste de lado o fogo da tua ira.

4Faze com que prosperemos de novo,

ó Deus, nosso Salvador,

e não continues aborrecido

com o teu povo!

5Será que vais ficar irado para sempre

contra nós?

Será que a tua ira nunca vai acabar?

6Dá-nos forças novamente

e assim o teu povo se alegrará

por causa de ti.

7Mostra-nos, ó Senhor Deus, o teu amor

e dá-nos a tua salvação!

8Eu escuto o que o Senhor

está dizendo.

Para nós, o seu povo,

para nós, os que somos fiéis,

ele promete paz

se não voltarmos aos nossos caminhos

de loucura.

9Na verdade, Deus está pronto

para salvar os que o temem

a fim de que a sua presença salvadora

fique na nossa terra.

10O amor e a fidelidade se encontrarão;

a justiça e a paz se abraçarão.

11A fidelidade das pessoas

brotará da terra,

e a justiça de Deus olhará lá do céu.

12O Senhor Deus nos dará o que é bom,

e a nossa terra produzirá

as suas colheitas.

13A justiça irá adiante do Senhor

e preparará o caminho para ele.

86

Pedido de socorro em tempos de angústia

Oração de Davi.

861Ó Senhor Deus, escuta-me e responde-me,

pois estou fraco e necessitado!

2Salva-me da morte, pois sou fiel a ti;

salva-me porque sou teu servo

e confio em ti.

3Tu és o meu Deus.

Tem compaixão de mim, Senhor,

pois eu oro a ti o dia inteiro!

4Ó Senhor, alegra o coração

deste teu servo,

pois os meus pensamentos sobem a ti!

5Ó Senhor, tu és bom e perdoador

e tens muito amor

por todos os que oram a ti.

6Escuta, ó Senhor, a minha oração

e ouve os meus gritos pedindo socorro!

7Em tempos de angústia eu te chamo,

pois tu me respondes.

8Não há nenhum deus como tu, Senhor;

não há nenhum que possa fazer

o que tu fazes.

9Todos os povos que criaste virão

e se curvarão diante de ti.

Eles louvarão a tua grandeza

86.9
Ap 15.4

10porque tu és poderoso

e fazes coisas maravilhosas.

Só tu és Deus.

11Ó Senhor Deus, ensina-me

o que queres que eu faça,

e eu te obedecerei fielmente!

Ensina-me a te servir

com toda a devoção.

12Senhor, meu Deus, eu te louvarei

com todo o coração

e anunciarei a tua grandeza

para sempre.

13Como é grande o teu amor por mim!

Tu não deixaste que eu fosse levado

para o fundo do mundo dos mortos.

14Ó Deus, estou sendo atacado

por gente orgulhosa.

Um bando de pessoas violentas

está querendo me matar,

pessoas que não querem saber de ti.

15Mas tu, Senhor, és Deus de compaixão

e de amor;

és sempre paciente, bondoso e fiel.

16Olha de novo para mim

e tem misericórdia de mim;

dá-me a tua força e salva-me,

pois eu te sirvo,

como te serviu também a minha mãe.

17Ó Senhor Deus, dá-me uma prova

da tua bondade!

Então os que me odeiam verão

que tu tens me ajudado e consolado

e ficarão envergonhados.