Nova Tradução na Linguagem de Hoje (2000) (NTLH)
144

Oração de um rei

De Davi.

1441Louvem o Senhor Deus, a minha rocha;

ele me prepara para a batalha

e me ensina a combater.

2Ele é a minha rocha

e a minha fortaleza,

o meu abrigo e o meu libertador.

Ele me defende como um escudo,

e eu confio na sua proteção.

Ele põe as nações

debaixo do meu poder.

3Ó Senhor, que é o ser humano,

para que penses nele?

Que é um simples mortal,

para que te preocupes com ele?

144.3
Jó 7.17-18
Sl 8.4

4O ser humano é como um sopro;

a sua vida é como a sombra que passa.

5Ó Senhor, abre o céu e desce!

Toca nas montanhas,

e elas soltarão fumaça.

6Manda relâmpagos

e espalha os inimigos;

atira as tuas flechas

para fazê-los fugir.

7Lá do alto estende a mão,

tira-me do mar profundo e salva-me.

Livra-me do poder dos pagãos,

8pois eles nunca dizem a verdade

e mentem, fazendo juramentos falsos.

9A ti, ó Deus, eu cantarei

uma nova canção;

tocarei harpa de dez cordas

e te cantarei louvores.

10Tu dás a vitória aos reis

e livras da morte o teu servo Davi.

11Salva-me dos meus inimigos cruéis;

livra-me do poder dos pagãos,

pois eles nunca dizem a verdade

e mentem, fazendo juramentos falsos.

12Que, na sua mocidade, os nossos filhos

sejam como plantas viçosas,

e que as nossas filhas

sejam como colunas

que enfeitam a frente de um palácio!

13Que os nossos depósitos fiquem cheios

de todo tipo de mantimentos!

Que, nos nossos campos, os rebanhos

deem dezenas de milhares de crias!

14Que o gado se reproduza bem,

e as vacas não percam as suas crias!

E que não haja gritos de aflição

nas nossas ruas!

15Feliz a nação que tem tudo isso!

Feliz o povo cujo Deus é o Senhor!