Nova Tradução na Linguagem de Hoje (2000) (NTLH)
18

181Quem não gosta de estar na companhia dos outros só está interessado em si mesmo e rejeita todos os bons conselhos.

2O tolo não se interessa em aprender, mas só em dar as suas opiniões.

3Os maus são desprezados, e quem suja o seu próprio nome passa vergonha.

4A linguagem humana é profunda como o mar, e as palavras dos sábios são como os rios que nunca secam.

5Não é certo dar razão ao culpado, deixando de fazer justiça ao inocente.

6Quando o tolo começa uma discussão, o que ele está pedindo é uma surra.

7Quando o tolo fala, ele causa a sua desgraça, pois acaba caindo na armadilha das suas próprias palavras.

8Os mexericos são tão deliciosos! Como gostamos de saboreá-los!

9O trabalhador relaxado é companheiro daquele que desperdiça.

10O nome do Senhor é como uma torre forte para onde as pessoas direitas vão e ficam em segurança.

11O rico pensa que a sua riqueza o protege como as muralhas altas e fortes em volta de uma cidade.

12A pessoa orgulhosa está a caminho da desgraça, mas a humilde é respeitada.

13Quem responde antes de ouvir mostra que é tolo e passa vergonha.

14A vontade de viver mantém a vida de um doente, mas, se ele desanima, não existe mais esperança.

15A pessoa sábia está sempre ansiosa e pronta para aprender.

16Você quer falar com alguém importante? Leve um presente, e será fácil.

17Aquele que é o primeiro a fazer a sua defesa parece ter razão, mas só até que a outra pessoa comece a lhe fazer perguntas.

18Quando os poderosos se enfrentam no tribunal, tirar a sorte com os dados sagrados18.18 Ver Pv 16.33, nota. pode resolver a questão.

19É mais difícil ganhar de novo a amizade de um amigo ofendido do que conquistar uma fortaleza; as discussões estragam as amizades.

20Você terá de aguentar as consequências de tudo o que disser.

21O que você diz pode salvar ou destruir uma vida; portanto, use bem as suas palavras e você será recompensado.

22Quem acha uma esposa encontra a felicidade: recebeu uma bênção de Deus, o Senhor.

23O pobre pede licença para falar, mas o rico responde com grosseria.

24Algumas amizades não duram nada, mas um verdadeiro amigo é mais chegado que um irmão.

19

191É melhor ser pobre e honesto do que mentiroso e tolo.

2Agir sem pensar não é bom; quem se apressa erra o caminho.

3A falta de juízo é o que faz a pessoa cair na desgraça; no entanto ela põe a culpa em Deus, o Senhor.

4Os ricos arranjam muitos amigos, mas o pobre não consegue nem conservar os poucos que tem.

5A falsa testemunha não poderá escapar do castigo.

6Todos procuram agradar as pessoas importantes; todos querem ser amigos de quem dá presentes.

7Se o pobre é desprezado até pelos seus próprios irmãos, não é de admirar que os seus amigos se afastem dele. Ele se cansa de procurar os amigos, mas eles não se importam com ele.

8Quem procura ter sabedoria ama a sua vida, e quem age com inteligência encontra a felicidade.

9A falsa testemunha é castigada e certamente será condenada à morte.

10Não é bom que os tolos vivam no luxo, nem que os escravos governem os príncipes.

11A pessoa sensata controla o seu gênio, e a sua grandeza é perdoar quem a ofende.

12A raiva do rei é como o rugido de um leão, mas a sua bondade é como o orvalho sobre as plantas.

13Um filho sem juízo pode levar o pai à desgraça. Uma esposa que vive resmungando é como água que pinga sem parar.

14Um homem pode herdar dos seus pais casa e dinheiro, mas só Deus pode dar uma esposa sensata.

15Quem é preguiçoso e dorminhoco acabará passando fome.

16Quem obedece às leis de Deus vive mais; quem despreza os seus ensinamentos morrerá.

17Ser bondoso com os pobres é emprestar ao Senhor, e ele nos devolve o bem que fazemos.

18Corrija os seus filhos enquanto eles têm idade para aprender; mas não os mate de pancadas.

19Deixe que a pessoa de mau gênio sofra as consequências disso, pois, se você a ajudar uma vez, terá de ajudar de novo.

20Ouça os conselhos e esteja pronto para aprender; assim, um dia você será sábio.

21As pessoas fazem muitos planos, mas quem decide é Deus, o Senhor.

22O que se espera de uma pessoa é que seja fiel; é melhor ser pobre do que mentiroso.

23Quem teme o Senhor terá uma vida longa, feliz e tranquila.

24Existe gente que tem preguiça até de pôr a comida na própria boca.

25Os orgulhosos devem ser castigados para que as pessoas simples aprendam uma lição de humildade; quem é sábio aprende quando é corrigido.

26Quem maltrata o seu pai ou toca a sua mãe de casa não tem vergonha e não presta.

27Filho, se você parar de aprender, logo esquecerá o que sabe.

28A testemunha de mau caráter zomba da justiça. Os maus têm fome de fazer o mal.

29Mais cedo ou mais tarde quem zomba dos outros será julgado, e quem não tem juízo será castigado.

20

201Quem bebe demais fica barulhento e caçoa dos outros; o escravo da bebida nunca será sábio.

2A raiva do rei é como o rugido de um leão; quem provoca o rei arrisca a vida.

3Qualquer tolo pode começar uma briga; quem fica fora dela é que merece elogios.

4O lavrador preguiçoso, que não ara as suas terras no tempo certo, não terá nada para colher.

5Os pensamentos de uma pessoa são como água em poço fundo, mas quem é inteligente sabe como tirá-los para fora.

6Todos dizem que são bons e fiéis, mas tente achar alguém que realmente seja!

7Como são felizes os filhos de um pai honesto e direito!

8Quando o rei senta para julgar, ele logo vê o que está errado.

9Será que alguém pode dizer que tem a consciência limpa e que já se livrou dos seus pecados?

10O Senhor Deus detesta quem usa medidas e pesos desonestos.

11A criança mostra o que é pelo que faz; pelos seus atos a gente pode saber se ela é honesta e boa.

12O Senhor nos deu olhos para ver e ouvidos para ouvir.

13Se você gastar o seu tempo dormindo, acabará pobre; trabalhe e terá comida com fartura.

14Está muito caro — diz o comprador, mas depois sai e se gaba de ter feito um ótimo negócio.

15Há muito ouro e muitas pedras preciosas; mas falar com conhecimento, isso, sim, é uma joia de valor.

16Quem aceita ser fiador de um estranho deve dar a sua roupa como garantia de pagamento.

17A comida que se consegue desonestamente pode ser muito gostosa, mas depois será como areia na boca.

18Procure bons conselhos e você terá sucesso; não entre na batalha sem antes fazer planos.

19O mexeriqueiro espalha os segredos; por isso fique longe de quem fala demais.

20Se você amaldiçoar os seus pais, a sua vida terminará como uma lâmpada que se apaga na escuridão.

21A riqueza que é ganha facilmente não faz bem à gente.

22Não seja vingativo; confie em Deus, o Senhor, e ele fará justiça a você.

23O Senhor detesta quem usa medidas e pesos desonestos.

24Se é o Senhor quem dirige os nossos passos, como poderemos entender a nossa vida?

25Pense bem antes de prometer alguma coisa a Deus, pois você poderá se arrepender depois.

26O rei sábio descobre quem está fazendo o mal e o castiga sem piedade.

27O Senhor deu aos seres humanos inteligência e consciência; ninguém pode se esconder de si mesmo.

28Um governo continuará no poder enquanto for humano, justo e honesto.

29A beleza dos jovens está na sua força, e o enfeite dos velhos são os seus cabelos brancos.

30Os castigos curam a maldade da gente e melhoram o nosso caráter.