Nova Tradução na Linguagem de Hoje (2000) (NTLH)
10

As trombetas de prata

101O Senhor Deus disse a Moisés o seguinte:

2— Faça duas trombetas de prata batida. Com elas você chamará o povo para se reunir e dará o sinal de partida do acampamento. 3Quando forem tocadas as duas trombetas, todo o povo se reunirá com você na entrada da Tenda Sagrada. 4Porém, quando uma só for tocada, apenas os chefes dos grupos de famílias se reunirão com você. 5Quando tocarem sons curtos e fortes, as tribos acampadas a leste deverão começar a sair. 6Quando tocarem pela segunda vez sons curtos e fortes, as tribos que estão ao sul começarão a sair. O sinal para partida serão toques curtos e fortes; 7mas, para reunir o povo, deverão ser dados toques longos. 8Os encarregados de tocar as trombetas serão os sacerdotes, que são descendentes de Arão.

— A seguinte lei será obedecida para sempre pelos israelitas. 9Quando vocês estiverem em guerra no seu próprio país, defendendo-se de um inimigo que os atacou, toquem o sinal para a batalha com essas trombetas. Eu, o Senhor, o Deus de vocês, os ajudarei e os livrarei dos seus inimigos. 10Também nas ocasiões de alegria, isto é, nas Festas da Lua Nova e nas outras festas religiosas, vocês deverão tocar as trombetas quando apresentarem os sacrifícios que serão completamente queimados e as ofertas de paz. Então eu os ajudarei. Eu sou o Senhor, o Deus de vocês.

Os israelitas partem do Sinai

11No segundo ano depois que o povo saiu do Egito, no dia vinte do segundo mês, a nuvem se levantou de cima da Tenda Sagrada. 12Nesse dia os israelitas começaram a caminhar, partindo assim do deserto do Sinai; e a nuvem parou no deserto de Parã.

13Assim, pela primeira vez, eles começaram a caminhar, conforme a ordem que o Senhor tinha dado a Moisés. 14Primeiro saíram os que eram da bandeira da tribo de Judá, grupo por grupo, comandados por Nasom, filho de Aminadabe. 15Netanel, filho de Zuar, comandava a tribo de Issacar; 16e Eliabe, filho de Helom, comandava a tribo de Zebulom.

17Então a Tenda foi desarmada, e os levitas dos grupos de famílias de Gérson e de Merari partiram, levando a Tenda.

18Depois saíram aqueles que eram da bandeira levada pela tribo de Rúben, grupo por grupo, comandados por Elisur, filho de Sedeur. 19Selumiel, filho de Zurisadai, comandava a tribo de Simeão, 20e Eliasafe, filho de Deuel, comandava a tribo de Gade.

21Em seguida saíram os levitas do grupo de famílias de Coate, carregando os objetos sagrados. E, quando chegaram ao outro acampamento, a Tenda já estava armada.

22Então saíram aqueles que eram da bandeira da tribo de Efraim, grupo por grupo, comandados por Elisama, filho de Amiúde. 23Gamaliel, filho de Pedasur, comandava a tribo de Manassés; 24e Abidã, filho de Gideoni, comandava a tribo de Benjamim.

25Depois, atrás de todas as outras tribos, saíram aqueles que eram da bandeira da tribo de Dã, grupo por grupo, comandados por Aiezer, filho de Amisadai. 26Pagiel, filho de Ocrã, comandava a tribo de Aser, 27e Aira, filho de Enã, comandava a tribo de Naftali. 28Os israelitas começaram a caminhar nesta ordem, grupo por grupo.

Moisés convida Hobabe a acompanhá-los

29Moisés disse ao seu cunhado Hobabe, filho de Jetro, o midianita:

— Nós estamos saindo para o lugar que o Senhor disse que nos daria. Ele prometeu que faria do povo de Israel uma nação rica; portanto, venha com a gente, e repartiremos com você as coisas boas que conseguirmos.

30Hobabe respondeu:

— Não. Eu vou voltar para a minha terra e para a minha família.

31— Por favor, não faça isso — disse Moisés. — Você conhece o deserto e sabe onde podemos acampar; você poderia ser o nosso guia. 32Se você vier com a gente, nós repartiremos com você todas as bênçãos que o Senhor nos der.

Deus dirige o povo

33E assim os israelitas partiram do Sinai, o monte de Deus, o Senhor, e caminharam durante três dias. A arca da aliança do Senhor ia sempre na frente deles a fim de marcar o lugar de acampar. 34Quando partiam, a nuvem do Senhor ficava por cima deles durante o dia.

35Sempre que a arca partia, Moisés dizia assim: “Ó Senhor Deus, levanta-te e espalha os teus inimigos! E que fujam da tua frente os que te odeiam!”

10.35
Sl 68.1
36E, sempre que a arca parava, Moisés dizia assim: “Ó Senhor Deus, volta para ficar com os milhares de famílias do povo de Israel!”