Nova Tradução na Linguagem de Hoje (2000) (NTLH)
17

Água da rocha em Refidim

Números 20.1-13

171O povo de Israel saiu do deserto de Sim, caminhando de um lugar para outro, de acordo com as ordens de Deus, o Senhor. Eles acamparam em Refidim, mas ali não havia água para beber. 2Então reclamaram contra Moisés e lhe disseram:

— Dê-nos água para beber.

Moisés respondeu:

— Por que vocês estão reclamando? Por que estão pondo o Senhor à prova?

3Mas o povo estava com muita sede e continuava reclamando e gritando contra Moisés. Eles diziam:

— Por que você nos tirou do Egito? Será que foi para nos matar de sede, a nós, aos nossos filhos e às nossas ovelhas e cabras?

4Então Moisés clamou pedindo a ajuda de Deus, o Senhor. Ele disse:

— O que é que eu faço com este povo? Mais um pouco, e eles vão querer me matar a pedradas.

5O Senhor disse a Moisés:

— Escolha entre eles alguns líderes e passe com eles na frente do povo. Leve também o bastão com o qual você bateu no rio Nilo. 6Eu estarei diante de você em cima de uma rocha, ali no monte Sinai. Bata na rocha, e dela sairá água para o povo beber.

E Moisés fez isso na presença dos líderes do povo de Israel.

7Então deram àquele lugar os nomes de Massá e de Meribá17.7 Massá e… Meribá em hebraico querem dizer “provocação” e “reclamação”., pois os israelitas reclamaram contra Moisés e puseram o Senhor à prova, perguntando:

— O Senhor está com a gente ou não?

Guerra contra os amalequitas

8Os amalequitas vieram e atacaram os israelitas em Refidim. 9Então Moisés deu a Josué a seguinte ordem:

— Escolha alguns homens e amanhã cedo vá com eles lutar por nós contra os amalequitas. Eu ficarei no alto do monte, segurando o bastão de Deus.

10Josué fez o que Moisés havia ordenado e foi combater os amalequitas. Enquanto isso, Moisés, Arão e Hur subiram até o alto do monte. 11Quando Moisés ficava com os braços levantados, os israelitas venciam. Porém, quando ele abaixava os braços, eram os amalequitas que venciam. 12Quando os braços de Moisés ficaram cansados, Arão e Hur pegaram uma pedra e a puseram perto dele para que Moisés se sentasse. E os dois, um de cada lado, seguravam os braços de Moisés. Desse modo os seus braços ficaram levantados até o pôr do sol. 13E assim Josué derrotou completamente os amalequitas.

14Então o Senhor Deus disse a Moisés:

— Escreva um relatório dessa vitória a fim de que ela seja lembrada. Diga a Josué que eu vou destruir completamente os amalequitas.

17.14
Dt 25.17-19
1Sm 15.2-9

15Moisés construiu um altar e lhe deu o seguinte nome: “O Senhor Deus é a minha bandeira.” 16Depois disse:

— Segurem bem alto a bandeira do Senhor! O Senhor combaterá para sempre os amalequitas!