Nova Tradução na Linguagem de Hoje (2000) (NTLH)
26

Os guardas do Templo

261Segue a lista dos levitas que foram escalados para trabalhar como guardas do Templo:

Meselemias, filho de Coré, da família de Asafe e do grupo de famílias de Corá. 2Ele foi pai de sete filhos, que foram os seguintes, por ordem de idade: Zacarias, Jediael, Zebadias, Jatniel, 3Elão, Joanã e Elioenai.

4-5Obede-Edom, a quem Deus abençoou dando oito filhos. Eles foram os seguintes, por ordem de idade: Semaías, Jeozabade, Joá, Sacar, Netanel, Amiel, Issacar e Peuletai.

26.4-5
2Sm 6.11
1Cr 13.14

6-7Semaías, o filho mais velho de Obede-Edom, foi pai de seis filhos: Otni, Rafael, Obede, Elzabade, Eliú e Semaquias. Por serem valentes, todos eles eram importantes no seu grupo de famílias; e os dois últimos eram ainda mais valentes do que os outros.

8A família de Obede-Edom forneceu sessenta e dois homens valentes e fortes para trabalharem como guardas do Templo.

9A família de Meselemias forneceu dezoito homens valentes.

10Do grupo de famílias de Merari havia Hosa, que foi pai de quatro filhos: Sinri, que foi posto pelo seu pai como chefe, embora não fosse o filho mais velho; 11Hilquias, Tebalias e Zacarias. Ao todo, treze membros da família de Hosa eram guardas do Templo.

12Os guardas do Templo foram divididos em grupos, de acordo com as suas famílias, e receberam tarefas no serviço do Templo, como os outros levitas. 13Fizeram um sorteio entre as famílias, tanto grandes como pequenas, e assim cada uma foi escalada para tomar conta de um portão. 14Selemias recebeu por sorteio o portão leste, e o seu filho Zacarias, que sempre dava bons conselhos, recebeu o portão norte. 15Obede-Edom foi sorteado para o portão sul, e os seus filhos foram sorteados para tomar conta dos depósitos. 16Supim e Hosa receberam por sorteio o portão oeste e o portão de Salequete, na estrada de cima. O serviço dos guardas foi dividido do seguinte modo: 17cada dia havia seis guardas no leste, quatro no norte e quatro no sul. Quatro guardas ficavam nos depósitos: dois em cada um. 18No pátio oeste ficavam quatro guardas perto da estrada, e dois no pátio propriamente dito. 19Assim ficaram repartidas as tarefas dos guardas que pertenciam ao grupo de famílias de Corá e de Merari.

Outros serviços do Templo

20Outros dos seus irmãos levitas estavam encarregados do tesouro do Templo e dos depósitos onde ficavam guardados os presentes oferecidos a Deus. 21Ladã, um dos filhos de Gérson, foi o antepassado de muitos grupos de famílias, entre eles a família do seu filho Jeieli. 22Zetã e Joel, os outros dois filhos de Ladã, estavam encarregados do tesouro e dos depósitos do Templo.

23Os descendentes de Anrão, Isar, Hebrom e Uziel também receberam tarefas.

24Sebuel, do grupo de famílias de Gérson, filho de Moisés, era o oficial encarregado do tesouro do Templo. 25Ele era aparentado com Selomite através de Eliézer, irmão de Gérson. Eliézer foi pai de Reabias, Reabias foi pai de Jesaías, Jesaías foi pai de Jorão, Jorão foi pai de Zicri, e Zicri foi pai de Selomite. 26Selomite e os membros da sua família estavam encarregados de todos os presentes oferecidos a Deus pelo rei Davi, pelos chefes de famílias, pelos líderes de grupos de famílias e pelos oficiais do exército. 27Esses presentes eram coisas tomadas dos inimigos na guerra e separadas para serem usadas no Templo.

28Selomite e a sua família estavam encarregados de tudo aquilo que havia sido dedicado para ser usado no Templo. No meio dessas coisas estavam os presentes dados pelo profeta Samuel, pelo rei Saul, por Abner, filho de Ner, e por Joabe, cuja mãe se chamava Zeruia.

Deveres de outros levitas

29Quenanias e os seus filhos, que eram descendentes de Isar, estavam encarregados de escrever o que acontecia e de resolver as questões que surgiam no meio do povo de Israel.

30Hasabias e mil e setecentos dos seus parentes, todos eles homens de valor, eram descendentes de Hebrom. Eles foram encarregados de cuidar de todos os assuntos, tanto os religiosos como os da vida comum em Israel, no lado oeste do rio Jordão. 31Jerias era o chefe dos descendentes de Hebrom. No ano quarenta do reinado de Davi, foi feita uma pesquisa nas listas de famílias dos descendentes de Hebrom. E foram encontrados morando em Jazer, na região de Gileade, soldados de grande coragem que pertenciam à família de Hebrom. 32Entre os parentes de Jerias, o rei Davi escolheu dois mil e setecentos chefes de famílias, homens de valor, e os encarregou de cuidar de todos os assuntos, tanto os religiosos como os da vida comum em Israel, no lado leste do rio Jordão, isto é, nos territórios de Rúben, Gade e Manassés do Leste.

27

Organização militar do reino de Davi

271Esta é a lista dos israelitas chefes de famílias e líderes de grupos de famílias e os seus oficiais que prestavam serviço militar no reino. Cada mês do ano um grupo diferente de vinte e quatro mil homens estava de serviço, dirigidos pelo comandante daquele mês.

2-15Os comandantes de cada mês eram os seguintes:

Primeiro mês: Jasobeão, filho de Zabdiel. Ele era do grupo de famílias de Peres, uma parte da tribo de Judá.

Segundo mês: Dodai, descendente de Aoí. Miclote era o seu ajudante no comando.

Terceiro mês: Benaías, filho do sacerdote Joiada. Benaías era o líder do grupo chamado “Os Trinta”, e o seu filho Amizabade ficou no lugar dele como comandante desse grupo.

Quarto mês: Asael, irmão de Joabe. Depois o seu filho Zebadias ficou no lugar dele.

Quinto mês: Samute, descendente de Isar.

Sexto mês: Ira, filho de Iques, da cidade de Tecoa.

Sétimo mês: Heles, da tribo de Efraim, que era da cidade de Pelom.

Oitavo mês: Sibecai, da cidade de Husa, que era do grupo de famílias de Zera, uma parte da tribo de Judá.

Nono mês: Abiezer, da cidade de Anatote, no território da tribo de Benjamim.

Décimo mês: Maarai, da cidade de Netofa, que era do grupo de famílias de Zera.

Décimo primeiro mês: Benaías, da cidade de Piratom, que ficava no território da tribo de Efraim.

Décimo segundo mês: Heldai, da cidade de Netofa, que era descendente de Otoniel.

Chefes das tribos de Israel

16-22Esta é a lista dos chefes das tribos de Israel:

Tribo Chefe
Rúben Eliézer, filho de Zicri
Simeão Sefatias, filho de Maacá
Levi Hasabias, filho de Quemuel
Arão Zadoque
Judá Eliú, irmão do rei Davi
Issacar Onri, filho de Micael
Zebulom Ismaías, filho de Obadias
Naftali Jerimote, filho de Azriel
Efraim Oseias, filho de Azazias
Manassés do Oeste Joel, filho de Pedaías
Manassés do Leste Ido, filho de Zacarias
Benjamim Jaaziel, filho de Abner
Azarel, filho de Jeroão

23O rei Davi não contou os homens que tinham menos de vinte anos, pois Deus havia prometido fazer o povo de Israel tão numeroso como as estrelas do céu.

27.23
Gn 15.5
22.17
26.4
24Joabe, cuja mãe se chamava Zeruia, começou a fazer um recenseamento, porém não terminou. Deus castigou o povo de Israel por causa desse recenseamento. Por isso, o número total não foi escrito nos registros oficiais do rei Davi.
27.24
2Sm 24.15
1Cr 21.1-14

Administradores das propriedades do rei

25-31Esta é a lista dos que cuidavam das propriedades do rei:

Depósitos do rei: Azmavete, filho de Adiel.

Depósitos nos campos, nas cidades, nos povoados e nas fortalezas: Jônatas, filho de Uzias.

Trabalhadores do campo: Ezri, filho de Quelube.

Plantações de uvas: Simei, da cidade de Ramá.

Depósitos de vinho: Zabdi, da cidade de Sefã.

Plantações de oliveiras e de figueiras que havia nas planícies de Judá: Baal-Hanã, de Gedera.

Depósitos de azeite: Joás.

Gado que pastava na planície de Sarom: Sitrai, da cidade de Sarom.

Gado que pastava nos vales: Safate, filho de Adlai.

Camelos: Obil, que era ismaelita.

Jumentas: Jedias, da cidade de Meronote.

Ovelhas e cabras: Jaziz, que era de uma tribo hagarita.

Os conselheiros do rei Davi

32Jônatas, tio de Davi, um homem sábio e instruído, era escrivão. Ele e Jeiel, filho de Hacmoni, estavam encarregados da educação dos filhos do rei. 33Aitofel era conselheiro do rei, e Husai, o arquita, era o conselheiro particular do rei. 34Depois que Aitofel morreu, Abiatar e Joiada, filhos de Benaías, se tornaram conselheiros. Joabe era o comandante do exército do rei.

28

Davi apresenta Salomão para ficar no seu lugar

281O rei Davi ordenou que todas as autoridades de Israel se reunissem na cidade de Jerusalém. Portanto, se reuniram em Jerusalém todos os chefes das tribos, os oficiais que cuidavam dos negócios do reino, os chefes dos grupos de famílias, os administradores das propriedades e de todo o gado que pertenciam ao rei e aos seus filhos e também os funcionários do palácio, os oficiais superiores do exército e outros homens importantes.

2Então Davi ficou de pé na frente deles e disse:

— Povo da minha terra, meus irmãos, escutem! Eu quis construir uma casa onde ficasse guardada para sempre a arca da aliança, que é o estrado dos pés do Senhor, nosso Deus. Eu havia feito preparativos para construir um templo em sua honra, 3mas ele me proibiu de construí-lo porque sou soldado e fiz correr muito sangue. 4O Senhor, o Deus de Israel, escolheu a mim e aos meus descendentes a fim de governarmos o povo de Israel para sempre. Pois ele escolheu a tribo de Judá para que dela saíssem os reis; da tribo de Judá ele preferiu a família do meu pai; e entre os filhos do meu pai ele me escolheu para me fazer rei de todo o povo de Israel. 5Ele me deu muitos filhos e entre todos eles escolheu Salomão para governar Israel, o reino do Senhor.

6E Davi continuou:

— Deus me disse: “O seu filho Salomão é quem irá construir o meu Templo. Eu o escolhi para ser meu filho e serei pai dele. 7Se ele continuar a obedecer a todas as minhas leis e mandamentos, como tem feito até hoje, eu firmarei o seu reino para sempre”.

28.2-7
2Sm 7.1-16
1Cr 17.1-14

8Davi disse também:

— Portanto, agora, na presença do nosso Deus e desta assembleia de todo o povo de Israel, o povo do Senhor, eu recomendo a vocês que obedeçam cuidadosamente a tudo o que o Senhor, nosso Deus, ordenou, para que esta boa terra continue a ser de vocês e para que vocês possam deixá-la como herança aos seus filhos para sempre.

9E a Salomão ele disse:

— Meu filho, reconheça o Deus do seu pai e sirva-o com todo o coração e de livre e espontânea vontade. Ele conhece todos os seus pensamentos e desejos. Se você o procurar, ele o aceitará; mas, se o abandonar, ele o rejeitará para sempre. 10Você deve compreender que o Senhor o escolheu para construir o seu santo Templo. Portanto, seja forte e mãos à obra!

11Davi entregou a Salomão a planta de todos os prédios do Templo, dos depósitos, de todas as salas e do Lugar Santíssimo, onde os pecados são perdoados. 12Deu também as plantas de tudo o que tinha planejado para os pátios e as salas que deveriam ficar ao seu redor e as plantas dos depósitos onde seriam guardados os objetos do Templo e as ofertas dedicadas a Deus. 13Davi também deu a Salomão por escrito a maneira de organizar os sacerdotes e levitas no cumprimento dos seus deveres, para fazer o trabalho do Templo e para cuidar de todos os objetos do Templo. 14O plano determinava o peso da prata e do ouro que deveriam ser usados para fazer os objetos do Templo, 15para fazer cada lamparina e candelabro, 16as mesas de prata e cada uma das mesas de ouro onde seriam colocados os pães oferecidos a Deus. 17Também determinava o peso do ouro puro que deveria ser usado para fazer os garfos, as bacias e as jarras, o peso da prata e do ouro para fazer os pratos 18e o peso do ouro puro que deveria ser usado para fazer o altar onde o incenso é queimado e para fazer o carro onde seriam colocados os querubins, que com as asas estendidas cobrem a arca da aliança de Deus, o Senhor. 19O rei Davi disse:

— Tudo o que está nestas plantas foi escrito de acordo com as instruções que o Senhor me deu, explicando como tudo deve ser feito.

20E disse ao seu filho Salomão:

— Seja forte e corajoso e mãos à obra! Não desanime, nem tenha medo, pois o Senhor, meu Deus, estará com você. Ele não o abandonará, mas ficará com você até terminarem todas as obras da construção do Templo. 21Os sacerdotes e os levitas foram escalados para cuidar dos serviços do Templo. Trabalhadores que sabem fazer todos os tipos de serviço estão prontos para ajudá-lo, e todo o povo e os seus líderes estão às suas ordens.

Utilizamos cookies de acordo com o nossa Política de Privacidade, respeitando todos as suas informações pessoais.[ocultar]