Nova Almeida Atualizada (2017) (NAA)
6

Os filisteus enviam a arca para fora da sua terra

61A arca do Senhor esteve sete meses na terra dos filisteus. 2Estes chamaram os sacerdotes e os adivinhos e perguntaram:

— Que faremos com a arca do Senhor? Digam-nos como a devolveremos para o seu lugar.

3Eles responderam:

— Se devolverem a arca do Deus de Israel, não a mandem vazia, mas enviem também a ele uma oferta pela culpa. Então vocês serão curados e saberão por que a mão dele continua pesando sobre vocês.

4Então os filisteus perguntaram:

— Que oferta pela culpa devemos mandar?

Os sacerdotes e adivinhos responderam:

— Mandem cinco tumores de ouro e cinco ratos de ouro, segundo o número dos governantes dos filisteus, porque a praga é uma e a mesma sobre todos vocês e sobre todos os seus governantes. 5Façam imitações dos tumores e dos ratos que andam destruindo a terra, e deem glória ao Deus de Israel. Assim ele talvez alivie a sua mão de cima de vocês e do deus e da terra de vocês. 6Por que vocês endureceriam o coração, como os egípcios e Faraó fizeram?

6.6
Êx 8.15
14.17
Não é verdade que, depois que Deus os maltratou, eles deixaram os israelitas sair, e eles foram embora?

7— Agora, pois, façam um carro novo,

6.7
2Sm 6.3
arranjem duas vacas com crias, sobre as quais nunca foi colocado jugo, e amarrem as duas ao carro; quanto aos bezerros, levem-nos para casa. 8Então peguem a arca do Senhor e a ponham sobre o carro. E num cofre, ao lado dela, ponham as figuras de ouro que vocês vão lhe enviar como oferta pela culpa; depois, deixem o carro ir. 9Fiquem observando: se ele subir pelo caminho de Bete-Semes, que leva a seu território, então foi o Deus de Israel que nos fez este grande mal. Mas, se não, saberemos que não foi a sua mão que nos atingiu, e que isso nos aconteceu por acaso.

A arca chega a Bete-Semes

10Os homens fizeram isso: pegaram duas vacas com crias e as amarraram ao carro; e encerraram os seus bezerros em casa. 11Puseram a arca do Senhor sobre o carro, junto com o cofre que continha os ratos de ouro e as imitações dos tumores. 12As vacas se encaminharam diretamente para Bete-Semes e, andando e berrando, seguiam sempre por esse mesmo caminho, sem se desviarem nem para a direita nem para a esquerda. Os governantes dos filisteus foram atrás delas, até a fronteira com Bete-Semes.

13O povo de Bete-Semes andava fazendo a colheita do trigo no vale. Quando levantaram os olhos, viram a arca e ficaram muito contentes. 14O carro veio até o campo de Josué, o bete-semita, e parou ali, onde havia uma grande pedra. Eles cortaram a madeira do carro em pedaços e ofereceram as vacas ao Senhor, em holocausto. 15Os levitas desceram a arca do Senhor e também o cofre que estava junto a ela, em que estavam os objetos de ouro, e os puseram sobre a grande pedra. No mesmo dia, os homens de Bete-Semes ofereceram holocaustos e sacrifícios ao Senhor. 16Os cinco governantes dos filisteus viram aquilo e voltaram para Ecrom no mesmo dia.

17Estes são os tumores de ouro que os filisteus enviaram ao Senhor como oferta pela culpa: um por Asdode; outro por Gaza; outro por Asquelom; outro por Gate; e outro por Ecrom. 18Enviaram também os ratos de ouro, segundo o número de todas as cidades dos filisteus, pertencentes aos cinco governantes, desde as cidades fortificadas até as aldeias campestres. A grande pedra, sobre a qual puseram a arca do Senhor, está até o dia de hoje no campo de Josué, o bete-semita.

A arca chega a Quiriate-Jearim

19O Senhor feriu os homens de Bete-Semes, porque olharam para dentro da arca do Senhor, matando setenta deles.

6.19
Nm 4.20
Então o povo chorou, porque o Senhor tinha feito tão grande matança entre eles. 20Os homens de Bete-Semes disseram:

— Quem poderia estar diante do Senhor, este Deus santo? E para onde subirá, para que fique longe de nós?

21Então enviaram mensageiros aos moradores de Quiriate-Jearim, dizendo:

— Os filisteus devolveram a arca do Senhor. Venham até aqui e levem a arca com vocês.

7

71Então os homens de Quiriate-Jearim vieram e levaram a arca do Senhor à casa de Abinadabe, que ficava na colina. E consagraram Eleazar, filho de Abinadabe, para que guardasse a arca do Senhor.

Samuel exorta ao arrependimento

2Desde aquele dia, a arca ficou em Quiriate-Jearim, e tantos dias se passaram, que chegaram a vinte anos. E toda a casa de Israel dirigia lamentações ao Senhor.

7.1-2
2Sm 6.2-4
1Cr 13.5-7

3Samuel falou a toda a casa de Israel, dizendo:

— Se é de todo o coração que vocês estão voltando ao Senhor, então tirem do meio de vocês os deuses estranhos e os astarotes, preparem o coração ao Senhor e sirvam somente a ele.

7.3
Js 24.14,23
Ele livrará vocês das mãos dos filisteus.

4Então os filhos de Israel tiraram de seu meio os baalins e os astarotes e serviram só ao Senhor.

Os filisteus são vencidos

5Samuel disse mais:

— Congreguem todo o Israel em Mispa, e eu vou orar por vocês ao Senhor.

6Congregaram-se em Mispa, tiraram água e a derramaram diante do Senhor, jejuaram aquele dia e ali disseram:

— Pecamos contra o Senhor.

7.6
Jz 10.10
Sl 106.6

E Samuel julgou os filhos de Israel em Mispa.

7Quando os filisteus ouviram que os filhos de Israel estavam congregados em Mispa, os governantes dos filisteus saíram para atacá-los. Quando os filhos de Israel ouviram isso, tiveram medo dos filisteus. 8Então os filhos de Israel disseram a Samuel:

— Não cesse de clamar ao Senhor, nosso Deus, por nós,

7.8
Is 37.4
para que ele nos livre das mãos dos filisteus.

9Então Samuel pegou um cordeiro que ainda mamava e o sacrificou em holocausto ao Senhor. Samuel clamou ao Senhor por Israel, e o Senhor lhe respondeu.

7.9
Sl 99.6
10Enquanto Samuel oferecia o holocausto, os filisteus chegaram para lutar contra Israel. Mas naquele dia o Senhor trovejou com grande estrondo sobre os filisteus. Eles entraram em pânico e foram derrotados pelos filhos de Israel. 11Os homens de Israel saíram de Mispa, perseguiram os filisteus e os derrotaram até abaixo de Bete-Car.

12Então Samuel pegou uma pedra e a pôs entre Mispa e Sem. E lhe deu o nome de Ebenézer,7.12 Ebenézer significa “Pedra de Ajuda” dizendo:

— Até aqui nos ajudou o Senhor.

13Assim os filisteus foram abatidos e nunca mais vieram ao território de Israel, porque a mão do Senhor esteve contra eles todos os dias de Samuel. 14As cidades que os filisteus haviam tomado de Israel foram devolvidas, desde Ecrom até Gate. E até os territórios ao redor delas Israel tirou das mãos dos filisteus. E houve paz entre Israel e os amorreus.

15E Samuel julgou Israel durante todos os dias de sua vida. 16De ano em ano, fazia uma volta, passando por Betel, Gilgal e Mispa; e julgava Israel em todos esses lugares. 17Porém voltava a Ramá,

7.17
1Sm 1.19
porque a sua casa estava ali, onde julgava Israel e onde edificou um altar ao Senhor.

8

Os israelitas pedem um rei

81Quando Samuel ficou velho, constituiu os seus filhos por juízes sobre Israel. 2O primogênito se chamava Joel, e o segundo se chamava Abias. Eles foram juízes em Berseba. 3Porém os filhos de Samuel não andaram pelos caminhos dele; ao contrário, inclinaram-se à avareza, aceitavam suborno e perverteram o direito.

8.3
Dt 16.19

4Então todos os anciãos de Israel se congregaram e foram falar com Samuel, em Ramá. 5Eles disseram:

— Veja! Você está ficando velho e os seus filhos não andam pelos seus caminhos. Por isso, queremos agora que você nos constitua um rei,

8.5
Dt 17.14
para que nos governe, como acontece em todas as nações.

6Mas Samuel não gostou desta palavra, quando disseram: “Dê-nos um rei, para que nos governe.” Então Samuel orou ao Senhor. 7E o Senhor disse a Samuel:

— Atenda à voz do povo em tudo o que lhe pedem. Porque não foi a você que rejeitaram, mas a mim, para que eu não reine sobre eles. 8Segundo todas as obras que fizeram desde o dia em que os tirei do Egito até hoje, pois me deixaram e serviram outros deuses, assim também estão fazendo com você. 9Agora, pois, atenda à voz deles, porém advirta-os solenemente e explique-lhes qual será o direito do rei que vier a reinar sobre eles.

10Samuel relatou todas as palavras do Senhor ao povo, que lhe pedia um rei, 11dizendo:

— Este será o direito do rei que vier a reinar sobre vocês: ele tomará os filhos de vocês e os empregará no serviço dos seus carros de guerra e como seus cavaleiros, para que corram na frente deles. 12Ele porá alguns por capitães de mil e capitães de cinquenta; outros para lavrar os campos dele e fazer as suas colheitas; e outros para fabricar armas de guerra e equipamentos para os seus carros. 13Tomará as filhas de vocês para serem perfumistas, cozinheiras e padeiras. 14Tomará de vocês o melhor das lavouras, das vinhas e dos olivais e o dará aos seus servidores. 15Ficará com uma décima parte dos cereais e das uvas que vocês colherem, para dar aos seus oficiais e aos seus servidores. 16Também tomará os servos e as servas de vocês, os melhores jovens e os jumentos de vocês, e os empregará no seu trabalho. 17Ficará com uma décima parte dos rebanhos de vocês, e vocês serão seus servos. 18Então, naquele dia, vocês clamarão por causa do rei que escolheram, mas o Senhor não os ouvirá naquele dia.

19Porém o povo não atendeu à voz de Samuel e disse:

— Não! Queremos um rei sobre nós. 20Seremos como todas as outras nações. O nosso rei poderá nos governar, sair adiante de nós e fazer as nossas guerras.

21Samuel ouviu todas as palavras do povo e as repetiu diante do Senhor. 22Então o Senhor disse a Samuel:

— Atenda à voz do povo e escolha um rei para eles.

Então Samuel disse aos filhos de Israel:

— Cada um de vocês volte para a sua cidade.