Nova Almeida Atualizada (2017) (NAA)
18

A amizade de Jônatas e Davi

181Depois de Davi ter falado com Saul, a alma de Jônatas se ligou com a de Davi numa profunda amizade. E Jônatas o amou como à sua própria alma.

18.1
1Sm 20.17
2Sm 1.26
2Naquele dia, Saul reteve Davi e não permitiu que ele voltasse para a casa de seu pai. 3Jônatas e Davi fizeram uma aliança, porque Jônatas o amava como à sua própria alma. 4Jônatas tirou a capa que vestia e a deu a Davi. Deu também a sua armadura, inclusive a espada, o arco e o cinto. 5Davi saía aonde quer que Saul o enviava e tinha êxito, de modo que Saul o pôs sobre tropas do seu exército. E Davi era estimado por todo o povo e até pelos próprios servos de Saul.

A inveja de Saul

6E aconteceu que, quando eles estavam voltando para casa, depois de Davi ter matado o filisteu, as mulheres de todas as cidades de Israel saíram ao encontro do rei Saul, cantando e dançando, com tamborins, com alegria e com instrumentos musicais. 7As mulheres se alegravam e, cantando alternadamente, diziam:

“Saul matou os seus milhares,

porém Davi, os seus dez milhares.”

18.7
1Sm 21.11
29.5

8Saul se indignou muito, pois estas palavras lhe desagradaram em extremo. Ele disse:

— Para Davi elas deram dez milhares, mas para mim apenas milhares. Na verdade, o que lhe falta, a não ser o reino?

18.8
1Sm 15.28

9Daquele dia em diante, Saul não via Davi com bons olhos.

10No dia seguinte, um espírito mau, vindo da parte de Deus, se apossou de Saul, que teve uma crise de raiva em sua casa. Davi, como nos outros dias, dedilhava a harpa. Saul, porém, tinha na mão uma lança, 11que ele atirou, pensando assim:

— Encravarei Davi na parede.

Porém Davi se desviou dele por duas vezes.

18.11
1Sm 10.19
20.33

12Saul tinha medo de Davi, porque o Senhor estava com este e tinha abandonado Saul.

18.12
1Sm 16.14
13Por isso Saul o afastou de si e o pôs por chefe de mil. Davi fazia saídas e entradas militares diante do povo. 14Davi tinha êxito em todos os seus empreendimentos, pois o Senhor estava com ele. 15Vendo que Davi tinha êxito, Saul ficou com medo dele. 16Porém todo o Israel e Judá amavam Davi, porque fazia saídas e entradas militares diante deles.

Davi casa com a filha de Saul

17Saul disse a Davi:

— Aqui está Merabe, a minha filha mais velha. Eu a darei a você em casamento, com a condição de que você seja um filho valente e trave as batalhas do Senhor.

Porque Saul pensava assim: “Não seja contra ele a minha mão, e sim a dos filisteus.” 18Mas Davi respondeu a Saul:

— Quem sou eu, e quem são os meus parentes, a família de meu pai em Israel, para que eu seja genro do rei?

19Mas aconteceu que, na época em que Merabe, filha de Saul, devia ser dada em casamento a Davi, foi dada por mulher a Adriel, meolatita.

20Mas Mical, a outra filha de Saul, amava Davi. Contaram isso a Saul, e isso agradou a ele. 21Saul pensava assim: “Eu a darei em casamento a Davi, para que ela lhe sirva de armadilha e para que a mão dos filisteus venha a ser contra ele.” Por isso Saul disse a Davi:

— Com esta segunda você será hoje o meu genro.

22Saul ordenou que os seus servos falassem confidencialmente com Davi, dizendo:

— O rei tem afeição por você, e todos os servos dele amam você. Sendo assim, concorde em ser genro do rei.

23Os servos de Saul falaram estas palavras a Davi, o qual respondeu:

— Vocês acham que é pouca coisa ser genro do rei, sendo eu um homem pobre e sem importância?

24Os servos de Saul lhe contaram isto, dizendo:

— Estas foram as palavras que Davi falou.

25Então Saul ordenou que dissessem a Davi:

— O rei não deseja dote algum, mas cem prepúcios de filisteus, como vingança contra os seus inimigos.

Porque Saul tentava fazer com que Davi fosse morto pelos filisteus. 26Quando os servos de Saul relataram estas palavras a Davi, este gostou da ideia de vir a ser genro do rei. Antes de vencido o prazo, 27Davi se levantou e partiu com os seus homens, e mataram duzentos filisteus. Trouxe os seus prepúcios e os entregou todos ao rei, para que assim se tornasse seu genro. Então Saul lhe deu a sua filha Mical em casamento. 28Saul viu e reconheceu que o Senhor estava com Davi; e Mical, filha de Saul, o amava. 29Então Saul ficou com mais medo ainda de Davi e continuamente foi seu inimigo.

30Cada vez que os chefes dos filisteus saíam à batalha, Davi obtinha mais êxito do que todos os servos de Saul. E assim o nome de Davi se tornou muito estimado.