Nova Almeida Atualizada (2017) (NAA)
14

A profecia de Aías contra Jeroboão

141Naquele tempo, Abias, filho de Jeroboão, adoeceu. 2Então Jeroboão disse à sua mulher:

— Levante-se, ponha um disfarce para que não saibam que você é a mulher de Jeroboão e vá até Siló. Eis que lá está o profeta Aías, que disse a meu respeito que eu seria rei sobre este povo.

14.2
1Rs 11.29
3Leve com você dez pães, alguns bolos e um pote de mel e vá falar com ele. Ele lhe dirá o que vai acontecer com este menino.

4A mulher de Jeroboão fez o que lhe foi pedido: levantou-se, foi até Siló e entrou na casa de Aías. Este já não podia ver, porque os seus olhos já não se moviam, por causa da velhice. 5Porém o Senhor disse a Aías:

— Eis que a mulher de Jeroboão está vindo para lhe perguntar a respeito do filho dela, que está doente. Assim e assim você deve falar com ela. Ao chegar, ela vai estar disfarçada.

6Quando ela estava entrando pela porta, Aías ouviu o ruído de seus pés e disse:

— Entre, mulher de Jeroboão. Por que você veio disfarçada? Estou encarregado de lhe dar más notícias. 7Vá e diga a Jeroboão: Assim diz o Senhor, Deus de Israel: “Eu tirei você do meio do povo e fiz com que você se tornasse chefe sobre o meu povo de Israel. 8Tirei o reino da casa de Davi e o entreguei a você. Mas você não foi como o meu servo Davi, que guardou os meus mandamentos e me seguiu de todo o coração, fazendo somente o que é reto aos meus olhos. 9Pelo contrário, você fez o mal, pior do que todos os reis que vieram antes de você. Fez outros deuses e imagens de fundição, para provocar-me à ira, e me virou as costas. 10Portanto, eis que trarei o mal sobre a casa de Jeroboão,

14.10
1Rs 15.29
e eliminarei de Jeroboão todo e qualquer indivíduo do sexo masculino, tanto o escravo como o livre, e lançarei fora os descendentes da casa de Jeroboão como se lança fora o esterco, até que, de todo, ela se acabe. 11Se alguém da casa de Jeroboão morrer na cidade, os cães o comerão; e se alguém morrer no campo, as aves do céu o comerão, porque o Senhor o disse.”

12— Quanto a você, mulher de Jeroboão, levante-se e volte para casa. Quando você puser os pés na cidade, o menino morrerá. 13Todo o Israel o pranteará e o sepultará. Ele será o único da casa de Jeroboão que será sepultado, porque nele se achou alguma coisa boa para com o Senhor, Deus de Israel, na casa de Jeroboão. 14O Senhor, porém, levantará para si um rei sobre Israel, que eliminará, no seu dia, a casa de Jeroboão. Quando será? Já está acontecendo. 15O Senhor ferirá Israel para que se agite como a cana se agita nas águas. Vai arrancar Israel desta boa terra que ele deu aos seus pais e o espalhará para além do Eufrates, porque fizeram postes da deusa Aserá, provocando o Senhor à ira.

14.15
Dt 29.28
16Entregará Israel por causa dos pecados que Jeroboão cometeu e pelos que fez Israel cometer.
14.16
1Rs 12.30

17Então a mulher de Jeroboão se levantou, foi e chegou a Tirza. Quando ela chegou à soleira da porta, o menino morreu. 18Sepultaram-no, e todo o Israel o pranteou, segundo a palavra do Senhor, anunciada por meio do profeta Aías, seu servo.

14.18
1Rs 14.13

19Quanto aos demais atos de Jeroboão, como guerreou e como reinou, está tudo escrito no Livro da História dos Reis de Israel. 20Foi de vinte e dois anos o tempo que Jeroboão reinou. Ele morreu, e Nadabe, seu filho, reinou em seu lugar.

O reinado de Roboão, de Judá

2Cr 12.1-16

21Roboão, filho de Salomão, reinou em Judá. Ele tinha quarenta e um anos de idade quando começou a reinar e reinou dezessete anos em Jerusalém, na cidade que o Senhor havia escolhido de todas as tribos de Israel, para estabelecer ali o seu nome. A mãe de Roboão se chamava Naamá, e era amonita.

22Judá fez o que era mau aos olhos do Senhor, e, com os pecados que cometeu, despertou o seu ciúme, mais do que os seus pais haviam feito. 23Porque também os de Judá edificaram altos,

14.23
2Rs 17.9-10
estátuas, colunas e postes da deusa Aserá sobre todas as colinas e debaixo de todas as árvores frondosas. 24Havia também na terra prostitutos cultuais. Fizeram segundo todas as coisas abomináveis das nações que o Senhor havia expulsado de diante dos filhos de Israel.

25No quinto ano do reinado de Roboão, Sisaque, rei do Egito, atacou Jerusalém. 26Levou embora os tesouros da Casa do Senhor e os tesouros do palácio real. Levou tudo, inclusive todos os escudos de ouro que Salomão tinha feito.

14.26
1Rs 10.16-17
2Cr 9.15-16
27Em lugar destes, o rei Roboão fez escudos de bronze e os entregou nas mãos dos capitães da guarda, que guardavam o portão do palácio real. 28Toda vez que o rei entrava na Casa do Senhor, os da guarda usavam os escudos e depois os devolviam à câmara da guarda.

29Quanto aos demais atos de Roboão e a tudo o que ele fez, não está tudo escrito no Livro da História dos Reis de Judá? 30Roboão e Jeroboão estiveram sempre em guerra. 31Roboão morreu e foi sepultado nos túmulos de seus pais, na Cidade de Davi. A mãe dele se chamava Naamá, e era amonita. E Abias, filho de Roboão, reinou em seu lugar.