Almeida Revista e Corrigida (2009) (ARC)
42

O Servo do Senhor

421Eis aqui o meu Servo,

42.1
Is 43.10
49.3,6
Mt 12.18-20
Fp 2.7
a quem sustenho, o meu Eleito, em quem se compraz a minha alma;
42.1
Mt 3.17
17
Ef 1.6
Is 11.2
Jo 3.34
pus o meu Espírito sobre ele; juízo produzirá entre os gentios. 2Não clamará, não se exaltará, nem fará ouvir a sua voz na praça. 3A cana trilhada não quebrará, nem apagará o pavio que fumega; em verdade, produzirá o juízo. 4Não faltará, nem será quebrantado, até que ponha na terra o juízo; e as ilhas aguardarão a sua doutrina.

5Assim diz Deus, o Senhor, que criou

42.5
Is 44.24
Zc 12.1
os céus, e os estendeu, e formou a terra e a tudo quanto produz, que dá a respiração
42.5
At 17.25
ao povo que nela está e o espírito, aos que andam nela. 6Eu, o Senhor,
42.6
Is 23.1
49.6,8
Lc 2.32
At 13.47
te chamei em justiça, e te tomarei pela mão, e te guardarei, e te darei por concerto do povo e para luz dos gentios; 7para abrir
42.7
Is 9.2
35.5
os olhos dos cegos, para tirar da prisão os presos e do cárcere, os que jazem em trevas. 8Eu sou o Senhor; este é o meu nome; a minha glória, pois, a outrem não darei,
42.8
Is 48.11
nem o meu louvor, às imagens de escultura. 9Eis que as primeiras coisas passaram, e novas coisas eu vos anuncio, e, antes que venham à luz, vo-las faço ouvir.

10Cantai ao Senhor um cântico novo e o seu louvor, desde o fim da terra, vós que navegais pelo mar e tudo quanto há nele; vós, ilhas e seus habitantes. 11Alcem a voz o deserto e as suas cidades, com as aldeias que Quedar habita; exultem os que habitam nas rochas e clamem do cume dos montes. 12Deem glória ao Senhor e anunciem o seu louvor nas ilhas. 13O Senhor, como poderoso, sairá; como homem de guerra, despertará o zelo; clamará, e fará grande ruído, e sujeitará os seus inimigos.

14Por muito tempo, me calei, estive em silêncio e me contive; mas, agora, darei gritos como a que está de parto, e a todos assolarei, e juntamente devorarei. 15Os montes e outeiros tornarei em deserto, e toda a sua erva farei secar, e tornarei os rios em ilhas, e as lagoas secarei. 16E guiarei os cegos por um caminho que nunca conheceram, fá-los-ei caminhar por veredas que não conheceram; tornarei as trevas em luz perante eles e as coisas tortas farei direitas. Essas coisas lhes farei e nunca os desampararei. 17Tornarão atrás e confundir-se-ão de vergonha os que confiam em imagens de escultura e dizem às imagens de fundição: Vós sois nossos deuses.

18Surdos, ouvi, e vós, cegos, olhai, para que possais ver. 19Quem

42.19
Is 43.8
Ez 12.2
Jo 9.39,41
é cego, senão o meu servo ou surdo como o meu mensageiro, a quem envio? E quem é cego como o galardoado e cego, como o servo do Senhor? 20Tu vês muitas
42.20
Rm 2.21
coisas, mas não as guardas; ainda que tenha os ouvidos abertos, nada ouve. 21O Senhor se agradava dele por amor da sua justiça; engrandeceu-o pela lei e o fez glorioso. 22Mas este é um povo roubado e saqueado; todos estão enlaçados em cavernas e escondidos nas casas dos cárceres; são postos por presa, e ninguém há que os livre; por despojo, e ninguém diz: Restitui. 23Quem há entre vós que ouça isso? Que atenda e ouça o que há de ser depois? 24Quem entregou Jacó por despojo e Israel, aos roubadores? Porventura, não foi o Senhor, aquele contra quem pecaram e nos caminhos do qual não queriam andar, não dando ouvidos à sua lei? 25Pelo que derramou sobre eles a indignação da sua ira e a força da guerra e
42.25
2Rs 25.9
Os 7.9
lhes pôs labaredas em redor, mas nisso não atentaram; e os queimou, mas não puseram nisso o coração.

43

Só Deus resgata Israel

431Mas, agora, assim diz o Senhor que

43.1
Is 42.6
43.7,21
44.2,6,21,24
45.4
te criou, ó Jacó, e que te formou, ó Israel: Não temas, porque eu te remi; chamei-te pelo teu nome; tu és meu. 2Quando passares pelas águas,
43.2
Dt 31.6,8
Dn 3.25,27
estarei contigo, e, quando pelos rios, eles não te submergirão; quando passares pelo fogo, não te queimarás, nem a chama arderá em ti. 3Porque eu sou o Senhor, teu Deus, o Santo de Israel, o teu Salvador; dei
43.3
Pv 11.8
21.18
o Egito por teu resgate, a Etiópia e Sebá, por ti. 4Enquanto foste precioso aos meus olhos, também foste glorificado, e eu te amei, pelo que dei os homens por ti, e os povos, pela tua alma. 5Não temas,
43.5
Is 41.10,14
44.2
Jr 30.10-11
46.27-28
pois, porque estou contigo; trarei a tua semente desde o Oriente e te ajuntarei desde o Ocidente. 6Direi ao Norte: Dá; e ao Sul: Não retenhas; trazei meus filhos de longe e minhas filhas das extremidades da terra, 7a todos os que são chamados
43.7
Is 63.19
Tg 2.7
Jo 3.3,5
Ef 2.10
pelo meu nome, e os que criei para minha glória; eu os formei, sim, eu os fiz.

8Trazei

43.8
Is 6.9
42.19
Ez 12.2
o povo cego, que tem olhos; e os surdos, que têm ouvidos. 9Todas as nações se congreguem, e os povos se reúnam;
43.9
Is 41.21-22,26
quem dentre eles pode anunciar isto e fazer-nos ouvir as coisas antigas? Apresentem as suas testemunhas, para que se justifiquem, e para que se ouça, e para que se diga: Verdade é. 10Vós sois
43.10
Is 42.1
44.8
55.4
as minhas testemunhas, diz o Senhor, e o meu servo, a quem escolhi; para que o saibas, e me creiais, e entendais que eu sou o mesmo,
43.10
Is 41.4
44.6
e que antes de mim deus nenhum se formou, e depois de mim nenhum haverá. 11Eu,
43.11
Is 45.21
Os 13.4
eu sou o Senhor, e fora de mim não Salvador. 12Eu anunciei, e eu salvei, e eu o fiz ouvir,
43.12
Dt 32.16
Is 43.10
44.8
e deus estranho não houve entre vós, pois vós sois as minhas testemunhas, diz o Senhor; eu sou Deus. 13Ainda antes que houvesse dia, eu sou;
43.13
Jo 8.58
Jó 9.12
Is 14.7
e ninguém que possa fazer escapar das minhas mãos; operando eu, quem impedirá?

14Assim diz o Senhor, teu Redentor, o Santo de Israel: Por amor de vós, enviei inimigos contra a Babilônia e a todos farei descer como fugitivos, isto é, os caldeus, nos navios com que se vangloriavam. 15Eu sou o Senhor, vosso Santo, o Criador de Israel, vosso Rei. 16Assim

43.16
Êx 14.16,22
Is 51.10
Js 3.13,16
diz o Senhor, o que preparou no mar um caminho e nas águas impetuosas, uma vereda; 17o que trouxe
43.17
Êx 14.4,9,25
o carro e o cavalo, o exército e a força; eles juntamente se deitaram e nunca se levantarão; estão extintos e como um pavio, se apagaram. 18Não vos lembreis
43.18
Jr 16.14
23.7
das coisas passadas, nem considereis as antigas. 19Eis que farei uma coisa
43.19
2Co 5.17
Ap 21.5
nova, e, agora, sairá à luz; porventura, não a sabereis?
43.19
Êx 17.6
Nm 20.11
Dt 8.15
Eis que porei um caminho no deserto e rios, no ermo. 20Os animais do campo me servirão, os 43.20 ou chacaisdragões e os filhos do avestruz;
43.20
Is 48.21
porque porei águas no deserto e rios, no ermo, para dar de beber ao meu povo, ao meu eleito. 21Esse povo que formei para mim, para que me desse louvor.

22Contudo, tu não me invocaste a mim, ó Jacó, mas te cansaste de mim, ó Israel. 23Não

43.23
Am 5.25
me trouxeste o gado miúdo dos teus holocaustos, nem me honraste com os teus sacrifícios; não te fiz servir com ofertas, nem te fatiguei com incenso. 24Não me compraste por dinheiro cana aromática, nem com a gordura dos teus sacrifícios me encheste, mas me deste trabalho com os teus pecados e me cansaste com as tuas maldades. 25Eu,
43.25
Is 1.18
44.22
48.9
Jr 31.34
50.20
At 3.19
eu mesmo, sou o que apaga as tuas transgressões por amor de mim e dos teus pecados me não lembro. 26Procura lembrar-me; entremos em juízo juntamente; apresenta as tuas razões, para que te possa justificar. 27Teu primeiro pai pecou, e os teus 43.27 ou embaixadoresintérpretes prevaricaram contra mim. 28Pelo que profanarei
43.28
Is 47.6
Lm 2.2,6-7
Jr 24.9
Dn 9.11
Zc 8.13
os maiorais do santuário e farei de Jacó um anátema e de Israel, um opróbrio.

44

A soberania de Deus. A vaidade dos ídolos

441Agora, pois, ouve,

44.1
Is 41.8
43.1
44.21
Jr 30.10
46.27-28
ó Jacó, servo meu, e tu, ó Israel, a quem escolhi. 2Assim diz o Senhor que te criou, e te
44.2
Is 43.1,7
formou desde o ventre, e que te ajudará: Não temas, ó Jacó, servo meu, e tu, Jesurum, a quem escolhi. 3Porque derramarei
44.3
Is 35.7
Jl 2.28
At 2.18
água sobre o sedento e rios, sobre a terra seca; derramarei o meu Espírito sobre a tua posteridade e a minha bênção, sobre os teus descendentes. 4E brotarão entre a erva, como salgueiros junto aos ribeiros das águas. 5Este dirá: Eu sou do Senhor; e aquele se chamará do nome de Jacó; e aquele outro escreverá com a mão: Eu sou do Senhor; e por sobrenome tomará o nome de Israel.

6Assim

44.6
Is 41.4
43.1,14
44.24
48.12
Ap 1.8,17
22.13
diz o Senhor, Rei de Israel e seu Redentor, o Senhor dos Exércitos: Eu sou o primeiro e eu sou o último, e fora de mim não Deus. 7E quem
44.7
Is 41.4,22
45.21
chamará como eu, e anunciará isso, e o porá em ordem perante mim, desde que ordenei um povo eterno? Este que anuncie as coisas futuras e as que ainda hão de vir. 8Não vos assombreis, nem temais;
44.8
Is 41.22
43.10,12
45.5
Dt 4.35,39
2Sm 22.32
porventura, desde então, não vo-lo fiz ouvir e não vo-lo anunciei? Porque vós sois as minhas testemunhas. Há outro Deus além de mim? Não! Não há outra Rocha que eu conheça.

9Todos

44.9
Is 41.24,29
os artífices de imagens de escultura são vaidade, e as suas coisas mais desejáveis são de nenhum préstimo; e suas mesmas testemunhas nada veem, nem entendem, para que eles sejam confundidos. 10Quem forma um deus e funde uma imagem de escultura,
44.10
Jr 10.5
Hc 2.18
que é de nenhum préstimo? 11Eis que todos os seus seguidores ficarão confundidos, pois os mesmos artífices são dentre os homens; ajuntem-se todos e levantem-se; assombrar-se-ão e serão juntamente confundidos.

12O ferreiro faz o machado,

44.12
Is 40.19
Jr 10.3
e trabalha nas brasas, e o forma com martelos, e o lavra com a força do seu braço; ele tem fome, e a sua força falta, e não bebe água, e desfalece. 13O carpinteiro estende a régua, e emprega a almagra, e aplaina com o cepilho, e marca com o compasso, e faz o seu deus à semelhança de um homem, segundo a forma de um homem, para ficar em casa. 14Tomou para si cedros, ou toma um cipreste, ou um carvalho e esforça-se contra as árvores do bosque; planta um olmeiro, e a chuva o faz crescer. 15Então, servirão ao homem para queimar; com isso, se aquenta e coze o pão; também faz um deus e se prostra diante dele; fabrica uma imagem de escultura e ajoelha diante dela. 16Metade queima, com a outra metade 44.16 ou cozinhacome carne; assa-a e farta-se; também se aquenta e diz: Ora, me aquentei, já vi o fogo. 17Então, do resto faz um deus, uma imagem de escultura; ajoelha-se diante dela, e se inclina, e lhe dirige a sua oração, e diz: Livra-me, porquanto tu és o meu deus. 18Nada sabem, nem entendem; porque se lhe untaram os olhos, para que não vejam, e o coração, para que não entendam. 19E nenhum deles
44.19
Is 46.8
toma isso a peito, e já não têm conhecimento nem entendimento para dizer: Metade queimei, e cozi pão sobre as suas brasas, e assei sobre elas carne, e a comi; e faria eu do resto uma abominação? Ajoelhar-me-ia eu ao que saiu de uma árvore? 20Apascenta-se de cinza;
44.20
Os 4.12
Rm 1.21
o seu coração enganado o desviou, de maneira que não pode livrar a sua alma, nem dizer: Não há uma mentira na minha mão direita?

A promessa de livramento. A vinda de Ciro

21Lembra-te dessas coisas, ó Jacó, e, tu, Israel,

44.21
Is 44.1-2
porquanto és meu servo; eu te formei, meu servo és, ó Israel; não me esquecerei de ti. 22Desfaço
44.22
Is 43.1,25
48.20
as tuas transgressões como a névoa, e os teus pecados, como a nuvem; torna-te para mim, porque eu te remi. 23Cantai alegres, vós, ó
44.23
Jr 51.48
Ap 18.20
céus, porque o Senhor fez isso; exultai vós, as partes mais baixas da terra; vós, montes, retumbai com júbilo; também vós, bosques e todas as árvores em vós; porque o Senhor remiu a Jacó e glorificou-se em Israel.

24Assim diz o Senhor,

44.24
Is 43.1,14
44.6
teu Redentor, e que te formou desde o ventre: Eu sou o Senhor que faço todas as coisas,
44.24
Jó 9.8
que estendo os céus e espraio a terra por mim mesmo; 25que desfaço os sinais
44.25
Is 47.13
Jr 50.36
1Co 1.20
dos inventores de mentiras e enlouqueço os adivinhos; que faço tornar atrás os sábios e transtorno a ciência deles; 26sou eu quem confirma
44.26
Zc 1.6
a palavra do seu servo e cumpre o conselho dos seus mensageiros; quem diz a Jerusalém: Tu serás habitada, e às cidades de Judá: Sereis reedificadas, e eu levantarei as suas ruínas; 27quem diz à profundeza:
44.27
Jr 50.38
51.32,36
Seca-te, e eu secarei os teus rios; 28quem diz de Ciro: É meu pastor e cumprirá tudo o que me apraz; dizendo também a Jerusalém:
44.28
2Cr 36.22-23
Ed 1.1
Is 45.13
Sê edificada; e ao templo: Funda-te.

Utilizamos cookies de acordo com o nossa Política de Privacidade, respeitando todos as suas informações pessoais.[ocultar]