Almeida Revista e Corrigida (2009) (ARC)
13

O pecado de Israel e o seu castigo

131Quando Efraim falava, tremia-se; foi exalçado em Israel;

13.1
2Rs 17.16,18
Os 11.2
mas ele fez-se culpado em Baal e morreu. 2E, agora, multiplicaram pecados
13.2
Os 2.8
8.4
e da sua prata fizeram uma imagem de fundição, ídolos segundo o seu entendimento, todos obra de artífices, dos quais dizem:
13.2
1Rs 19.18
Os homens que sacrificam beijam os bezerros. 3Por isso,
13.3
Os 6.4
Dn 2.35
serão como a nuvem de manhã e como o orvalho da madrugada, que cedo passa, como o folhelho, que a tempestade lança da eira, e como a fumaça da chaminé. 4Todavia, eu sou
13.4
Is 43.11
Os 12.9
o Senhor, teu Deus, desde a terra do Egito; portanto, não reconhecerás outro deus além de mim,
13.4
Is 43.11
45.21
porque não Salvador, senão eu.

5Eu te

13.5
Dt 2.7
8.15
32.10
conheci no deserto, em terra muito seca. 6Depois, eles se fartaram
13.6
Dt 8.12,14
32.15
em proporção do seu pasto; estando fartos, ensoberbeceu-se o seu coração;
13.6
Os 8.14
por isso, se esqueceram de mim. 7Serei, pois,
13.7
Lm 3.10
Os 5.14
Jr 5.6
para eles como leão; como leopardo, espiarei no caminho. 8Como urso que tem perdido seus filhos, os encontrarei,
13.8
2Sm 17.8
Pv 17.12
lhes romperei as teias do seu coração; e ali os devorarei como leão; as feras do campo os despedaçarão. 9Para tua perda,
13.9
Pv 6.32
Ml 1.9
Os 13.4
ó Israel, te rebelaste contra mim, contra o teu ajudador. 10Onde está, agora, o teu rei,
13.10
Dt 32.38
Os 10.3
13.4
para que te guarde em todas as tuas cidades? E os teus juízes, dos quais disseste:
13.10
1Sm 8.5,19
Dá-me rei e príncipes? 11Dei-te
13.11
1Sm 8.7
10.19
15.22-23
16.1
Os 10.3
um rei na minha ira e to tirei no meu furor.

12A

13.12
Dt 32.34
Jó 14.17
iniquidade de Efraim está atada, o seu pecado está armazenado. 13Dores
13.13
Is 13.8
Jr 30.6
Pv 22.3
de mulher de parto lhe virão; ele é um filho insensato,
13.13
2Rs 19.3
porque é tempo, e não está no lugar em que deve vir à luz. 14Eu os remirei da
13.14
Is 25.8
Ez 37.12
violência do inferno e os resgatarei da morte; onde estão, ó morte, as tuas pragas? Onde está, ó inferno, a tua perdição?
13.14
1Co 15.54-55
O arrependimento
13.14
Gn 41.52
48.19
Jr 4.11
Ez 17.10
será escondido de meus olhos. 15Ainda que ele dê fruto entre os irmãos, virá o vento leste, vento do Senhor, subindo do deserto, e secar-se-á a sua nascente, e secar-se-á a sua fonte; ele saqueará o tesouro de todos os vasos desejáveis. 16Samaria virá
13.16
2Rs 8.12
15.16
18.12
Is 13.16
Os 10.14-15
Am 1.13
Na 3.10
a ser deserta, porque se rebelou contra o seu Deus; cairão à espada, seus filhos serão despedaçados, e as suas mulheres grávidas serão abertas pelo meio.

14

Exortação ao arrependimento e promessa de perdão

141Converte-te,

14.1
Os 12.6
13.9
Jl 2.13
ó Israel, ao Senhor, teu Deus; porque, pelos teus pecados, tens caído. 2Tomai convosco palavras e convertei-vos ao Senhor; dizei-lhe: Expulsa toda a iniquidade e 14.2 ou recebe-nos benignamenterecebe o bem;
14.2
Hb 13.15
e daremos como bezerros os sacrifícios dos nossos lábios. 3Não nos salvará a
14.3
Jr 31.18
Dt 17.16
Is 30.2,16
31.1
Assíria, não iremos montados em cavalos
14.3
Os 14.8
e à obra das nossas mãos não diremos mais: Tu és o nosso Deus; porque, por ti, o órfão alcançará misericórdia.

4Eu sararei a sua perversão,

14.4
Os 11.7
Ef 1.6
eu voluntariamente os amarei; porque a minha ira se apartou deles. 5Eu serei, para Israel, como
14.5
Jó 29.19
Pv 19.12
orvalho; ele florescerá como o lírio e espalhará as suas raízes como o Líbano. 6Estender-se-ão as suas vergônteas, e a sua glória será como a da oliveira,
14.6
Gn 27.27
Ct 4.11
o seu odor, como o do Líbano. 7Voltarão os que se assentarem à sua sombra; serão vivificados como o trigo e florescerão como a vide; a sua memória será como o vinho do Líbano.

8Efraim dirá:

14.8
Os 14.3
Jr 31.18
Que mais tenho eu com os ídolos? Eu o tenho ouvido e isso considerarei; eu sou como a faia verde;
14.8
Tg 1.17
de mim é achado o teu fruto.

9Quem é sábio,

14.9
Jr 9.12
Dn 12.10
Jo 8.47
18.37
para que entenda estas coisas? Prudente, para que as saiba?
14.9
Pv 10.29
Lc 2.34
2Co 2.16
1Pe 2.7-8
Porque os caminhos do Senhor são retos, e os justos andarão neles, mas os transgressores neles cairão.