Almeida Revista e Corrigida (2009) (ARC)

41Conjuro-te,

4.1
1Tm 5.21
6.13
At 10.42
pois, diante de Deus e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu Reino, 2que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes,
4.2
1Tm 5.20
4.13
Tt 1.13
com toda a longanimidade e doutrina. 3Porque virá tempo em que não sofrerão a sã
4.3
2Tm 3.1,6
1Tm 1.10
doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si 4.3 ou instruidoresdoutores conforme as suas próprias concupiscências; 4e desviarão os ouvidos da verdade,
4.4
1Tm 1.4
Tt 1.14
voltando às fábulas. 5Mas tu sê sóbrio 4.5 ou em todas as coisasem tudo,
4.5
2Tm 1.8
At 21.8
Ef 4.11
sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério.

Paulo prevê a sua morte. Diz a Timóteo que venha ter com ele. Escreve-lhe acerca de diversas pessoas e manda saudações finais

6Porque eu já estou sendo 4.6 Gr. derramado como libaçãooferecido

4.6
Fp 1.23
2Pe 1.14
por aspersão de sacrifício, e o tempo da minha partida está próximo. 7Combati o bom combate,
4.7
1Co 9.24-25
1Tm 6.12
Hb 12.1
acabei a carreira, guardei a fé. 8Desde agora,
4.8
1Co 9.25
Tg 1.12
1Pe 5.4
Cl 4.14
a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele Dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda.

9Procura vir ter

4.9
Fm 24
1Jo 2.15
comigo depressa. 10Porque Demas me desamparou, amando o presente século, e foi para Tessalônica; Crescente, para a Galácia, Tito, para a Dalmácia. 11Só Lucas está comigo.
4.11
2Tm 1.15
Cl 4.14
Fm 24
Toma Marcos e traze-o contigo, porque me é muito útil para o ministério. 12Também enviei Tíquico
4.12
At 20.4
Ef 6.21
Cl 4.7
Tt 3.12
a Éfeso. 13Quando vieres, traze a capa que deixei em Trôade, em casa de Carpo, e os livros, principalmente os pergaminhos. 14Alexandre,
4.14
At 19.33
1Tm 1.20
2Sm 3.39
o latoeiro, causou-me muitos males; o Senhor lhe pague segundo as suas obras. 15Tu, guarda-te também dele, porque resistiu muito às nossas palavras. 16Ninguém me assistiu na minha primeira defesa; antes, todos me desampararam.
4.16
2Tm 1.15
At 7.60
Que isto lhes não seja imputado. 17Mas o Senhor assistiu-me e
4.17
Mt 10.19
At 23.11
9.15
fortaleceu-me, para que, por mim, fosse cumprida a pregação e todos os gentios a ouvissem; e fiquei livre da boca do leão. 18E o Senhor me livrará de
4.18
Rm 11.30
Gl 1.5
Hb 13.21
toda má obra e guardar-me-á para o seu Reino celestial; a quem seja glória para todo o sempre. Amém!

19Saúda a Prisca, e a Áquila,

4.19
At 18.22
Rm 16.3
e à casa de Onesíforo. 20Erasto ficou em Corinto,
4.20
At 19.22
20.4
Rm 16.23
e deixei Trófimo doente em Mileto. 21Procura
4.21
2Tm 4.9
vir antes do inverno. Êubulo, e Pudente, e Lino, e Cláudia, e todos os irmãos te saúdam.

22O Senhor Jesus Cristo seja com o teu espírito.

4.22
Gl 6.18
Fm 25
A graça seja convosco. Amém!