Almeida Revista e Atualizada (1993) (ARA)
81

Exortação a louvor e obediência

Ao mestre de canto, segundo a melodia “Os lagares”. Salmo de Asafe

811Cantai de júbilo a Deus, força nossa;

celebrai o Deus de Jacó.

2Salmodiai e fazei soar o tamboril,

a suave harpa com o saltério.

3Tocai a trombeta

81.3
Nm 10.10
na Festa da Lua Nova,

na lua cheia, dia da nossa festa.

4É preceito para Israel,

é prescrição do Deus de Jacó.

5Ele o ordenou, como lei, a José,

ao sair contra a terra do Egito.

Ouço uma linguagem que eu não conhecera.

6Livrei os seus ombros do peso,

e suas mãos foram livres dos cestos.

7Clamaste na angústia, e te livrei;

do recôndito do trovão eu te respondi

e te experimentei junto às águas de Meribá.

81.7
Êx 17.7
Nm 20.13

8Ouve, povo meu, quero exortar-te.

Ó Israel, se me escutasses!

9Não haja no meio de ti deus alheio,

81.9
Êx 20.2-3
Dt 5.6-7

nem te prostres ante deus estranho.

10Eu sou o Senhor, teu Deus,

que te tirei da terra do Egito.

Abre bem a boca, e ta encherei.

11Mas o meu povo não me quis escutar a voz,

e Israel não me atendeu.

12Assim, deixei-o andar na teimosia do seu coração;

siga os seus próprios conselhos.

13Ah! Se o meu povo me escutasse,

se Israel andasse nos meus caminhos!

14Eu, de pronto, lhe abateria o inimigo

e deitaria mão contra os seus adversários.

15Os que aborrecem ao Senhor se lhe submeteriam,

e isto duraria para sempre.

16Eu o sustentaria com o trigo mais fino

e o saciaria com o mel que escorre da rocha.

82

Increpadas a injustiça e a parcialidade dos juízes

Salmo de Asafe

821Deus assiste na congregação divina;

no meio dos deuses, estabelece o seu julgamento.

2Até quando julgareis injustamente

e tomareis partido pela causa dos ímpios?

3Fazei justiça ao fraco e ao órfão,

procedei retamente para com o aflito e o desamparado.

4Socorrei o fraco e o necessitado;

tirai-os das mãos dos ímpios.

5Eles nada sabem, nem entendem;

vagueiam em trevas;

vacilam todos os fundamentos da terra.

6Eu disse: sois deuses,

82.6
Jo 10.34

sois todos filhos do Altíssimo.

7Todavia, como homens, morrereis

e, como qualquer dos príncipes, haveis de sucumbir.

8Levanta-te, ó Deus, julga a terra,

pois a ti compete a herança de todas as nações.

83

Julgamento de Deus contra as nações inimigas

Cântico. Salmo de Asafe

831Ó Deus, não te cales;

não te emudeças, nem fiques inativo, ó Deus!

2Os teus inimigos se alvoroçam,

e os que te odeiam levantam a cabeça.

3Tramam astutamente contra o teu povo

e conspiram contra os teus protegidos.

4Dizem: Vinde, risquemo-los de entre as nações;

e não haja mais memória do nome de Israel.

5Pois tramam concordemente

e firmam aliança contra ti

6as tendas de Edom e os ismaelitas,

Moabe e os hagarenos,

7Gebal, Amom e Amaleque,

a Filístia como os habitantes de Tiro;

8também a Assíria se alia com eles,

e se constituem braço forte aos filhos de Ló.

9Faze-lhes como fizeste a Midiã,

83.9
Jz 7.1-23

como a Sísera,

83.9
Jz 4.6-22
como a Jabim na ribeira de Quisom;

10os quais pereceram em En-Dor;

tornaram-se adubo para a terra.

11Sejam os seus nobres como Orebe

83.11
Jz 7.25
e como Zeebe,

e os seus príncipes, como Zeba

83.11
Jz 8.12
e como Zalmuna,

12que disseram: Apoderemo-nos

das habitações de Deus.

13Deus meu, faze-os como folhas impelidas por um remoinho,

como a palha ao léu do vento.

14Como o fogo devora um bosque

e a chama abrasa os montes,

15assim, persegue-os com a tua tempestade

e amedronta-os com o teu vendaval.

16Enche-lhes o rosto de ignomínia,

para que busquem o teu nome, Senhor.

17Sejam envergonhados e confundidos perpetuamente;

perturbem-se e pereçam.

18E reconhecerão que só tu,

cujo nome é Senhor,

és o Altíssimo sobre toda a terra.

Utilizamos cookies de acordo com o nossa Política de Privacidade, respeitando todos as suas informações pessoais.[ocultar]