Almeida Revista e Atualizada (1993) (ARA)
32

Eliú irado contra Jó e seus três amigos

321Cessaram aqueles três homens de responder a Jó no tocante ao se ter ele por justo aos seus próprios olhos. 2Então, se acendeu a ira de Eliú, filho de Baraquel, o buzita, da família de Rão; acendeu-se a sua ira contra Jó, porque este pretendia ser mais justo do que Deus. 3Também a sua ira se acendeu contra os três amigos, porque, mesmo não achando eles o que responder, condenavam a Jó. 4Eliú, porém, esperara para falar a Jó, pois eram de mais idade do que ele. 5Vendo Eliú que já não havia resposta na boca daqueles três homens, a sua ira se acendeu.

Eliú vinga o seu direito de responder a Jó

6Disse Eliú, filho de Baraquel, o buzita:

Eu sou de menos idade,

e vós sois idosos;

arreceei-me e temi

de vos declarar a minha opinião.

7Dizia eu: Falem os dias,

e a multidão dos anos ensine a sabedoria.

8Na verdade, há um espírito no homem,

e o sopro do Todo-Poderoso o faz sábio.

9Os de mais idade não é que são os sábios,

nem os velhos, os que entendem o que é reto.

10Pelo que digo: dai-me ouvidos,

e também eu declararei a minha opinião.

11Eis que aguardei as vossas palavras

e dei ouvidos às vossas considerações,

enquanto, quem sabe, buscáveis o que dizer.

12Atentando, pois, para vós outros,

eis que nenhum de vós houve que refutasse a Jó,

nem que respondesse às suas razões.

13Não vos desculpeis, pois, dizendo:

Achamos sabedoria nele;

Deus pode vencê-lo, e não o homem.

14Ora, ele não me dirigiu palavra alguma,

nem eu lhe retorquirei com as vossas palavras.

15Jó, os três estão pasmados, já não respondem,

faltam-lhes as palavras.

16Acaso, devo esperar, pois não falam,

estão parados e nada mais respondem?

17Também eu concorrerei com a minha resposta;

declararei a minha opinião.

18Porque tenho muito que falar,

e o meu espírito me constrange.

19Eis que dentro de mim sou como o vinho, sem respiradouro,

como odres novos, prestes a arrebentar-se.

20Permiti, pois, que eu fale para desafogar-me;

abrirei os lábios e responderei.

21Não farei acepção de pessoas,

nem usarei de lisonjas com o homem.

22Porque não sei lisonjear;

em caso contrário, em breve me levaria o meu Criador.