Almeida Revista e Atualizada (1993) (ARA)

A felicidade na Sião futura

351O deserto e a terra se alegrarão; o ermo exultará e florescerá como o narciso. 2Florescerá abundantemente, jubilará de alegria e exultará; deu-se-lhes a glória do Líbano, o esplendor do Carmelo e de Sarom; eles verão a glória do Senhor, o esplendor do nosso Deus. 3Fortalecei

35.3
Hb 12.12
as mãos frouxas e firmai os joelhos vacilantes. 4Dizei aos desalentados de coração: Sede fortes, não temais. Eis o vosso Deus. A vingança vem, a retribuição de Deus; ele vem e vos salvará.

5Então, se abrirão os olhos dos cegos, e se desimpedirão os ouvidos dos surdos; 6os coxos saltarão como cervos, e a língua dos mudos cantará; pois águas arrebentarão no deserto, e ribeiros, no ermo.

35.5-6
Mt 11.5
Lc 7.22
7A areia esbraseada se transformará em lagos, e a terra sedenta, em mananciais de águas; onde outrora viviam os chacais, crescerá a erva com canas e juncos.

8E ali haverá bom caminho, caminho que se chamará o Caminho Santo; o imundo não passará por ele, pois será somente para o seu povo; quem quer que por ele caminhe não errará, nem mesmo o louco. 9Ali não haverá leão, animal feroz não passará por ele, nem se achará nele; mas os remidos andarão por ele. 10Os resgatados do Senhor voltarão e virão a Sião com cânticos de júbilo; alegria eterna coroará a sua cabeça; gozo e alegria alcançarão, e deles fugirá a tristeza e o gemido.