Almeida Revista e Atualizada (1993) (ARA)
9

Moisés lembra aos israelitas o socorro divino

91Ouve, ó Israel, tu passas, hoje, o Jordão para entrares a possuir nações maiores e mais fortes do que tu; cidades grandes e amuralhadas até aos céus; 2povo grande e alto, filhos dos anaquins, que tu conheces e de que já ouvistes: Quem poderá resistir aos filhos de Enaque? 3Sabe, pois, hoje, que o Senhor, teu Deus, é que passa adiante de ti; é fogo que consome, e os destruirá, e os subjugará diante de ti; assim, os desapossarás e, depressa, os farás perecer, como te prometeu o Senhor.

4Quando, pois, o Senhor, teu Deus, os tiver lançado de diante de ti, não digas no teu coração: Por causa da minha justiça é que o Senhor me trouxe a esta terra para a possuir, porque, pela maldade destas gerações, é que o Senhor as lança de diante de ti. 5Não é por causa da tua justiça, nem pela retitude do teu coração que entras a possuir a sua terra, mas pela maldade destas nações o Senhor, teu Deus, as lança de diante de ti; e para confirmar a palavra que o Senhor, teu Deus, jurou a teus pais, Abraão, Isaque e Jacó.

As infidelidades de Israel

Êx 32.1-20

6Sabe, pois, que não é por causa da tua justiça que o Senhor, teu Deus, te dá esta boa terra para possuí-la, pois tu és povo de dura cerviz. 7Lembrai-vos e não vos esqueçais de que muito provocastes à ira o Senhor, vosso Deus, no deserto; desde o dia em que saístes do Egito até que chegastes a este lugar, rebeldes fostes contra o Senhor; 8pois, em Horebe, tanto provocastes à ira o Senhor, que a ira do Senhor se acendeu contra vós para vos destruir. 9Subindo eu ao monte a receber as tábuas de pedra, as tábuas da aliança que o Senhor fizera convosco, fiquei no monte quarenta dias e quarenta noites;

9.9
Êx 24.18
não comi pão, nem bebi água. 10Deu-me o Senhor as duas tábuas de pedra, escritas com o dedo de Deus; e, nelas, estavam todas as palavras segundo o Senhor havia falado convosco no monte, do meio do fogo, estando reunido todo o povo. 11Ao fim dos quarenta dias e quarenta noites, o Senhor me deu as duas tábuas de pedra, as tábuas da aliança. 12E o Senhor me disse: Levanta-te, desce depressa daqui, porque o teu povo, que tiraste do Egito, já se corrompeu; cedo se desviou do caminho que lhe ordenei; imagem fundida para si fez.

13Falou-me ainda o Senhor, dizendo: Atentei para este povo, e eis que ele é povo de dura cerviz. 14Deixa-me que o destrua e apague o seu nome de debaixo dos céus; e te faça a ti nação mais forte e mais numerosa do que esta. 15Então, me virei e desci do monte; e o monte ardia em fogo; as duas tábuas da aliança estavam em ambas as minhas mãos. 16Olhei, e eis que havíeis pecado contra o Senhor, vosso Deus; tínheis feito para vós outros um bezerro fundido; cedo vos desviastes do caminho que o Senhor vos ordenara. 17Então, peguei as duas tábuas, e as arrojei das minhas mãos, e as quebrei ante os vossos olhos. 18Prostrado estive perante o Senhor, como dantes, quarenta dias e quarenta noites; não comi pão e não bebi água, por causa de todo o vosso pecado que havíeis cometido, fazendo mal aos olhos do Senhor, para o provocar à ira. 19Pois temia

9.19
Hb 12.21
por causa da ira e do furor com que o Senhor tanto estava irado contra vós outros para vos destruir; porém ainda esta vez o Senhor me ouviu. 20O Senhor se irou muito contra Arão para o destruir; mas também orei por Arão ao mesmo tempo. 21Porém tomei o vosso pecado, o bezerro que tínheis feito, e o queimei, e o esmaguei, moendo-o bem, até que se desfez em pó; e o seu pó lancei no ribeiro que descia do monte.

22Também em Taberá,

9.22
Nm 11.3
em Massá
9.22
Êx 17.7
e em Quibrote-Hataavá
9.22
Nm 11.34
provocastes muito a ira do Senhor. 23Quando também o Senhor vos enviou
9.23
Nm 13.17
de Cades-Barneia, dizendo: Subi e possuí
9.23
Dt 1.21
a terra que vos dei, rebeldes fostes
9.23
Nm 13.30
Dt 1.26
ao mandado do Senhor, vosso Deus, e não o crestes, e não obedecestes à sua voz. 24Rebeldes fostes contra o Senhor, desde o dia em que vos conheci.

Moisés intercede pelo povo

Êx 32.11-14,30-35

25Prostrei-me, pois, perante o Senhor e, quarenta dias e quarenta noites, estive prostrado; porquanto o Senhor dissera que vos queria destruir. 26Orei ao Senhor, dizendo: Ó Senhor Deus! Não destruas o teu povo e a tua herança, que resgataste com a tua grandeza, que tiraste do Egito com poderosa mão. 27Lembra-te dos teus servos Abraão, Isaque e Jacó; não atentes para a dureza deste povo, nem para a sua maldade, nem para o seu pecado, 28para que o povo da terra donde nos tiraste não diga: Não tendo podido o Senhor introduzi-los na terra de que lhes tinha falado e porque os aborrecia, os tirou para matá-los no deserto. 29Todavia, são eles o teu povo e a tua herança, que tiraste com a tua grande força e com o braço estendido.

10

As segundas tábuas da lei

101Naquele tempo, me disse o Senhor: Lavra duas tábuas de pedra, como as primeiras, e sobe a mim ao monte, e faze uma arca de madeira. 2Escreverei nas duas tábuas as palavras que estavam nas primeiras que quebraste, e as porás na arca. 3Assim, fiz uma arca de madeira de acácia, lavrei duas tábuas de pedra, como as primeiras, e subi ao monte com as duas tábuas na mão. 4Então, escreveu o Senhor nas tábuas, segundo a primeira escritura, os dez mandamentos que ele vos falara no dia da congregação, no monte, no meio do fogo; e o Senhor mas deu a mim. 5Virei-me, e desci do monte, e pus as tábuas na arca que eu fizera; e ali estão, como o Senhor me ordenou.

Da vocação da tribo de Levi

6Partiram os filhos de Israel de Beerote-Benê-Jaacã para Mosera. Ali faleceu Arão

10.6
Nm 20.28
e ali foi sepultado. Eleazar, seu filho, oficiou como sacerdote em seu lugar. 7Dali partiram para Gudgoda e de Gudgoda para Jotbatá, terra de ribeiros de águas. 8Por esse mesmo tempo, o Senhor separou a tribo de Levi
10.8
Nm 3.5-8
para levar a arca da Aliança do Senhor, para estar diante do Senhor, para o servir e para abençoar em seu nome até ao dia de hoje. 9Pelo que Levi não tem parte nem herança com seus irmãos; o Senhor é a sua herança, como o Senhor, teu Deus, lhe tem prometido.

10Permaneci no monte,

10.10
Êx 34.28
como da primeira vez, quarenta dias e quarenta noites; o Senhor me ouviu ainda por esta vez; não quis o Senhor destruir-te. 11Porém o Senhor me disse: Levanta-te, põe-te a caminho diante do povo, para que entre e possua a terra que, sob juramento, prometi dar a seus pais.

Exortação à obediência

12Agora, pois, ó Israel, que é que o Senhor requer de ti? Não é que temas o Senhor, teu Deus, e andes em todos os seus caminhos, e o ames, e sirvas ao Senhor, teu Deus, de todo o teu coração e de toda a tua alma, 13para guardares os mandamentos do Senhor e os seus estatutos que hoje te ordeno, para o teu bem? 14Eis que os céus e os céus dos céus são do Senhor, teu Deus, a terra e tudo o que nela há. 15Tão somente o Senhor se afeiçoou a teus pais para os amar; a vós outros, descendentes deles, escolheu de todos os povos, como hoje se vê. 16Circuncidai, pois, o vosso coração e não mais endureçais a vossa cerviz. 17Pois o Senhor, vosso Deus, é o Deus dos deuses e o Senhor dos senhores, o Deus grande, poderoso e temível, que não faz acepção

10.17
At 10.34
Rm 2.11
Gl 2.6
Ef 6.9
de pessoas, nem aceita suborno; 18que faz justiça ao órfão e à viúva e ama o estrangeiro, dando-lhe pão e vestes. 19Amai, pois, o estrangeiro, porque fostes estrangeiros na terra do Egito. 20Ao Senhor, teu Deus, temerás; a ele servirás, a ele te chegarás e, pelo seu nome, jurarás. 21Ele é o teu louvor e o teu Deus, que te fez estas grandes e temíveis coisas que os teus olhos têm visto. 22Com setenta almas,
10.22
Gn 46.27
teus pais desceram ao Egito; e, agora, o Senhor, teu Deus, te pôs como as estrelas dos céus
10.22
Gn 15.5
22.17
em multidão.

11

111Amarás, pois, o Senhor, teu Deus, e todos os dias guardarás os seus preceitos, os seus estatutos, os seus juízos e os seus mandamentos. 2Considerai hoje (não falo com os vossos filhos que não conheceram, nem viram a disciplina do Senhor, vosso Deus), considerai a grandeza do Senhor, a sua poderosa mão e o seu braço estendido; 3e também os seus sinais, as suas obras,

11.3
Êx 7.8—12.13
que fez no meio do Egito a Faraó, rei do Egito, e a toda a sua terra; 4e o que fez ao exército do Egito, aos seus cavalos e aos seus carros, fazendo passar sobre eles as águas do mar Vermelho,
11.4
Êx 14.28
quando vos perseguiam, e como o Senhor os destruiu até ao dia de hoje; 5e o que fez no deserto, até que chegastes a este lugar; 6e ainda o que fez a Datã e a Abirão, filhos de Eliabe, filho de Rúben; como a terra abriu a boca
11.6
Nm 16.31-32
e os tragou e bem assim a sua família, suas tendas e tudo o que os seguia, no meio de todo o Israel; 7porquanto os vossos olhos são os que viram todas as grandes obras que fez o Senhor.

Os benefícios da obediência

8Guardai, pois, todos os mandamentos que hoje vos ordeno, para que sejais fortes, e entreis, e possuais a terra para onde vos dirigis; 9para que prolongueis os dias na terra que o Senhor, sob juramento, prometeu dar a vossos pais e à sua descendência, terra que mana leite e mel. 10Porque a terra que passais a possuir não é como a terra do Egito, donde saístes, em que semeáveis a vossa semente e, com o pé, a regáveis como a uma horta; 11mas a terra que passais a possuir é terra de montes e de vales; da chuva dos céus beberá as águas; 12terra de que cuida o Senhor, vosso Deus; os olhos do Senhor, vosso Deus, estão sobre ela continuamente, desde o princípio até ao fim do ano. 13Se diligentemente obedecerdes a meus mandamentos que hoje vos ordeno, de amar o Senhor, vosso Deus, e de o servir de todo o vosso coração e de toda a vossa alma, 14darei as chuvas da vossa terra a seu tempo, as primeiras e as últimas, para que recolhais o vosso cereal, e o vosso vinho, e o vosso azeite. 15Darei erva no vosso campo aos vossos gados, e comereis e vos fartareis. 16Guardai-vos não suceda que o vosso coração se engane, e vos desvieis, e sirvais a outros deuses, e vos prostreis perante eles; 17que a ira do Senhor se acenda contra vós outros, e feche ele os céus, e não haja chuva, e a terra não dê a sua messe, e cedo sejais eliminados da boa terra que o Senhor vos dá.

18Ponde, pois, estas minhas palavras no vosso coração e na vossa alma; atai-as por sinal na vossa mão, para que estejam por frontal entre os olhos. 19Ensinai-as a vossos filhos, falando delas assentados em vossa casa, e andando pelo caminho, e deitando-vos, e levantando-vos. 20Escrevei-as nos umbrais de vossa casa e nas vossas portas,

11.18-20
Dt 6.6-9
21para que se multipliquem os vossos dias e os dias de vossos filhos na terra que o Senhor, sob juramento, prometeu dar a vossos pais, e sejam tão numerosos como os dias do céu acima da terra. 22Porque, se diligentemente guardardes todos estes mandamentos que vos ordeno para os guardardes, amando o Senhor, vosso Deus, andando em todos os seus caminhos, e a ele vos achegardes, 23o Senhor desapossará todas estas nações, e possuireis nações maiores e mais poderosas do que vós. 24Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, desde o deserto, desde o Líbano, desde o rio, o rio Eufrates, até ao mar ocidental, será vosso. 25Ninguém vos poderá resistir;
11.25
Js 1.5
o Senhor, vosso Deus, porá sobre toda terra que pisardes o vosso terror e o vosso temor, como já vos tem dito.
11.24-25
Js 1.3-5

A bênção e a maldição

26Eis que, hoje, eu ponho diante de vós a bênção e a maldição: 27a bênção, quando cumprirdes os mandamentos do Senhor, vosso Deus, que hoje vos ordeno; 28a maldição, se não cumprirdes os mandamentos do Senhor, vosso Deus, mas vos desviardes do caminho que hoje vos ordeno, para seguirdes outros deuses que não conhecestes. 29Quando, porém, o Senhor, teu Deus, te introduzir na terra a que vais para possuí-la, então, pronunciarás a bênção sobre o monte Gerizim

11.29
Dt 27.11-14
Js 8.33-35
e a maldição sobre o monte Ebal. 30Porventura, não estão eles além do Jordão, na direção do pôr do sol, na terra dos cananeus, que habitam na Arabá, defronte de Gilgal, junto aos carvalhais de Moré? 31Pois ides passar o Jordão para entrardes e possuirdes a terra que vos dá o Senhor, vosso Deus; possuí-la-eis e nela habitareis. 32Tende, pois, cuidado em cumprir todos os estatutos e os juízos que eu, hoje, vos prescrevo.

Utilizamos cookies de acordo com o nossa Política de Privacidade, respeitando todos as suas informações pessoais.[ocultar]